Indústria do luxo reúne-se no Algarve

Por a 16 de Outubro de 2017 as 12:40

Depois de ter marcado presença, no final de Setembro, na acção congénere realizada no continente americano, o Algarve foi o palco escolhido para acolher o evento Private Luxury Forums Europe, uma iniciativa exclusiva que reúne e promove encontros e acções de socialização e de networking entre os principais agentes da indústria do turismo de luxo.

A decorrer até à próxima quinta-feira, dia 19 Outubro, no Pine Cliffs Resort, em Albufeira, este evento conta com a participação e o apoio da Associação Turismo do Algarve (ATA), a agência dedicada à promoção turística do destino junto dos mercados externos e a responsável por trazer a realização desta acção para a região.

No total, o encontro contará com a presença de 150 buyers de luxo e de 150 suppliers (entre os quais representantes de hotéis, agências e operadores turísticos e de destinos).

“O facto de termos conseguido trazer este evento para o Algarve representa, em termos turísticos, uma excelente oportunidade para fortalecer o reconhecimento e a projeção internacional da região como um destino apelativo e surpreendente que apresenta, de forma integrada na sua diversificada oferta, um conjunto de infraestruturas e mais-valias de luxo, associado a uma excelente relação de qualidade/preço”, explica Dora Coelho, diretora executiva da ATA.

Após a conclusão do evento, a Associação Turismo do Algarve tem ainda preparada a organização de um post tour, que irá decorrer de 19 a 21 de Outubro, dirigido aos 20 melhores buyers que marcaram presença neste encontro. Este grupo seleccionado terá a possibilidade de conhecer, no terreno, algumas das mais recentes novidades em termos de oferta turística no destino, bem como de experienciar a diversidade de produtos existentes no segmento luxury e up-scale. “Queremos que este post tour funcione como a montra perfeita para que os participantes possam conhecer de perto e compreender o que torna a nossa oferta única e diferenciadora face aos outros destinos”, afirma Dora Coelho.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *