Ilhas do Sal e Boavista criam centros COVID para tratar turistas

Por a 26 de Junho de 2020 as 10:50

As duas principais ilhas turísticas de Cabo Verde, Sal e Boa Vista, vão contar com centros de tratamento covid-19, num projeto que envolve o Governo cabo-verdiano e os operadores turísticos, que vão disponibilizar médicos para o efeito.

Em declarações à agência Lusa, o ministro do Turismo e dos Transportes, Carlos Santos, explicou que dois futuros centros integram o programa sanitário que o Governo está a desenvolver com os operadores turísticos para transmitir “confiança” ao regresso dos turistas ao arquipélago.

“Estamos, juntamente com o Ministério da Saúde, a preparar dois centros covid-19, um no Sal e outro na Boa Vista, para garantir aos operadores e aos visitantes que, vindo para Cabo Verde, estão a vir para um destino seguro, onde pelo menos há garantia que teremos condições, equipamentos, ventiladores, pontos de cuidados intensivos, para dar segurança”, explicou o ministro Carlos Santos.

O turismo garante 25% do Produto Interno Bruto (PIB) de Cabo Verde, tendo batido um recorde de mais de 819 mil turistas em 2019, mas o arquipélago está totalmente fechado a voos internacionais desde 19 de março. Essa interdição deveria ser levantada em julho, mas o Governo alegou o “recrudescimento” de casos na Europa, nomeadamente em Portugal, e decidiu esta semana adiar a retoma das ligações internacionais para agosto

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *