Stefano Saviotti: “Estamos preparados para os próximos anos e para continuar a crescer”

Por a 13 de Fevereiro de 2020 as 14:23

Os Hotéis Dom Pedro celebraram esta quarta-feira, dia 12, os cinquenta anos da fundação do seu primeiro hotel na Madeira dando início à constituição da cadeia hoteleira.

Várias centenas de convidados participaram na festa que decorreu no Dom Pedro Lisboa e que teve como anfitrião Stefano Saviotti. Entre os presentes estiveram o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, a secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, o ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, os presidentes da Câmara de Loulé e Santa Cruz, vários empresários do turismo, amigos e clientes da cadeia hoteleira.

No discurso de boas-vindas aos convidados, Stefano Saviotti agradeceu aos colaboradores do grupo por estes cinquenta anos, atribuindo-lhes o sucesso da cadeia hoteleira. “Esta é força do grupo Dom Pedro”, referiu. Afirmando que o turismo só se pode fazer “com paixão”, o presidente do grupo hoteleiro disse que os Hotéis Dom Pedro estão “preparados para os próximos anos, para continuar a crescer, a fazer um bom trabalho e a funcionar bem”.

Pedro Siza Vieira afirmou que “são raras as empresas deste país que têm 50 anos”, assim como “são raras as empresas deste setor, em particular, que têm 50 anos”.

“Ao longo destes 50 anos, os Hotéis Dom Pedro conseguiram deixar uma marca de qualidade. Não era evidente há 50, 40 ou 30 anos que fosse possível em Portugal estar num segmento de hospitalidade de topo e de grande qualidade, com produtos e ofertas complementares como o golfe, e com uma capacidade sistemática de investir num nível elevado”, apontou o ministro da Economia. “Hoje em dia sabemos que em Portugal há espaço para uma diversidade de oferta grande e que o segmento de qualidade é importante e cada vez mais notável, mas penso que é justo assinalar que os Hotéis Dom Pedro sempre se posicionaram assim, mesmo quando isso não era evidente e, por isso, é devido um agradecimento ao Stefano Saviotti e ao grupo”, concluiu.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *