Grupo Icelandair é o único pré-qualificado para a privatização da Azores Airlines

Por a 17 de Abril de 2018 as 12:32

A Loftleiðir-Icelandic ehf., empresa do Grupo Icelandair, é o único potencial comprador que apresentou Manifestação de Interesse no processo de alienação de 49% do capital da Azores Airlines, a companhia do Grupo SATA que realiza voos internacionais.

Em nota à imprensa, o Grupo SATA revela que “a Fase I do Procedimento de Negociação Particular relativo à alienação de 49% do capital social da SATA Internacional – Azores Airlines, S.A. se encontra concluída, tendo ficado pré-qualificado o único potencial comprador que apresentou Manifestação de Interesse, a Loftleiðir-Icelandic ehf., empresa do Grupo Icelandair”.

O Grupo SATA explica que, “de acordo com o artigo 10.º do Caderno de Encargos, são pré-qualificados todos os potenciais compradores” que demonstrem cumprir alguns requisitos, nomeadamente “ter capacidade financeira e experiência de gestão adequadas à participação no capital social da SATA Internacional” e “não terem sido condenados por sentença transitada em julgado por algum dos crimes referidos na alínea h) do n.º 1 do artigo 55.º do Código dos Contratos Públicos, na sua redacção actual, salvo se, entretanto, tiver ocorrido a sua reabilitação”.

No caso da Loftleiðir-Icelandic ehf., o Grupo SATA diz que, “na sequência da análise da Manifestação de Interesse apresentada”, concluiu-se que “o potencial comprador em causa demonstrou cumprir integralmente ambos os requisitos de Pré-Qualificação”.

Depois de concluída a primeira fase, o processo de alienação de 49% do capital da Azores Airlines entra agora na segunda fase, na qual os candidatos pré-seleccionados apresentam propostas vinculativas.

“Os potenciais compradores pré-qualificados na Fase I serão convidados a apresentar propostas vinculativas (“Proposta Vinculativa” ou “Propostas Vinculativas”), procedendo-se à selecção para a Fase III das Propostas Vinculativas ordenadas nos dois primeiros lugares, excepto se um número inferior de propostas for considerado válido”, lê-se na informação da SATA.

A terceira fase será a da Negociação Particular, em que “os potenciais compradores convidados para a Fase III participarão nas sessões de negociação particular, nas quais se negociarão todos os atributos das Propostas Vinculativas, sendo os mesmos convidados a apresentar versões finais das Propostas Vinculativas”, seguindo-se a quarta e última fase, que prevê a decisão final.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *