Grupo Bytour quer crescer  em Portugal pela qualidade

Por a 16 de Agosto de 2019 as 14:39

O Grupo Bytour, grupo de gestão de agências de viagens de origem espanhola, entrou em Portugal em janeiro deste ano. O objetivo é crescer com agências de viagens de qualidade e com experiência no mercado, baseando o apoio às agências nas suas ferramentas tecnológicas e não só.

Raquel Campo Grande, diretora-geral do Grupo Bytour em Portugal, explicou ao Publituris que, actualmente, o grupo já conta com 15 agências de viagens no país, com especial incidência na região norte, mas “até ao final do ano, menos de 30/40 agências não teremos”.

A responsável explica que, além das condições especiais que o grupo negoceia com os vários fornecedores, as agências de viagens que integrarem o Grupo Bytour mantêm a identidade própria e beneficiam, sobretudo, da parte tecnológica que “é muito importante neste tipo de projeto e é algo que nos diferencia um bocado dos restantes grupos de gestão”.

Ferramentas
Entre as mais-valias disponibilizadas, o Grupo Bytour conta com o GES Group, que em Portugal vai operar com outro nome. Trata-se do operador próprio do grupo, que vai analisar as necessidades das agências de viagens portuguesas e vai “assumir produtos de risco na medida dessas necessidades”, especialmente para datas e destinos mais concorridos.

“Temos também o risco dos cruzeiros, que assumimos tanto na parte da GES Group, como na parte da integração que temos com as principais companhias de cruzeiros, que se chamam All Cruises, que é outra das coisas que nos diferencia dos restantes grupos de gestão”, esclarece. Acresce ainda o agregador de seguros do Grupo Bytour que vai começar a funcionar em Portugal no próximo mês, o Segurance.

Outra das ferramentas que vai estar disonível, mas apenas em 2020, é o Travelly, uma ferramenta b2c disponível para as agências que integrarem o grupo de gestão. Este website vai funcionar como uma agência de viagens online, mas, no momento em que o cliente fechar a reserva vai ter “a garantia que essa reserva vai ser assistida por uma agência de viagens próxima dele. Essas agências serão só as agências do Grupo Bytour que estão divididas por zona e o cliente escolherá qual a agência que pretende de acordo com a zona onde se encontra”. Raquel Campo Grande explica que esta ferramenta vai permitir que a agência de viagens cresça fora do seu habitual universo, angariando assim mais clientes via online, algo que individualmente e sem o apoio prestado pelo grupo, seria dispendioso. “Criámos uma marca comum, partilhada pelas agências do grupo, publicitamos e criamos condições para essa marca, e a agência no fundo aparece no final onde o cliente pode escolher e a agência estará devidamente identificada na sua montra, por exemplo, como agente Travelly”, descreve.

Em Espanha, o negócio corre de feição e o grupo conta atualmente com mais de 400 agências de viagens, algo que deverá aumentar ao longo do ano com as aquisições que está a realizar no mercado vizinho. “Em Espanha já estão noutra posição e a maneira de crescer mais rápida é com outros grupos, fazê-los entrar no Grupo Bytour, que é o que está a acontecer neste momento e, até ao final do ano, estará bastante maior do que é agora”.

Para 2020, os objetivos centram-se na abertura de um escritório e na contratação de uma pessoa para ficar responsável pela região sul do país. Para já, a responsável revela-se satisfeita com o primeiro contacto com os fornecedores e com as agências de viagens. “Queremos que as agências que estejam a trabalhar connosco gostem do que estamos a fazer, que saibam que estamos a trabalhar para aquilo que pretendem ter no futuro, e que seja algo consolidado”, refere, indicando que “neste momento, quero fazer a consolidação de agências, agências que sei que são boas, que dão garantia e que queiram estar no grupo, mas que sobretudo estejam satisfeitas”. P

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *