OMT: Chegadas internacionais sobem 6% até Abril

Por a 14 de Julho de 2017 as 15:33

Nos primeiros quatro meses do ano, as chegadas de turistas internacionais atingiram 369 milhões, número que representa mais 21 milhões de chegadas face a igual período do ano passado e que se traduz numa subida de 6%, de acordo com o último barómetro da Organização Mundial de Turismo (OMT).

“As chegadas internacionais reportadas pelos destinos em todo o mundo foram positivas, no geral, com muito poucas excepções. A maioria das boas performances de 2016 mantêm-se, enquanto os destinos em dificuldades no ano passado continuam a recuperar na primeira parte de 2017”, refere a OMT em nota à imprensa.

De acordo com a OMT, o Médio Oriente observou um crescimento de 10% nas chegadas internacionais, enquanto em África a subida foi de 8% e de 6% na Europa. Já a Ásia-Pacifico manteve um “crescimento robusto”, considera a OMT, subindo 6% nas chegadas internacionais, enquanto o continente americano teve um crescimento de 4%.

“Os destinos afectados por eventos negativos em 2016 estão a mostrar claros sinais de recuperação num curto período de tempo, o que são notícias muito bem-vindas para todos mas particularmente para aqueles cujos meios de subsistência dependem do Turismo”, refere Taleb Rifai, secretário-geral da OMT.

Por regiões, a OMT destaca que a Europa, depois de resultados diversos no ano passado, as chegadas internacionais subiram 6%, reflectindo o regresso da confiança a destinos que registaram problemas de segurança no passado, enquanto outros mantiveram um forte crescimento.

Na Europa, os resultados melhoraram essencialmente nos destinos do sul do Mediterrâneo, que registaram um crescimento de 9% nas chegadas internacionais, enquanto na Europa Ocidental subiram 4%. A Europa do Norte teve uma subida de 9% nas chegadas internacionais e na Europa central e de leste a subida foi de 4%.

Na Ásia-Pacifico, onde as chegadas internacionais cresceram 6%, o destaque vai para o sul asiático, onde se registou um acréscimo de 14%, seguindo-se a Oceânia com uma subida de 7%, o sudoeste asiático com mais 6% e o nordeste da Ásia com um crescimento de 5%.

No continente americano, onde as chegadas internacionais subiram 4% de forma global, o maior crescimento foi registado na América do Sul e Central, ambas com 7% de subida, enquanto na América do Norte subiram 3% e apenas 2% as Caraíbas.

Em África, as chegadas internacionais subiram 8%, com destaque para a região Norte, onde o crescimento foi de 18%, enquanto no Médio Oriente se registou um acréscimo de 10%, depois de, no ano passado, as chegadas internacionais terem caído 4% nesta região.

A OMT refere ainda que o bom momento que as chegadas internacionais atravessam está a reflectir-se nos níveis de confiança dos especialistas, que atingiram o nível mais alto dos últimos 12 anos, com especial destaque para a Europa.

Os níveis de confiança para os próximos meses estão também em alta, sendo os mais altos da última década, com especial destaque para o período até Agosto, que corresponde à época alta em grande parte dos principais destinos turísticos mundiais.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *