Há mais portugueses a viajar para Cuba. Charters para Cayo Coco começam dia 9

Por a 29 de Junho de 2018 as 15:41

Nos primeiros seis meses de 2018, Cuba recebeu 12.908 portugueses, o equivalente a uma subida ligeira de 1% face a igual período do ano anterior. Os números foram revelados esta sexta-feira pela Embaixadora de Cuba em Portugal, Mercedes Martinez Valdés, durante uma apresentação conjunta da MSC Cruzeiros, da Embaixada de Cuba e dos operadores Sonhando, Solférias e iTravel para agentes de viagens, que decorreu a bordo do MSC Magnífica, no Terminal de Lisboa.

A apresentação acontece numa altura em que se iniciam os voos charters para Cayo Coco (9 de Julho) e passado quase um mês do início da operação charter para Varadero (2 de Junho).

Reconhecendo que as maiores vendas ocorrem no período de Verão, devido aos voos charters para o destino, a embaixadora de Cuba lembrou os pontos altos do país, sendo a hospitalidade do povo cubano e a segurança dois dos factores mais referenciados.

Mercedes Valdés fez ainda referência ao Furacão Irma, que ocorreu em Setembro do ano passado e afectou sobretudo a parte Norte da ilha, obrigando à evacuação dos turistas, para dizer que, em apenas 62 dias, o país conseguiu recuperar os hotéis afectados.

Nos primeiros quatro meses do ano, Cuba recebeu mais 6% de turistas internacionais do que em igual período de 2017. Em 2017, o país recebeu 4,6 milhões de turistas, dos quais 27 mil foram portugueses.

Charters para Cayo Coco começam dia 9 de Julho

A operação charter da Sonhando, Solférias e iTravel para Varadero já começou no passado dia 2 de Junho e prolonga-se até 6 de Outubro, última data de partida. No caso de Varadero, às saídas são ao sábado e os voos operados pela Orbest. Já a operação para Cayo Coco começa agora, dia 9 de Julho, e prolonga-se até 10 de Setembro, em voos operados às segundas-feiras pela EuroAtlantic, companhia aérea accionista da Sonhando.

Durante a apresentação, Katy Lourenço, operations manager do Sonhando, destacou o facto da companhia ter classe executiva “o que não existe em muitos voos para as Caraíbas no período do Verão”.

No conjunto, os operadores têm cinco mil lugares para venderem no período de Verão para Cuba.

Parceria com a MSC

Desde o ano passado, que a operação para Cuba no Verão tem a parceria da MSC para a oferta de cruzeiros. Este ano estão disponíveis dois itinerários operados pelo navio MSC Armonia: Cuba e o Melhor do Mar das Caraíbas (Havana, Montego Bay, George Town, Cozumel e Havana) e Os Trópicos entre Pirâmides e Fortalezas (Havana, Belize, Ilha de Roatan, Costa Maya, Cozumel e Havana). Os preços incluem os voos para Varadero, transfers entre o aeroporto de Varadero e o porto de Havana e seguro de assistência de viagem.

“A vantagem de fazer este cruzeiro a começar em Havana é que o porto fica mesmo junto à zona de Havana Velha, um passageiro que não queira comprar a excursão para visitar Havana, consegue facilmente conhecer a cidade”, explica Katy Lourenço. No entanto, a Sonhando incluiu, no itinerário Os Trópicos entre Pirâmides e Fortalezas, além do transfer de saída para o aeroporto, um city tour com almoço, uma vez que o navio chega a Havana às 10h.

Na ocasião, o mesmo operador aproveitou para anunciar o lançamento de uma oferta para os cruzeiros que consiste no desconto de 50 euros por pessoa nos pacotes com partidas de 7 de Julho até 6 de Outubro.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *