Assine já
Destinos

“Tem-nos acontecido tudo o que não queremos no turismo”

O Presidente da Confederação do Turismo Português (CTP), José Carlos Pinto Coelho, faz um balanço de quase seis anos a liderar os destinos desta entidade.

Tiago da Cunha Esteves
Destinos

“Tem-nos acontecido tudo o que não queremos no turismo”

O Presidente da Confederação do Turismo Português (CTP), José Carlos Pinto Coelho, faz um balanço de quase seis anos a liderar os destinos desta entidade.

Sobre o autor
Tiago da Cunha Esteves
Artigos relacionados
CTP critica inflexibilidade do Governo no IVA do golfe e restauração
Destinos
CTP quer redução do IVA no golfe e restauração para 2013
Destinos
CTP quer promoção internacional de algumas regiões nas mãos do TP
Destinos
CTP denuncia falta de apoios ao turismo
Destinos

O presidente da Confederação do Turismo Português (CTP), José Carlos Pinto Coelho, lamentou, em entrevista ao Publituris, muitas das medidas tomadas pelo novo Governo, como a subida do IVA no golfe e na restauração.

“Se olhar para o turismo, tem-nos acontecido tudo o aquilo que a gente não quer. Que é, nomeadamente, a subida do IVA. É pegar nas receitas e tirar uma parte para outro bolso que não é os negócios do golfe”, disse o presidente. “Outro enfoque que eu acho que é importante frisar, porque vive de um conjunto de gente que trabalha e acredita que consegue investir e ter resultados: não se podem mudar regras abruptamente, como esta foi feita”, acrescentou.

Naquela que foi, provavelmente, sua última entrevista ao Publituris como presidente da CTP, Pinto Coelho fez um balanço de quase seis anos ao longo dos quais liderou esta entidade.

Leia o artigo completo na edição impressa do Publituris desta semana.

Sobre o autorTiago da Cunha Esteves

Tiago da Cunha Esteves

Mais artigos
Artigos relacionados
Distribuição

Grupo Ávoris apresenta novidades para 2023 em roadshow

O roadshow do Grupo Ávoris decorre entre 31 de janeiro e 8 de fevereiro, conta com a participação dos operadores turísticos do grupo e vai visitar “várias cidades do país”.

O Grupo Ávoris anunciou que, entre 31 de janeiro e 8 de fevereiro, vai promover um roadshow para apresentar as novidades da programação dos seus operadores turísticos para 2023.

Num comunicado enviado à imprensa, o grupo turístico revela que o roadshow vai passar por “várias cidades do país” e conta com a participação dos operadores turísticos Jolidey, LePlan, Nortravel, LeSki, Travelplan, Rhodasol, Marsol e Catai Portugal.

Por enquanto, o Grupo Ávoris não adianta mais informações sobre o roadshow ou sobre as cidades que a iniciativa vai visitar, garantindo apenas que “brevemente” serão fornecidos mais detalhes sobre o evento.

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Destinos

Tailândia relança campanha ‘Amazing New Chapters’ para atingir 25 milhões de turistas em 2023

Este ano, a campanha assume a denominação de “Visit Thailand Year 2023: Amazing New Chapters” para ajudar a Tailândia a alcançar a meta de 25 milhões de turistas internacionais e receitas de 66 mil milhões de euros.

A Tailândia relançou a campanha “Visit Thailand Year: Amazing New Chapters” com o objetivo de chegar, este ano, à marca de 25 milhões de turistas internacionais, informou a Autoridade de Turismo da Tailândia (TAT).

Num comunicado enviado à imprensa, a TAT explica que a campanha, que está agora a iniciar o segundo ano, tem como “propósito garantir receitas turísticas superiores a 2,38 mil milhões de Baht (cerca de 66 mil milhões de euros) em 2023, o que representa uma recuperação de 80% das receitas obtidas em 2019”.

Por isso, este ano, a campanha assume a denominação de “Visit Thailand Year 2023: Amazing New Chapters”, representando um “compromisso da TAT e de todas os seus parceiros públicos e privados, bem como do povo tailandês, em manter a confiança dos turistas internacionais na Tailândia, recuperando o estatuto de destino preferido”, segundo Yuthasak Supasorn, governador da TAT.

No âmbito desta estratégia, a Tailândia vai voltar a marcar presença na FITUR, a feira de turismo de Espanha, que arranca esta quarta-feira, 18 de janeiro, em Madrid, e ao longo da qual os responsáveis da TAT vão “reunir com um grupo de operadores turísticos e agências de viagens portugueses, não só para lhes dar a conhecer a estratégia do turismo tailandês para este ano, mas também para conhecerem as expectativas do trade nacional sobre a evolução das vendas do destino em Portugal”.

Este ano, a Tailândia vai promover-se nos mercados de longo curso, como é o caso de Portugal, como um destino para desfrutar ao longo de todo o ano, apostando ainda em segmentos de mercado como as Luas-de-Mel, Saúde e Bem-estar, Golfe e Gastronomia.

Em 2023, a TAT vai ainda divulgar o novo conceito “Amazing 5F and More”, destinado a proporcionar experiências de viagem em novos segmentos como “Food, Film, Festival, Fight and Fashion“, garantindo ainda estar focada “na melhoria da qualidade dos produtos e serviços turísticos, a fim de conduzir a indústria do turismo tailandês a um crescimento sustentável”.

“Entre as principais atividades estão o projeto Good Host New Chapter Season 2, a certificação Amazing Thailand Safety and Health Administration (SHA) e ainda um leque de eventos centrados nos 5F já mencionados”, acrescenta a TAT.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Hotelaria

AP Hotels & Resorts estreia-se no Norte com a abertura do AP Dona Aninhas

A unidade de 64 quartos e suites torna-se assim o primeiro hotel do grupo fora do Algarve. A aposta é justificada por Emanuel Freitas, General Manager da AP Hotels & Resorts, pelos “resultados bem acima do esperado alcançados em 2022, que levaram a que o grupo desenhasse um plano de investimentos para 2023”.

O Grupo AP Hotels & Resorts aposta numa nova unidade hoteleira, o AP Dona Aninhas, um boutique hotel de charme localizado no centro da cidade de Viana do Castelo, como indicado em comunicado.

Em entrevista à Publituris Hotelaria para a edição 201 de janeiro, Emanuel Freitas, General Manager da AP Hotels & Resorts, justifica a nova abertura com “os resultados bem acima do esperado alcançados em 2022, que levaram a que o grupo AP Hotels & Resorts desenhasse um plano de investimentos para 2023 que contempla duas vias: crescimento e renovações”.

Desta forma nasce o Dona Aninhas, a primeira unidade do grupo fora do Algarve, cuja data de abertura está prevista “para o primeiro trimestre de 2023”, como adiantado à Publituris Hotelaria.

O hotel com decoração inspirada na arte deco, localizado numa antiga unidade hoteleira no centro histórico da cidade, oferece 64 quartos e suites baseados em três temáticas: navegadores, filigrana e bordados de Viana. Para Emanuel Freitas, o objetivo é claro: “homenagear as gentes de Viana e os seus costumes”.

Das valências do hotel fazem parte um restaurante que “aposta na gastronomia local, disponível ao pequeno-almoço, almoço e jantar”, como indicado em nota de imprensa, além de um ginásio e spa equipado com “piscina interior, banho turco, jacuzzi, sauna e solário”, onde também será possível usufruir de tratamentos e massagens. Destaque também para a capacidade da unidade para a organização de “eventos corporativos e sociais”, dada a existência de uma sala de reuniões com serviço de coffee break e banquetes.

A proximidade da unidade ao centro histórico e a possibilidade de visita ao Santuário de Santa Luzia, à praia do Cabedelo e a museus e igrejas da região são apontados em comunicado como mais valias da localização do hotel. Aliás, o General Manager da AP Hotels & Resorts garante que “a dinâmica de Viana do Castelo, tanto cultural como económica, faz desta uma das capitais de distrito mais interessante do Norte de Portugal, [o que] ajudará ao sucesso deste investimento”.

Grupo chega a Lisboa no primeiro semestre de 2024

Além da expansão a Norte, o Grupo AP Hotels & Resorts também chegará à capital, através de “uma parceira para a abertura da primeira unidade em Lisboa”, tal como explica Emanuel Freitas à Publituris Hotelaria.

Previsto para o primeiro semestre de 2024, o hotel AP Lisboa resulta de “uma parceria com a Pujol Invest Properties” e ficará situado num edifício histórico na Praça da Figueira. A unidade será composta por 62 quartos.

No capítulo das renovações, o grupo vai proceder à renovação da sua unidade “mais importante – tanto por capacidade como por faturação – o AP Adriana Beach Resort”, em Albufeira. A obra irá abranger os 116 quartos standard, “a última categoria que não estava totalmente renovada no resort”, bem como o anfiteatro com capacidade para 400 pessoas.

Ainda no Algarve, o grupo decidiu avançar com a renovação de 76 quartos no AP Cabanas Beach & Nature, numa obra que terá início no inverno de 2023.

Sobre o autorCarla Nunes

Carla Nunes

Mais artigos
Aviação

Airbus entrega mais 50 aeronaves comerciais em 2022

A Airbus entregou, em 2022, 661 aeronaves comerciais. Destaque para a família A320 da qual foram entregues 516 unidades. A carteira de encomendas, a 31 de dezembro de 2022, ascendia a 7.239 aeronaves.

A Airbus entregou, em 2022, 661 aeronaves comerciais a 84 clientes, tendo registado 1.078 novos pedidos brutos. A entrega destas 661 aeronaves correspondem a mais 50 unidades que no ano anterior de 2021, significando um aumento de 8% face ao exercício anterior quando a companhia entregou 611 aviões.

Entre as famílias de aeronaves entregues, em 2022, destaque para os A320, com 516 unidades, mais 33 unidades que em 2021. Dos A350, a Airbus entregou 60 unidades, mais cinco que em 2021, e dos A220 e A330 foram entregues 53 e 32 unidades, respetivamente (mais três e 14, em cada um dos casos). Já dos A380, a Airbus revela que não procedeu a qualquer entrega contra as cinco unidades entregues em 2021.

Relativamente à carteira de encomendas da Airbus, a 31 de dezembro de 2022, a companhia refere que esta ascendia a 7.239 aeronaves.

Face ás entregas efetuadas no ano passado, Guillaume Faury, CEO da Airbus, considera que foram “menos do que pretendíamos”, mas, adianta que “a significativa entrada de pedidos abrangendo todas as nossas famílias de aeronaves, incluindo cargueiros, reflete a força e a competitividade da nossa linha de produtos”.

A Airbus informa ainda ter recebido 1.078 novos pedidos (820 líquidos) em todos os programas e segmentos de mercado, incluindo vários compromissos de alto nível de algumas das principais operadoras do mundo. Em número de aeronaves, a Airbus registou um ratio líquido entre pedidos e entregas significativamente superior a um.

Por programas, o A220 obteve 127 novos pedidos brutos firmes. A Família A320neo conquistou 888 novos pedidos brutos. No segmento widebody, a Airbus obteve 63 novos pedidos brutos, incluindo 19 unidades A330 e 44 aeronaves A350, dos quais 24 foram para o recém-lançado A350F.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Tecnologia

Destinux atualiza plataforma com novas funcionalidades

Com o intuito de responder às tendências do setor, a plataforma para a gestão de viagens de negócios Destinux introduz, agora, uma série de funcionalidades para ajudar as empresas a alinhar o orçamento das viagens de negócios aos objetivos, assim como, monitorizar e analisar de forma eficiente todos os custos.

A Consultia Business Travel apresentou, recentemente, novas funcionalidades digitais incorporadas na plataforma Destinux, que permitem responder às atuais exigências da gestão de viagens de negócios.

Lançada em Portugal em 2022, a plataforma digital incorpora, agora, um conjunto de funcionalidades que se adaptam às exigências do setor. Alinhar o orçamento das viagens corporativas com os objetivos da empresa, bem como monitorizar e analisar todos os dados para um reajustamento instantâneo, são os novos serviços que a Destinux disponibiliza às empresas que oferece uma maior eficiência na gestão viagens de negócios.

“Ser mais eficiente, económico, sustentável e seguro, são as principais preocupações das empresas, que sofreram transformações na gestão de viagens corporativas após a crise pandémica”, considera a empresa, em comunicado. Para responder às necessidades do setor, o software Destinux proporciona às empresas, através da nova ferramenta Travel Management Dashboard, uma gestão mais estratégica e eficiente das suas viagens corporativas. Com uma gestão integral baseada na digitalização, permite alinhar o investimento nas viagens corporativas com os objetivos pré-definidos da organização e controlar que estes não se desviem do orçamento, o que permite atingir uma poupança de 20%.

Focada nos passageiros e nos responsáveis de gestão de viagens das empresas, a funcionalidade ‘Digitalização de Orçamentos’, otimiza a gestão interna da empresa, pois permite guardar os orçamentos correspondentes às viagens da empresa, editar, descarregar e gerir os mesmos. Ao consultar os motores de busca do sistema, que se ligam à indústria de viagens, é possível obter informações sobre os serviços necessários para as viagens, como: horários, custos e disponibilidade.

A plataforma Destinux, regista e reproduz a estrutura empresarial da empresa, sob aconselhamento da equipa de operações, que garante as vantagens das potencialidades oferecidas pelo sistema, permitindo, assim com a nova ferramenta ‘Registo e Gestão de Passageiros’, que as empresas atualizem de forma contínua e autónoma a estrutura da organização. Com esta função, as empresas gerem os utilizadores durante o processo de viagens corporativas, de acordo com a estrutura da empresa e os custos.

Preocupações “verdes”
Para satisfazer e responder às necessidades ecológicas das empresas através da digitalização, o serviço ‘Destinux Green’ calcula as emissões de CO2 produzidas pelas viagens corporativas, fornece às empresas um relatório das emissões geradas durante um ano e permite-lhes compensar a sua pegada de carbono de forma certificada com projetos de descarbonização ambiental. O sistema permite, ainda, às empresas cumprir as políticas de digitalização e implementar políticas de compras baseadas na sustentabilidade, tais como adquirir fornecedores mais sustentáveis. Trata-se de ganhar eficiência e tornar as viagens empresariais mais ecológicas, alinhando o orçamento de viagens de negócios aos objetivos da empresa e monitorizando todos os dados em tempo real.

O sistema coloca ao alcance da empresa a indústria de viagens com preços acessíveis e descontos facilmente detetados ao exibi-los por preferência e simbolizados com o ícone Destinux. Com a funcionalidade ‘Preços Especiais’, a Destinux, que estabelece uma comunicação direta com os fornecedores, para além de partilhar uma gama de opções, ofertas e preços mais baixos, apresenta os valores corporativos do próprio cliente, assinalado com o logotipo do mesmo e dos fornecedores, para que a empresa tenha ao seu dispor um conjunto de preços acessíveis e possa selecionar a opção que melhor se adapta às suas necessidades e poupar custos.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Emprego

Glion estabelece parceria com feira de recrutamento do setor do luxo

O Glion Institute of Higher Education uniu esforços com a The Vendôm Company para a 2ª edição da feira “EXCELLENCE by Vendôm”, dedicada exclusivamente ao recrutamento no setor do luxo. A feira terá lugar este ano no Hôtel Le Marois, em Paris, a 26 de janeiro, e em ambiente digital, de 25 a 27 de janeiro.

Criada pela CEO da The Vendôm Company, Laetitia Girard, a nova edição da feira de recrutamento “EXCELLENCE by Vendôm” capitaliza o sucesso da sua antecessora, que teve lugar em 2021, de 7 a 9 de outubro, e reuniu 100 profissionais, marcas e escolas de luxo. Ao todo, uma audiência de mais de três mil talentos da Europa, Médio Oriente e Ásia assistiram às conferências e workshops online disponíveis durante a última edição.

Em 2023, a empresa Vendôm optou por alterar o formato da EXCELLENCE by Vendôm, que será realizada online durante três dias e presencialmente em Paris. Em comunicado de imprensa, a Glion adianta que “a nova edição será baseada em intercâmbios ao vivo, permitindo aos profissionais e candidatos segui-la a partir de qualquer parte do mundo”.

Já são conhecidos os temas de quatro mesas-redondas

O evento destina-se a recrutadores, candidatos, hotéis e escolas de gestão de luxo, sendo que os dias serão organizados em torno de entrevistas online ou presenciais privadas com recrutadores, workshops e palestras, com conteúdo produzido em colaboração com a Glion.

O programa de debates incluirá quatro mesas redondas, que podem ser sujeitas a alterações.

A primeira mesa, intitulada “People to People”, contará com a presença de François-Henry Bennahmias, CEO da Audemars Piguet, e Maud Bailly, CEO da Sofitel, MGallery and Emblems.

Numa segunda mesa será debatido o tema “Luxury Speaks Sustainability”, com a participação de Manuel Mallen, CEO da Maison Courbet, e Emilie Metge Viargues, CEO da Christofle.

Haverá ainda espaço para uma terceira mesa-redonda sob o tema “Luxury and Transmission”, com Guy Bertaud, CEO da Maisons Pariente, e Thierry MARX, chef do restaurante Michelin “Sur Mesure”, do hotel Mandarin Oriental, em Paris.

Por fim, será dinamizada a mesa “History and Mindset of Luxury”, com a presença de: Stanislas De Quercize, presidente e fundador SAVIH e membro da direcção Christian Louboutin; Jean-Luc Naret, CEO da JLN & CO, e Véronique Beaumont, Managing Director COO na ESMOD International.

“A EXCELLENCE by Vendôme 2023 reunirá profissionais e aspirantes do universo do luxo numa dinâmica de desenvolvimento comum: o nosso objetivo é efetuar uma mudança de paradigma no recrutamento, regressando à sua própria essência – seres humanos – bem como promover um maior conhecimento das maisons de luxo e das oportunidades de emprego”, afirma Laetitia Girard.

Já Francine Cuagnier, diretora de Marketing Glion, garante que “a empregabilidade dos nossos estudantes é um dos grandes pontos fortes da nossa instituição. Esta mostra é uma oportunidade única para descobrir estas excecionais maisons e os seus líderes. Para os atores da indústria de luxo, este é um evento imperdível que lhes permite identificar futuros talentos”.

O programa completo e o registo da Excellence by Vendôm devem ser feitos através do website da feira (excellencebyvendom.com).

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Binter lança promoção para voos entre a Madeira e as Canárias

A nova promoção da Binter aplica-se às passagens adquiridas até 23 de janeiro, para viajar entre o dia 1 de março e 15 de junho de 2023.

A Binter lançou uma nova promoção que permite aos seus clientes adquirir passagens a preços mais reduzidos para voar entre a Madeira e as Ilhas Canárias. A nova promoção aplica-se às passagens adquiridas até 23 de janeiro, para viajar entre o dia 1 de março e 15 de junho de 2023.

Durante estes dias, os passageiros podem comprar os bilhetes desde 61,30 euros para voar às Ilhas Canárias. Os passageiros que voam do Porto Santo para as Canárias podem fazê-lo a partir de 70 euros. Estes preços são válidos por percurso em caso de adquirir uma passagem entre a Madeira e Tenerife.

Os bilhetes podem ser adquiridos através dos canais de venda habituais da companhia: www.binter.pt, atendimento no telefone 291 290 129 ou através das agências de viagens, onde poderá consultar as condições e os preços.

A Binter melhorou, também, o atendimento aos passageiros dos voos entre o Porto Santo e a Madeira, aos quais já se aplica o desconto automático de residente para os passageiros que estejam inscritos no portal SIMplifica do Governo Regional da Madeira.  Os bilhetes podem ser adquiridos em todos os canais de venda.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Distribuição

Lusanova lança catálogo “Circuitos Europeus” para 2023/2024

Acessível no seu website, o operador turístico Lusanova acaba de lançar o catálogo “Circuitos Europeus” para a temporada 2023/2024.

Tradicionalmente constituído por duas categorias de Circuitos Europeus – os Clássicos e os Seleção, o catálogo para 2023/2024 apresenta itinerários totalmente novos, como o “Alemanha Encantada”, “Cores da Provença”, “As novas jóias dos Balcãs”, “Saga Nórdica”, e “Islândia Mágica” nos Seleção; e o “Itália Dolce Vita” nos Clássicos.

Tiago Encarnação, diretor de operações da Lusanova, indica que os Circuitos Europeus Clássicos são operados pelo operador turístico, com guias em língua portuguesa e “indicados para os clientes que pretendem conhecer as grandes cidades da Europa e aprofundar o seu conhecimento nos principais destinos europeus”, acrescentando que são também circuitos que permitem uma maior flexibilidade e personalização do itinerário.

Já no que refere aos Seleção, tratam-se de circuitos mais inclusivos, este ano com mais partidas com guias em português, e destinam-se “a quem procura conhecer em pormenor regiões menos percorridas e experiências mais autênticas, com mais refeições e visitas”, refere ainda Tiago Encarnação.

Os circuitos Europeus incluem toda a programação de circuitos regulares para a Europa da Lusanova, com partidas garantidas ao longo de toda a temporada e reservas disponíveis online no site do operador turístico.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos

CROISIEUROPE regressa à FITUR 2023 com condições especiais para grupos

A empresa apresentará as suas novidades e itinerários fluviais e marítimos para a nova temporada.

A CroisiEurope, líder europeia em cruzeiros fluviais, regressa à Fitur 2023 promovendo os seus itinerários fluviais e marítimos para a nova temporada, em barcos de última geração, adequados a grupos organizados, incentivos, famílias e associações, mercado em que são grandes especialistas. Apresentará também os seus produtos exclusivos de longo curso no Nilo, Vietname, Camboja, e no Chobe com a sua  combinação única de cruzeiro e safari no coração da África selvagem.

A CroisiEurope convida todas as agências especializadas em grupos a marcar uma consulta e a parar no stand 4E34 onde a companhia de navegação irá oferecer informações detalhadas sobre os seus cruzeiros, bem como sobre as condições específicas para a contratação de grupos, promoções e descontos, com uma grande variedade de itinerários com tudo incluído a bordo, bebidas, Wi-Fi gratuito, assistência a bordo, excursões com guias locais e informações a bordo em espanhol, entre outros.

O departamento exclusivo de vendas de grupos da CroisiEurope  oferecerá conselhos adaptados às necessidades de cada grupo, tais como serviços suplementares, excursões, extensões ou transferes, para personalizar a viagem, com a possibilidade de organizar a viagem ideal para pequenos grupos,  fretar um barco e adaptá-lo aos gostos e necessidades dos participantes, processando todos os aspetos  da viagem de forma ágil e eficiente.

O tamanho dos barcos da empresa torna-os ideais para hospedar grupos organizados de qualquer tamanho.  Com mais de 200 itinerários, a CroisiEurope é  a única empresa versátil o suficiente para oferecer cruzeiros de rios, canais e mares na Europa e em todo o mundo.  Para além dos seus variados itinerários e atenção aos detalhes por parte da tripulação, o seu número crescente de clientes valoriza a fabulosa gastronomia a bordo.

Pode marcar uma consulta pelo correio [email protected].

SOBRE A CROISIEUROPE: A CroisiEurope é a primeira empresa de cruzeiros fluviais da Europa na sua categoria e possui uma frota muito actualizada e moderna de 56 navios, 48 ​​navios próprios (33 fluviais, 6 peniche, 2 marítimo-costeiros, 5 no Mekong e 2 na África Austral) e 8 em operação. Todos eles são projetados, construídos e comercializados pela própria empresa. A sua sede está localizada em Estrasburgo e desde 2005 já tem uma forte presença em Espanha, onde se vai consolidando pouco a pouco. Há mais de 40 anos trabalhamos com a mesma ideia: Descobrir o mundo através de seus rios. Uma ideia na qual a CroisiEurope aplica toda a sua experiência para oferecer aos seus clientes férias inesquecíveis. Uma extensa variedade de destinos, uma frota de navios inovadora e elegante, uma gastronomia e seleção de vinhos cuidadosa e a atenção requintada ao detalhe por parte da tripulação significam que oferecer um cruzeiro CroisiEurope significa ter a certeza de satisfazer os clientes mais exigentes. No ano passado, mais de 220.000 pessoas viajaram com a CroisiEurope.

Sobre o autorBrand SHARE

Brand SHARE

Mais artigos
Destinos

Turismo do Porto e Norte quer ter 5 caminhos de Santiago certificados até final do ano

O presidente do Turismo do Porto e Norte de Portugal apontou o final do ano como meta para a certificação de cinco caminhos portugueses para Santiago de Compostela, Galiza, que em 2022 foram percorridos por 93 mil peregrinos.

Publituris

Luís Pedro Martins, que falava aos jornalistas na sede do Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), em Viana do Castelo, no final da assinatura do projeto cultural Caminho da Arte, referiu que, daqueles cinco, dois já estão certificados – o Caminho Português do Interior e o Caminho Português da Costa.

“Em fase final de certificação está o Caminho Português de Santiago Central-Caminho Primitivo. Esperamos anunciar em breve essa certificação. Temos outros dois – o Caminho Minhoto Ribeiro e Caminho Português Torres. Já temos muito trabalho feito para levar à certificação e gostaríamos de ter os cinco caminhos certificados até final de 2023. Vamos tentar”, afirmou.

De acordo com informação que consta da página oficial da Associação do Caminho Minhoto Ribeiro na Internet, aquele percurso “é um dos caminhos mais antigos, que liga o norte de Portugal à cidade do apóstolo Santiago”.

Segue “na maior parte da sua rota através daqueles caminhos, calçadas romanas e caminhos medievais”.

Este caminho “entronca com o território nacional no lugar de Cevide, freguesia de Cristóval, concelho de Melgaço, uma das mais antigas fronteiras terrestres”.

Já O Caminho de Torres liga a cidade de Salamanca a Santiago de Compostela e passa em grande parte pelo interior de Portugal. Trata-se de um percurso com quase 600 quilómetros.

O presidente da TPNP referiu que o objetivo é ter “pelo menos os cinco caminhos mais históricos certificados”.

“Neste momento, somos a região que tem mais caminhos certificados, apesar de não termos sido os primeiros. O processo de certificação começou no Alentejo, com o Caminho do Interior, mas [a região do] Porto e Norte rapidamente passou a ter dois caminhos certificados”, disse.

O responsável referiu que a certificação “significa garantir a segurança no caminho, sinalética e limpeza dos caminhos”.

Questionado sobre a certificação do Caminho da Geira, disse estar “em fase embrionária”, mas assegurou “já ter sido iniciado o trabalho com as autarquias”.

O Caminho da Geira, um dos mais antigos, começa em Braga com destino a Santiago de Compostela, com um percurso de cerca de 240 quilómetros.

O último caminho a ser certificado foi o da Costa, em fevereiro de 2022. O percurso tem 138 quilómetros de extensão e atravessa os concelhos do Porto, Matosinhos, Maia, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Esposende, Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Valença, e é o primeiro que a TPNP candidatou à comissão de certificação, após a assinatura em 2021 do memorando de entendimento com 10 autarquias da região.

Os Caminhos de Santiago são uma rota milenar seguida por milhões de peregrinos desde o início do século IX, quando foi descoberto o sepulcro do apóstolo Santiago.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos

Navegue

Sobre nós

Grupo Workmedia

Mantenha-se conectado

©2021 PUBLITURIS. Todos os direitos reservados.