Qatar Airways também suspende voos para a China

Por a 3 de Fevereiro de 2020 as 12:33

A Qatar Airways suspendeu, a partir desta segunda-feira, 3 de fevereiro, os seus voos para a China continental, decisão que, diz a companhia aérea em comunicado, se deve aos “significativos desafios operacionais” causados pelo coronavírus e que será revista semanalmente.

“A Qatar Airways tomou a decisão de suspender os voos para a China continental a partir de 3 de fevereiro até mais informações, devido aos significativos desafios operacionais causados pelas restrições de entrada impostas por vários países. Novas revisões das operações serão feitas semanalmente com a intenção de restabelecer os voos assim que as restrições forem levantadas”, lê-se na informação divulgada pela companhia aérea de bandeira do Qatar.

Estas restrições impedem a companhia aérea de colocar algumas das suas tripulações em determinadas rotas, uma vez que muitos tripulantes da Qatar Airways viajaram recentemente para a China, o que está também a limitar a capacidade da transportadora em manter as operações como previstas.

“Como resultado, a companhia aérea não tem alternativa senão suspender, infelizmente, os seus voos para a China continental a partir de 3 de fevereiro”, refere ainda a Qatar Airways na informação divulgada.

“Estamos numa desafiante situação operacional, em que a companhia não pode continuar com as suas operações globais em resultados destas restrições sobre qualquer pessoa que tenha visitado a China. Se mantivéssemos a operação, um número muito significativo de tripulantes que estiveram na China, ficaria limitado de operar em determinados voos, reduzindo a nossa eficiência operacional. Vamos retomar imediatamente as nossas operações para a China assim que as restrições governamentais forem levantadas”, acrescenta Akbar Al Baker, CEO da Qatar Airways.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *