Assine já
Miguel Frasquilho
Aviação

Miguel Frasquilho vai ser reconduzido como chairman da TAP

Recondução vai acontecer a 31 de Janeiro, durante a próxima assembleia-geral da empresa.

Publituris
Miguel Frasquilho
Aviação

Miguel Frasquilho vai ser reconduzido como chairman da TAP

Recondução vai acontecer a 31 de Janeiro, durante a próxima assembleia-geral da empresa.

Publituris
Sobre o autor
Publituris
Artigos relacionados
“TAP contribui e beneficia da boa imagem que o País passou a ter no estrangeiro”
Homepage
Miguel Frasquilho
TAP deverá voar para a China “naturalmente a médio prazo”
Homepage
Manuel Beja deve substituir Frasquilho à frente da TAP
Homepage
Novo A330-900 da TAP recebe certificação de tipo da EASA
Homepage

O Estado, através da Parpública, vai propor a recondução de Miguel Frasquilho como chairman da TAP, o que vai acontecer já a 31 de Janeiro, durante a próxima assembleia-geral da companhia aérea.

De acordo com informação avançada pelo Negócios, que cita um comunicado do Ministério do Planeamento e das Infraestruturas, a recondução vai ser extensível aos restantes cinco membros do conselho de administração da TAP – Diogo Lacerda Machado, Esmeralda Dourado, Bernardo Trindade, Ana Macedo Silva e António Gomes de Menezes -, que foram indicados no ano passado.

A próxima assembleia-geral da TAP vai servir também para eleger uma nova comissão executiva, que será designada pelos accionistas privados após consulta ao Estado, conforme o previsto no Acordo Parassocial da empresa.

Será também na assembleia-geral de 31 de Janeiro que Antonoaldo Neves será oficialmente aprovado como novo presidente executivo da TAP, substituindo Fernando Pinto, que anunciou dia 11 a sua saída, depois de 17 anos na liderança da companhia de bandeira nacional.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Artigos relacionados
Transportes

Turkish Airlines vence prémios Skytrax e é a melhor companhia aérea da Europa

Além de ter sido eleita como melhor companhia aérea da Europa, a Turkish Airlines recebeu também os prémios de “Melhor Catering de Classe Executiva do Mundo” e “Melhor Companhia Aérea do Sul da Europa”. 

A Turkish Airlines foi eleita como a melhor companhia aérea da Europa em 2022 nos Skytrax World Airline Awards, prémios que anualmente distinguem as melhores transportadoras aéreas do mundo.

Entregues esta sexta-feira, 23 de setembro, numa cerimónia que decorreu em Londres, os prémios Skytrax distinguiram a Turkish Airlines como melhor companhia aérea da Europa pelo desempenho da transportadora turca ao longo de 2022.

Além do prémio de melhor companhia aérea da Europa, a Turkish Airlines venceu também na categoria de “Melhor Catering de Classe Executiva do Mundo”, sendo também considerada a “Melhor Companhia Aérea do Sul da Europa”.

“Gostaríamos de agradecer aos nossos valiosos passageiros, que nos consideraram merecedores desses maravilhosos prémios, e à equipa Skytrax, que colocou essa avaliação em prática”, afirmou Ahmet Bolat, chairman da transportadora turca, durante a cerimónia, reafirmando o objetivo de tornar “a marca Turkish Airlines na melhor do mundo”.

Os Skytrax World Airline Awards são entregues anualmente e têm por base a avaliação dos passageiros das companhias aéreas, numa votação online que, nesta edição, teve lugar entre setembro de 2021 e agosto de 2022. Participaram na votação passageiros de mais de 100 nacionalidades, num total de 14,32 milhões de votos.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

TAP tem nova vogal do Conselho de Administração

Sofia Lufinha substitui Alexandra Reis, que tinha sido nomeada pelos anteriores acionistas da companhia aérea nacional e abandonou a TAP em fevereiro.

A TAP tem, desde esta sexta-feira, 23 de setembro, uma nova vogal do Conselho de Administração, cargo que passou a ser ocupado por Sofia Lufinha, depois da saída, em fevereiro, de Alexandra Reis, avança a Lusa, que cita uma nota enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

“A acionista única da TAP, a República Portuguesa, representada pela Direção Geral de Tesouro e Finanças, deliberou eleger a senhora engenheira Sofia Norton dos Reis Lufinha de Mello Franco como membro do Conselho de Administração da TAP, para o período remanescente do mandato em curso (quadriénio 2021/2024), com efeitos a contar de hoje”, lê-se na comunicação ao mercado.

Com a entrada de Sofia Lufinha, o Conselho de Administração (CA) da TAP passa a ser composto por Manuel Beja (presidente), Christine Oumières-Widener (vogal e presidente da Comissão Executiva), Gonçalo Pires (vogal), Ramiro Sequeira (vogal), Sílvia Gonzalez (vogal), Sofia Franco (vogal), Patrício Castro (vogal), Ana Lehmann (vogal) e João Duarte (vogal).

A Lusa recorda que, em fevereiro, Alexandra Reis renunciou ao cargo, com a administração da companhia aérea de bandeira nacional a explicar que a responsável tinha “sido nomeada pelos anteriores acionistas”, pelo que, com a alteração da estrutura societária da TAP, a anterior vogal decidiu “encerrar este capítulo da sua vida profissional” e abraçar “novos desafios”.

Sofia Lufinha transita para a TAP do Pingo Doce, onde era diretora de marketing e de desenvolvimento de negócio, e assume agora o cargo de chief strategy officer da companhia aérea  de bandeira nacional.

A nova vogal do Conselho de Administração da TAP iniciou a sua carreira profissional em 2001, na consultora McKinsey & Company, em Portugal, onde exerceu funções até março de 2013, quando transitou para o Pingo Doce.

Sofia Lufinha é licenciada em Gestão e Engenharia Industrial pelo Instituto Superior Técnico de Lisboa e tem um MBA na ENSEAD.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Air Europa anuncia codeshare com a Kuwait Airways que também inclui Portugal

Novo acordo de codeshare entre a Air Europa e a Kuwait Airways entra em vigor nos próximos meses e abrange também as rotas de Lisboa e Porto operadas pela companhia aérea espanhola.

A Air Europa e a Kuwait Airways estabeleceram um acordo de codeshare que entra em vigor nos próximos meses e que vai aumentar as opções de voos para os passageiros de ambas as companhias aéreas na Europa, Caraíbas, América do Sul e Norte de África, e que abrange também as rotas da Air Europa para Lisboa e Porto.

De acordo com o jornal espanhol Hosteltur, com este acordo, o código da Air Europa passa a aparecer também nos voos da Kuwait Airways para Madrid, assim como nas rotas da companhia aérea de bandeira do Kuwait para Amesterdão, Roma e Milão.

Já o código da Kuwait Airways passa também a surgir nos voos transatlânticos da Air Europa de Madrid para Cancun, Miami, São Paulo, Cuba e Bogotá, assim como nas rotas que a companhia aérea espanhola realiza para Lisboa e Porto, bem como para Marraquexe, em Marrocos, e ainda nas rotas domésticas.

Além de um maior número de opções de voo, este acordo tem também a vantagem de permitir viagens com um único bilhete, entre outros benefícios para os passageiros.

Este acordo “apoia e reforça o processo de expansão e crescimento em que nos encontramos”, afirmou Imanol Pérez, diretor comercial da Air Europa, enquanto Shorouk Al-Awadhi, diretora de Planificação e Distribuição da Kuwait Airways, considera que este acordo vai ajudar a companhia a superar os efeitos da pandemia, com benefícios também para a América, Europa e Golfo Pérsico.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Voos de agosto já ficaram a 94,7% de 2019, segundo a NAV Portugal

Segundo a NAV Portugal, os dados de agosto mostram que o tráfego aéreo está em “recuperação clara e sustentável”.

Publituris

A NAV Portugal revelou esta quinta-feira, 22 de setembro, que, em agosto, o total de voos controlados em território nacional já ficou a 94,7% de igual mês de 2019, antes da chegada da pandemia da COVID-19, o que indica que o tráfego aéreo está em “recuperação clara e sustentável”.

Segundo uma nota informativa da NAV Portugal, “o tráfego IFR (Instruments Flight Rules) na Região de Informação de Voo (RIV) de Lisboa totalizou 57.703 movimentos”, o que traduz uma diminuição de “5,3% face aos 60.941 voos registados no mês de agosto de 2019, ano de referência para a aviação”.

“Em termos médios, neste mês foram controlados 1.861 voos IFR diários, registando-se
uma perda de 104 voos diários face a agosto de 2019”, acrescenta a empresa de gestão de tráfego aéreo nacional.

Já na RIV de Santa Maria, “o tráfego IFR em agosto de 2022 ascendeu a 17.476 movimentos, traduzindo-se num aumento de 6,5% face aos 16.410 voos controlados no mesmo mês mas em 2019”.

“Em termos médios foram controlados este mês 564 voos IFR por dia, tendo-se registado
um ganho de 34 voos diários face a agosto de 2019”, refere também a empresa que gere o tráfego aéreo em Portugal.

No acumulado até agosto, foram já controlados 395.940 voos na RIV Lisboa, o que traduz uma quebra de 39.949 voos IFR face ao tráfego acumulado de 2019, enquanto na RIV Santa Maria foram controlados 107.702 voos, o que indica também uma perda de 3.871 voos IFR em comparação com o mesmo período de 2019.

Apesar de, no acumulado entre janeiro e agosto, continuarem a existir quebras face a igual período de 2019, a NAV Portugal diz que “em ambas as RIV’s, o tráfego acumulado até agosto de 2022, é superior ao total verificado em 2021”.

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Azul anuncia novos voos de Recife para o Uruguai e EUA na 43.ª edição da ABAV

A Azul anunciou o lançamento de novos voos para o Uruguai e EUA no primeiro dia da 43.ª edição da ABAV Expo Internacional, uma das principais feiras de turismo do Brasil, que arrancou esta quarta-feira, 21 de setembro, em Pernambuco.

Publituris

A Azul anunciou esta quarta-feira, 21 de setembro, que vai abrir novos voos para Montevideu, capital do Uruguai, e para a Florida, nos EUA, num anúncio que foi feito no dia da abertura da 43.ª edição da ABAV Expo Internacional, uma das principais feiras de turismo do Brasil, que decorre no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda, até esta sexta-feira, 23 de setembro.

De acordo com a companhia aérea brasileira, os voos para Montevideu têm inicio em novembro, contando com uma ligação aérea por semana, que passa a duas a partir de dezembro. Já os voos para a Florida arrancam no Carnaval de 2023, com duas ligações por semana, que passam a cinco voos semanais a partir de julho do próximo ano.

“Estávamos ansiosos para retomar os nossos voos internacionais em Recife, que é o nosso principal hub de conectividade no Nordeste. A capital pernambucana sempre recebeu a Azul de braços abertos e o carinho que os nordestinos têm para com a nossa companhia reflete-se nas nossas operações no aeroporto de Recife”, afirma Fábio Campos, diretor de Relações Institucionais da Azul.

Segundo Fábio Campos, a partir de janeiro de 2023, a Azul vai passar a contar com 90 descolagens diárias no aeroporto de Recife, num reforço de operação que vai tornar o hub da companhia aérea na capital pernambucana “cada vez mais forte”.

O anúncio dos novos voos foi realizado no primeiro dia da ABAV Expo Internacional, que arrancou esta quarta-feira, 21 de setembro, e que conta com a participação de agentes de viagens e fornecedores da indústria do Turismo do Brasil.

Na edição deste ano, a Azul conta com um stand de 81 metros quadrados na feira, onde a companhia aérea dá a conhecer as suas ligações aéreas, assim como os serviços da sua operadora de viagens, a Azul Viagens.

Recorde-se que, além dos novos voos para Montevideu e para a Florida desde Recife não são as únicas novidades que a companhia aérea brasileira anunciou para os próximos meses, uma vez que, a 15 de dezembro, a Azul vai também lançar novas ligações de Belém e Manaus, no Norte do Brasil, para Fort Lauderdale, na Flórida, EUA.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Airbus Global Business Services abre escritório em Coimbra em 2023

A Airbus vai abrir, no primeiro semestre de 2023, um escritório satélite do Global Business Services Centre em Coimbra, para o qual prevê contratar até 100 colaboradores. O processo de recrutamento abre nas próximas semanas.

Publituris

A Airbus vai abrir, no primeiro semestre de 2023, um escritório satélite do Global Business Services Centre em Coimbra, delegação que vem alargar os serviços do fabricante aeronáutico europeu a mais uma cidade portuguesa, depois da abertura, em 2021, do hub principal em Lisboa.

“A Airbus Global Business Services expande agora as suas operações para mais uma cidade portuguesa, reforçando o investimento que a Airbus está a fazer em Portugal”, lê-se num comunicado divulgado esta quarta-feira, 21 de setembro. 

O novo escritório da Airbus em Portugal vai criar até 100 postos de trabalho, cuja campanha de recrutamento arranca dentro de poucas semanas, prevendo-se que os primeiros colaboradores contratados iniciem funções no início do próximo ano.

“Depois de abrir em 2021 o principal hub do seu Global Business Services (GBS) em Lisboa, que já emprega mais de 350 pessoas e prevê contratar até ao final do ano mais cerca de 100 colaboradores, a Airbus procura agora contratar em Coimbra colaboradores nas áreas de Contabilidade, Procurement, IT Systems, Recursos Humanos e Travel & Expenses”, indica o fabricante aeronáutico.

A Airbus explica que decidiu abrir este novo escritório “para estar mais perto dos potenciais talentos a serem contratados” e porque Coimbra se tem destacado como “a cidade mais relevante para a implementação deste novo projeto devido à sua localização estratégica, opções de transporte e infraestruturas disponíveis, bem como pela presença das instituições de ensino superior politécnico e universidades escolhidas por milhares de estudantes para desenvolverem a sua formação em várias áreas”.

A Airbus Global Business Services abriu em Portugal em maio de 2021 e é uma plataforma internacional de desenvolvimento de talento da Airbus na Europa, que conta atualmente com mais de 350 colaboradores em Lisboa a trabalhar nas áreas de Finanças, Recursos Humanos, Procurement, Gestão de Informação, Engenharia, Comunicação, Atendimento ao Cliente, Jurídica e Compliance.

A Airbus GBS diz ainda que oferece aos seus colaboradores um “pacote salarial atraente e uma gama completa de benefícios”, incluindo seguro de saúde, práticas de success sharing e equipamentos para home office, assim como “uma política de trabalho flexível”, que disponibiliza também oportunidades de mobilidade e desenvolvimento internacional.

As oportunidades de carreira disponíveis atualmente  na Airbus GBS podem ser consultadas aqui.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Summerwind Portugal tem novos contactos

A Summerwind Portugal atualizou os seus contactos gerais, assim como os e-mails dedicados às companhias aéreas Binter e LAM.

Publituris

A Summerwind Portugal atualizou os seus contactos gerais, assim como os e-mails dedicados às companhias aéreas Binter e LAM, informou a empresa de representação de companhias aéreas.

A Summerwind Portugal informa que a sua morada é na Av. Sidónio Pais, 24, 2.º Esq., 1050-215 Lisboa, e que o e-mail geral da empresa é [email protected], estando também disponíveis os números de telefone 211 642 034 e 210 965 713.

Além dos contactos gerais, a empresa atualizou também os emails dedicados para as companhias aéreas Binter e LAM, com a companhia aérea das Canárias a estar agora disponível pelos e-mails [email protected], [email protected] e [email protected]

Já a LAM, companhia aérea de bandeira moçambicana, passa a contar com o e-mail dedicado [email protected]

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

easyJet assinala alargamento de rede em Portugal com oferta de 20% de desconto

Nova campanha da easyJet oferece descontos até 20% em 56 destinos europeus e é válida para reservas até 26 de setembro, cujas viagens decorram até 30 de março de 2023.

Publituris

A easyJet lançou uma nova campanha promocional para assinalar o alargamento da sua rede à partida de Portugal, que é válida para reservas até 26 de setembro e que oferece descontos até 20% em 56 destinos na Europa.

“A companhia aérea líder na Europa tem agora 110.000 lugares disponíveis, para reserva a partir de hoje, em viagens a usufruir até 30 de março do próximo ano”, indica a easyJet, num comunicado enviado à imprensa.

Com esta campanha, que já está disponível para reservas no site da companhia aérea, a easyJet está a oferecer preços que começam nos 29 euros, incluindo para as novas rotas lançadas este inverno para Fuerteventura, Grã-Canária, Tenerife Sul, Porto Santo, Funchal, Bilbau e Valência, desde Lisboa, enquanto à partida do Porto estão ainda disponíveis voos para Funchal, Praga e Luxemburgo.

“A campanha em vigor, para reservas efetuadas até ao dia 26 de setembro, assinala o alargamento da rede a partir de Portugal e proporciona aos clientes a oportunidade imperdível de visitar as novas rotas recentemente anunciadas pela companhia”, destaca a easyJet.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Emirates volta a recrutar em Portugal

Companhia aérea do Dubai voltar a realizar duas ações de recrutamento em Braga e Lisboa, a 21 e 23 de setembro, respetivamente.

Publituris

A Emirates vai voltar a realizar ações de recrutamento de tripulantes de cabine em Portugal e, este mês, tem previstos dois Assessment Days em Braga e em Lisboa, que decorrem já nas próximas quarta e sexta-feira, 21 e 23 de setembro, respetivamente.

Em Braga, a ação de recrutamento da Emirates, que acontece na quarta-feira, 21 de setembro, vai ter lugar no hotel Mercure Braga Centro, enquanto a sessão de Lisboa, que decorre sexta-feira, 23 de setembro, está marcada para o hotel Ramada Lisbon by Wyndham.

Segundo a companhia aérea, “o candidato ideal terá de liderar com confiança e assumir o controlo na gestão dos serviços a bordo, nomeadamente no que se refere aos procedimentos de segurança”.

Todos os requisitos para o processo de seleção estão disponíveis aqui e a Emirates indica que os interessados em participar nestas ações de recrutamento devem apresentar uma candidatura online e possuir o curriculum vitae (CV) atualizado e em inglês, assim como uma fotografia recente.

No dia das ações de recrutamento, acrescenta a companhia aérea de bandeira do Dubai, os candidatos devem estar preparados para passar todo o dia no local de seleção.

A companhia aérea lembra ainda que toda a sua tripulação recebe formação nas instalações da Emirates no Dubai e conta com “excelentes oportunidades de carreira”, ao abrigo da “vasta gama de programas de desenvolvimento” que a transportadora disponibiliza aos seus colaboradores.

“Toda a tripulação da Emirates está baseada na cidade cosmopolita do Dubai e usufrui de um pacote salarial  distintivo no mercado que inclui uma variedade de benefícios tais como um salário isento de impostos, alojamento gratuito oferecido pela companhia, transporte gratuito de e para o trabalho, excelente cobertura médica, bem como descontos exclusivos em compras e atividades de lazer no Dubai”, acrescenta a Emirates.

A tripulação de cabine da Emirates goza ainda de vários benefícios de viagem para si e para as suas famílias e amigos, que abrangem todos os destinos para os quais a companhia aérea voa.

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Aviação

Beijing Capital Airlines passa a voar duas vezes por semana entre Portugal e a China

De acordo com a Lusa, a operação da Beijing Capital Airlines entre Lisboa e Hangzhou passa a contar com dois voos por semana, às quartas-feiras e sábados, ainda este mês.

Publituris

A Beijing Capital Airlines vai aumentar para dois voos por semana as ligações aéreas entre Portugal e a China já a partir desde mês, avança a Lusa, que cita fonte da companhia aérea chinesa.

De acordo com a informação avançada, além do voo que decorre aos sábados, a operação da Beijing Capital Airlines vai passar a contar também com um voo às quartas-feiras, ligando a capital portuguesa a Hangzhou, a capital da província de Zhejiang.

A Lusa recorda que os voos da Beijing Capital Airlines entre Portugal e a China tinham como destino a cidade de Xi’an, no entanto, autoridades de Xian suspenderam a ligação com Lisboa em 25 de dezembro de 2021, numa altura em que a cidade enfrentava um surto de covid-19, e só retomaram o voo em 12 de junho passado.

Por isso, a companhia aérea optou por trocar o destino do voo, que passou a ligar a capital portuguesa a Hangzhou, ainda que também estes voos tenham estado suspensos devido à COVID-19, uma vez que os voos para a China estão sujeitos à política ‘circuit breaker’ (interruptor, em português), em que quando são detetados cinco ou mais casos a bordo, a ligação é suspensa por uma semana. Caso haja dez ou mais casos, a ligação é suspensa por duas semanas.

A Lusa diz também que, devido à COVID-19 e à redução do número de voos para este país asiático, os preços das ligações aéreas entre Lisboa e Hangzhou dispararam e, atualmente, o preço de um voo de ida chega quase aos 3000 euros.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos

Navegue

Sobre nós

Grupo Workmedia

Mantenha-se conectado

©2021 PUBLITURIS. Todos os direitos reservados.