Assine já
ARAC
Transportes

Transportes foi um dos setores que mais criou novas empresas no 1.º semestre

Segundo o Barómetro Informa D&B, o setor dos Transportes criou 999 novas empresas entre janeiro e junho, que correspondem a um aumento de 120% face ao ano passado. 

Publituris
ARAC
Transportes

Transportes foi um dos setores que mais criou novas empresas no 1.º semestre

Segundo o Barómetro Informa D&B, o setor dos Transportes criou 999 novas empresas entre janeiro e junho, que correspondem a um aumento de 120% face ao ano passado. 

Publituris
Sobre o autor
Publituris
Artigos relacionados
Setores ligados ao turismo entre os que menos empresas criaram em 2021
Destinos
Setores ligados ao turismo estão entre os que mais empresas criaram até final de maio
Destinos
“Tudo faremos para que pessoas e aeronaves permaneçam no território”
Homepage
Setores ligados ao turismo mantêm-se entre os que menos empresas criaram no 3.º trimestre
Destinos

O setor dos Transportes foi um dos que mais contribuiu para a criação de novas empresas em território nacional durante a primeira metade do ano, avança o Barómetro Informa D&B, que indica que este setor criou 999 novas empresas entre janeiro e junho, que correspondem a um aumento de 120%.

“O setor dos Transportes e, em termos de regiões, a Área Metropolitana de Lisboa concentram uma percentagem significativa do crescimento na constituição de empresas”, indica o Barómetro Informa D&B.

Além dos Transportes, também os setores dos Serviços gerais (+889 constituições, +33%), os Serviços empresariais (+644 constituições, +17%); Alojamento e Restauração (+542 constituições, +29%), e Atividades Imobiliárias (+506 constituições, +22%) se destacaram na constituição de novas empresas no primeiro semestre do ano.

Em sentido contrário estiveram setores como Retalho (-13%) e Agricultura e outros recursos naturais (-1,9%), que foram os únicos a apresentar “descidas no nascimento de empresas face a 2021”, segundo o relatório.

“No Retalho, o recuo é transversal a todos os subsetores, com especial destaque para o Retalho de Têxtil e Moda, Generalista e Outros. Apenas o Retalho Automóvel regista maior número de novas empresas nos primeiros seis meses de 2022 face ao período homólogo”, acrescenta a informação divulgada.

O Barómetro Informa D&B diz, no entanto, que, face ao período anterior à pandemia, “a criação de empresas mantém-se abaixo na maioria dos setores”, à exceção das Tecnologias de informação e comunicação (+27%), das Atividades imobiliárias (+20%) e da Agricultura e outros recursos naturais (+0,6%).

Já os Serviços empresariais foram “o setor com maior número de novas empresas em termos absolutos”, estando já muito próximo “dos valores de 2019 (-1,1%)”.

A nível geográfico, a “aceleração na criação de empresas é transversal a quase todas as regiões e distritos”, com o Barómetro Informa D&B a destacar a Área Metropolitana de Lisboa (+2 495 constituições, +33%), que contou com o “contributo muito significativo do subsetor do transporte individual de passageiros”.

“Bragança, Horta e Viana do Castelo são os únicos distritos abaixo de 2021, mas com diferenças pouco significativas”, acrescenta o Barómetro Informa D&B.

Ao nível de encerramentos e insolvências, o relatório indica que, no primeiro semestre de 2022, encerraram 5 915 empresas, menos 2,6% que no período homólogo, o que corresponde a menos 158 encerramentos, com a maioria dos setores a registar mesmo valores inferiores a 2021.

“Com mais encerramentos surgem apenas os setores do Retalho (+71 encerramentos, +8,1%), das Indústrias (+25 encerramentos, +4,5%) e Atividades imobiliárias (+9 encerramentos, +2,3%)”, lê-se no relatório.

Já no que diz respeito a insolvências, na primeira metade do ano, 845 empresas iniciaram um processo de insolvência, valor que representa uma descida de 19% face a 2021 (menos 201 novos processos), com destaque para os setores das Indústrias, Alojamento e restauração e Retalho, que foram os que apresentaram “maior número de insolvências”, ainda que tenham sido também “aqueles em que este indicador mostra uma maior queda face ao período homólogo”.

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Artigos relacionados
Transportes

Avis e Vila Galé renovam parceria

A Avis e o Grupo Vila Galé Hotéis renovaram a parceria que já mantinham e que foi agora prolongada até janeiro de 2024, continuando a oferecer descontos e outros benefícios aos clientes de ambas as marcas.

Publituris

A Avis e o Grupo Vila Galé Hotéis renovaram a parceria que já mantinham e que foi agora prolongada até janeiro de 2024, continuando a oferecer descontos e outros benefícios aos clientes de ambas as marcas.

Através desta parceria, os clientes da Avis gozam de um desconto de 10% no alojamento, serviços de Spa nos Satsanga SPAs & Wellness e serviços de alimentação, enquanto os membros Vila Galé Star podem beneficiar de 10% desconto no aluguer de viaturas Avis e os membros Vila Galé Premium têm um desconto de 15% na tarifa online.

“A parceria com o Grupo Vila Galé Hotel é um exemplo da estratégia de proximidade da marca Avis com os seus clientes para lhes oferecer as melhores experiências para as suas viagens seja na praia, no campo ou na cidade”, sublinham as duas empresas parceiras, num comunicado enviado à imprensa.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Royal Caribbean International lança plataforma dedicada ao trade

A Royal Caribbean International lançou uma nova plataforma online dedicada ao trade europeu, denominada Club Royal EMEA, onde é possível encontrar “muitos materiais úteis para a venda e promoção da companhia”.

Publituris

A Royal Caribbean International lançou uma nova plataforma online dedicada ao trade europeu, denominada Club Royal EMEA, onde é possível encontrar “muitos materiais úteis para a venda e promoção da companhia”, indica a Melair Cruzeiros, que representa a companhia de cruzeiros em Portugal.

A nova plataforma está disponível de forma livre, sem ser necessário utilizar qualquer password e apresenta os materiais organizados por categorias, concretamente formação, navios, promoções, programação ou catálogos.

Além dos materiais promocionais da companhia, a nova plataforma conta também com material sobre o Icon of the Seas, novo navio da Royal Caribbean International, que vai ser inaugurado no próximo ano, dando início a uma nova classe, a Icon.

Apesar do lançamento da nova plataforma, a Melair Cruzeiros pede aos agentes de viagens que agentes continuem “a ter em conta os contactos da Melair Cruzeiros para o apoio ao nível de vendas, comercial e marketing, e não os contactos disponíveis nesta página”.

A nova plataforma da Royal Caribbean International está disponível através do link Club Royal EMEA (google.com).

 

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Nova carta de vinhos da TAP é 100% portuguesa

A nova carta de vinhos da TAP vai estar em vigor nos voos da companhia aérea até 2024 e conta com uma seleção de 43 vinhos de oito regiões diferentes, representando 24 produtores locais.

Publituris

A TAP apresentou uma nova carta de vinhos que é 100% portuguesa e que conta com uma seleção de 43 vinhos de oito regiões diferentes, representando 24 produtores locais.

A nova carta de vinhos da TAP, que são servidos a bordo dos voos da companhia aérea de bandeira nacional, vai estar em vigor até 2024 e, segundo comunicado da TAP, representa “uma aposta exclusiva em vinhos portugueses das principais regiões produtoras do País”.

“A nova carta de vinhos da TAP foi selecionada por um painel de especialistas portugueses e internacionais, procurando assegurar dessa forma a melhor experiência vínica aos passageiros, com variedade na oferta e rigor na escolha dos vinhos”, indica a companhia aérea.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Destinos

Qatar Airways e Turismo do Qatar dão a conhecer entretenimento para o Mundial de Futebol

O programa de animação e entretenimento para o Mundial de Futebol de 2022 já foi divulgado e vai contar com concertos, animação de praia, novas atrações, festivais e até com a inauguração de um cruzeiro.

Publituris

A Qatar Airways e o Turismo do Qatar já apresentaram o programa de animação e entretenimento para o Mundial de Futebol de 2022, que vai decorrer no Qatar, em novembro e dezembro, e que vai contar com concertos, animação de praia, festivais, novas atrações e até com a inauguração de um cruzeiro.

O tema do Mundial de Futebol de 2022 começa logo a bordo dos voos da Qatar Airways, companhia aérea oficial da competição, que vai ter a bordo uma gama especial de produtos e ativações temáticas do Campeonato do Mundo FIFA.

“A cabine, inspirada no futebol, inclui kits de amenities FIFA de edição limitada, almofadas de recordação, auscultadores, menus de jantar e roupa de lounge ao estilo das camisolas desportivas. Pacotes para jovens viajantes e peluches foram especialmente elaborados para os adeptos mais novos”, indica a companhia aérea, revelando que também o sistema de entretenimento a bordo vai ter títulos relacionados com desporto e futebol.

Já no Qatar, os adeptos do futebol vão encontrar praias recém-desenvolvidas, como o o family-friendly B12 Beach Club, que oferece uma gama de atividades, opções de refeições excecionais, serviços premium e entretenimento familiar ao vivo.

Destaque também para a Doha Sands, uma das mais recentes praias do Qatar, que oferece música ao vivo, dança e refeições, numa experiência que pode ser complementada com os quiosques gastronómicos clássicos de Doha, onde se encontra uma vasta gama de opções culinárias.

Já a West Bay Beach é uma praia pública que está preparada para oferecer às famílias uma gama de atividades desportivas aquáticas e acomodar até 1.500 visitantes.

Mas o destaque vai mesmo para os concertos do Qatar Live, onde estão previstas atuações de Enrique Iglesias, Black Eyed Peas, Maroon 5, Post Malone, J Balvin e Robbie Williams, assim como o regresso do Daydream Qatar 2022, festival que “vai trazer o maior lineup de DJ que o Médio Oriente já viu”.

Incluída na programação do Mundial de Futebol de 2022 está também a inauguração do MSC World Europa, o novo navio da MSC Cruzeiros, que vai estar atracado no Grande Terminal do Porto de Doha durante toda a duração do Campeonato do Mundo FIFA Qatar 2022, funcionando como um hotel flutuante.

Em breve, os visitantes vão também poder visitar o Qatar Sky House, um pavilhão no Al Bidda Park que incluirá atividades interativas, tais como pinturas faciais,
experiência Qverse, Swing the World, matraquilhos e o desafio Neymar, e que incluirá ainda duas áreas lounge, um lounge do Privilege Club da Qatar Airways
e um espaço dedicado ao relaxamento.

A Qatar Airways vai disponibilizar ainda a Qatar Airways House, situada no Hotel Hyatt Regency Oryx, um espaço onde a companhia aérea vai estender a sua hospitalidade aos seus clientes e a convidados VIP, transmitindo ao vivo jogos,
conferências, eventos, além de fazer uma introdução à cultura do país.

Em novembro, é também inaugurado o Lusail Winter Wonderland, parque temático com mais de 50 atrações emocionantes, incluindo o comboio florestal Qatar Airways dentro do Qatar Airways Festive Forrest, o Flume ride Arctic Splash, um gigantesco Escorrega de Gelo, o The Galleon, a Montanha Russa Ooredoo 5G e o Ain QNm, que é uma roda gigante com 45 m.

Também em novembro, entre os dias 3 e 5, decorre o Darb Lusail Festival, que vai oferecer festividades de três dias em representação do Médio Oriente, sul da Ásia e norte de África, com talentos de referência, espetáculos de luzes de drone e atuações artísticas.

Nos estádios, a Qatar Airways vai ainda ter o Qatar Airways Booth, que vai contar com eventos, visitas às fan zones antes ou depois dos respetivos jogos, ou a um passeio de sete quilómetros, sendo que cada booth incluirá jogos de futebol virtuais protagonizados por Neymar, pinturas faciais, giveaways e muito mais.

A Qatar Airways vai também providenciar espaços dedicados de Transbordo de Passageiros fora do Aeroporto Internacional de Hamad e do Aeroporto Internacional de Doha, sem custos extra e que vão contar com entretenimento e animação.

Novidade é ainda a reativação do Aeroporto Internacional de Doha, que vai receber voos de 13 companhias aéreas regionais e internacionais durante a competição, num total de 4.000 passageiros adicionais por hora para o Qatar.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Costa Cruzeiros promove itinerário à Terra Santa e Egito para membros do clube de fidelidade

A Costa Cruzeiros vai promover, a 4 de novembro, um itinerário especial apenas para membros do C|Club, o clube de fidelização da companhia, que vai decorrer no navio Costa Diadema e que passa pela Terra Santa e Egito.

Publituris

A Costa Cruzeiros vai promover, a 4 de novembro, um itinerário especial apenas para membros do C|Club, o clube de fidelização da companhia italiana, que vai decorrer a bordo do navio Costa Diadema e que passa pela Terra Santa e Egito.

“Para premiar a fidelidade dos passageiros do Club, a Costa criou um cruzeiro especial com partida no dia 4 de novembro de Barcelona a bordo do Costa Diadema. O itinerário inclui duas semanas para a Terra Santa, para visitar Jerusalém, e para o Egito, além dos mais marcantes destinos na Grécia, Malta e França”, indica a Costa Cruzeiros, num comunicado divulgado esta sexta-feira, 21 de outubro.

Além do itinerário, este cruzeiro destaca-se também pelas atividades e animação que inclui, com destaque para a presença a bordo dos três chefs Michelin Ángel León, Hélène Darroze e Arturo Brachetti, que vão participar em palestras e apresentações gastronómicas durante o cruzeiro, cujo ponto alto será o jantar das “estrelas”, com três menus à escolha confeccionados pelos chefs com pratos inspirados nos destinos visitados.

No cruzeiro participa também Arturo Brachetti, um artista italiano famoso e aclamado em todo o mundo, que é considerado a lenda viva do transformismo, e que vai apresentar “exclusivamente para os membros do Clube uma galeria de personagens de todo o mundo, para uma viagem fantástica”.

A programação também inclui apresentações musicais, como a da mais famosa banda cover dos ABBA, “THE SHOW”, uma homenagem à banda sueca, além de festas temáticas e muitas surpresas para os membros.

Além da gastronomia e entretenimento, o cruzeiro vai também disponibilizar diversas excursões organizadas, “algumas das quais criadas especialmente para o clube de cruzeiros”, segundo a Costa Cruzeiros.

O cruzeiro especial para membros do C|Club está praticamente esgotado, pelo que a companhia decidiu já colocar à venda a versão para 2023, que vai ter partida a 23 de junho, no Costa Favolosa, neste caso, num itinerário pelos fiordes noruegueses.

“A participação no programa apenas para membros, implica o registo no C|Club antes da realização da reserva”, indica a companhia de cruzeiros, explicando que a adesão ao clube e informação atualizada sobre as ofertas, promoções disponíveis, pontuação e nível, podem ser consultadas no site da Costa Cruzeiros.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Portos dos Açores integra a CLIA

A Portos dos Açores anunciou que passou a integrar a CLIA – Cruise Lines International Association, considerada a maior associação comercial da indústria de cruzeiros do mundo.

Publituris

Segundo informação avançada em comunicado de imprensa da empresa que gere os portos dos Açores, trata-se da “primeira administração portuária nacional” a integrar esta associação, traduzindo “a crescente relevância que o mercado de turismo de cruzeiros tem assumido no arquipélago”.

A adesão à organização possibilita à entidade gestora portuária “cooperar diretamente, a partir de agora, com os maiores armadores/operadores de cruzeiro do mundo”, realça ainda a empresa, acrescentando que permite também estreitar parcerias e criar dinâmicas com vista à “consolidação do setor na região”.

A Portos dos Açores destaca, segundo notícia veiculada pela Agência Lusa, que uma das prioridades da empresa se tem traduzido na divulgação dos Açores como “local de eleição para os navios de cruzeiros de expedição”, um segmento que “já representa cerca de 46% do total de escalas de navios de cruzeiro no arquipélago”.

“Os visitantes destes navios de pequena dimensão também dinamizam a economia das várias ilhas, das maiores às mais pequenas, o que se traduz na procura por atividades de natureza ou marítimas, interagindo frequentemente com as empresas locais, para assegurar atividades outdoor, nomeadamente visitas, caminhadas, ‘whalewatching’, ‘sportfishing’ e mergulho, entre outras”, assinala a empresa.

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Cancelamento ou atrasos em voos a partir de Portugal impactam mais de 770 mil passageiros em setembro

Se em Portugal os cancelamentos e atrasos afetaram mais de 770 mil passageiros, em setembro, a nível europeu foram mais de 18 milhões os passageiros impactados.

Victor Jorge

De acordo com os dados mais recentes da AirHelp, dos 1,9 milhões de passageiros que partiram de Portugal, no mês de setembro, 771 mil sofreram algum tipo de perturbação no seu voo, seja cancelamentos ou atrasos.

Os números da organização especializada na defesa dos direitos dos passageiros aéreos, indicam ainda que 84 mil passageiros têm direito a algum tipo de compensação.

A nível europeu, mais de 18 milhões de pessoas viram os seus voos cancelados ou sofreram algum atraso, fazendo com que um milhão de passageiros tenha direito a uma compensação económica, ou seja, 34% do total de passageiros que sofreram perturbações.

Os dados da AirHelp revelam ainda que, apenas no mês de setembro, na Europa, viajaram mais de 53 milhões de pessoas.

A AirHelp recorda que “o verão de 2022 foi intenso no que respeita a perturbações em voos, situação provocada principalmente pelas greves convocadas por trabalhadores do setor aéreo”.

De maio a agosto deste ano, voaram desde Portugal um total de 7,4 milhões de passageiros. Destes, 2,8 milhões viram o seu voo cancelado ou atrasado, fazendo com que 267 mil passageiros ficassem elegíveis na obtenção de uma compensação económica. Ou seja, 38% do total de passageiros que sofreu perturbações nos seus voos têm direito a uma compensação.

Por sua vez, na Europa viajaram 310 milhões de pessoas, dos quais oito milhões podem solicitar uma compensação. “Este é um número elevado mesmo quando comparamos com o mesmo período pré-pandémico (2019) em que o número de afetados ascendeu aos seis milhões de passageiros”, considera Pedro Miguel Madaleno, advogado especialista em direitos dos viajantes.

Sobre o autorVictor Jorge

Victor Jorge

Mais artigos
Destinos

Ryanair com 10 rotas que ligam Madeira à Europa no próximo Inverno

Nas contas da Ryanair, as duas aeronaves baseadas na Madeira para o Inverno de 2022 representam um investimento de 200 milhões de dólares (cerca de 205 milhões de euros), significando mais de 80 voos semanais e mais de 500 postos de trabalho, incluindo 60 empregos diretos.

Publituris

A Ryanair lançou, recentemente, a sua programação para o Inverno 2022 para a Madeira, anunciando 10 rotas de/para cidades europeias, tais como Bruxelas, Dublin, Londres e Milão.

Segundo a companhia aérea low-cost, “estas [rotas] irão conduzir o turismo durante todo o ano, para a Madeira, melhorando ao mesmo tempo a conectividade da ilha com as rotas domésticas para Lisboa e Porto, ao mesmo tempo que oferece ligações para os residentes madeirenses, com as tarifas mais baixas”.

Nas contas da Ryanair, as duas aeronaves baseadas na Madeira para o Inverno de 2022 representam um investimento de 200 milhões de dólares (cerca de 205 milhões de euros), significando mais de 80 voos semanais e mais de 500 postos de trabalho, incluindo 60 empregos diretos.

De resto, a companhia refere, em comunicado, que a base da Ryanair na Madeira representa um “compromisso em proporcionar tráfego de entrada, turismo e empregos locais durante todo o ano, ao mesmo tempo que melhora a conectividade vital para a economia da ilha”.

Na nota de imprensa pode ler-se ainda que, a fim de fazer crescer o turismo, a Ryanair, “ao contrário dos prestadores de serviços de hospitalidade na Madeira, precisa de certeza nos custos para investir a longo prazo, particularmente numa fase de recuperação pós-covid, pelo que o aumento proposto de 15% das taxas aeroportuárias pela ANA apenas irá danificar e potencialmente inverter o progresso já feito”.

A companhia liderada por Michael O’Leary considera ainda que “o aumento das taxas aeroportuárias resulta em custos de acesso não competitivos às regiões de Portugal, particularmente à ilha da Madeira, quando comparado com outros países europeus que continuam a oferecer incentivos de recuperação”.

Por isso, a Ryanair “apela” à ANA para que “abandone os aumentos propostos e, em vez disso, recompense as companhias aéreas que investem no aumento do número de passageiros com tarifas mais baixas, à semelhança do que a AENA, a Autoridade Aeroportuária Espanhola, fez ao alargar os seus incentivos de recuperação pós-covid para o período de Inverno”.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Aeroporto de Lisboa
Transportes

easyJet passa a operar no Terminal 1 do aeroporto de Lisboa

A ANA – Aeroportos de Portugal diz que a mudança, que inclui também a passagem da Eurowings e Vueling para o Terminal 2, visa “garantir uma utilização otimizada dos recursos aeroportuários”.

Publituris

A easyJet vai passar a operar no Terminal 1 do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, a partir de 30 de outubro, numa alteração que, segundo a ANA – Aeroportos de Portugal, visa “garantir uma utilização otimizada dos recursos aeroportuários”.

De acordo com a empresa que gere os aeroportos nacionais, esta mudança acontece depois de se terem registado “alterações das quotas de mercado das companhias aéreas” que operam na infraestrutura aeroportuária da capital portuguesa.

Para a easyJet, esta mudança não poderia ser vista com maior entusiasmo, uma vez que, indica a transportadora aérea low cost em comunicado, esta solução vem reforçar a posição da easyJet enquanto “companhia aérea número dois na capital portuguesa” e “oferece a todos os passageiros um maior conforto e torna a experiência de viagem mais fácil e melhor”.

“Estamos bastante satisfeitos e orgulhosos com a passagem da easyJet para o Terminal 1 no Aeroporto de Lisboa, o que significa mais um grande passo para o nosso crescimento sustentado em Portugal, nomeadamente em Lisboa. Esta oportunidade, aliada à nossa recente expansão de operações na capital portuguesa, proporciona uma melhor experiência de viagem, sobretudo para os passageiros que viajam em trabalho e que, por isso, se deslocam com uma maior frequência entre as cidades europeias”, afirma José Lopes, country manager da easyJet Portugal.

Mas, além da passagem da easyJet para o Terminal 1, há mais mudanças previstas no aeroporto de Lisboa a partir de 30 de outubro, uma vez que também a Eurowings e a Vueling mudam de terminal de partida, passando a operar no Terminal 2 do aeroporto lisboeta.

Para mais informações, a ANA – Aeroportos de Portugal pede aos passageiros que contactem a companhia aérea ou consultem o website do aeroporto de Lisboa.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Transportes

Antonoaldo Neves é o novo CEO da Etihad Airways

Depois da saída da TAP, Antonoaldo Neves fundou a P2D Travel, uma start-up no universo das viagens. Agora assume a liderança da Ethiad Airways.

Publituris

O ex-CEO da TAP, Antonoaldo Neves, é o novo CEO da Ethiad Airways, substituindo no cargo Tony Douglas.

Depois de ter liderado a companhia aérea portuguesa, entre 2018 e 2020, Antonoaldo Neves fundou a P2D Travel, redenominada Oner Travel, uma start-up no universo das viagens. Antes da passagem pela TAP, Antonoaldo Neves, de 47 anos, tinha exercido o cargo de CEO da brasileira Azul, de 2014 a 2017.

Agora, o fundo de investimento ADQ, do Abu Dhabi, que se tornou recentemente proprietário do grupo de aviação, por transferência do governo dos Emirados Árabes Unidos, nomeou Antonoaldo Neves que referiu à Reuters “entusiasmado pela nova função” na Etihad, que classifica como uma empresa “globalmente reconhecida na indústria”, mostrando-se ainda confiante em prosseguir na companhia um “caminho de crescimento sustentável”.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos

Navegue

Sobre nós

Grupo Workmedia

Mantenha-se conectado

©2021 PUBLITURIS. Todos os direitos reservados.