Macau espera tufões severos nos próximos meses

Por a 16 de Julho de 2019 as 15:50

Os Serviços Meteorológicos e Geofísicos (SMG) de Macau admitem que a região possa ser afetada por “dois ou três tufões severos” nos próximos meses, apesar de ainda ser cedo para prever o impacto desses fenómenos meteorológicos em território macaense.

“Não descartamos a possibilidade de haver tufões severos [em Macau], mas depende das previsões daqui a dois ou três meses, e depende do clima no Oceano Pacífico”, afirmou esta terça-feira o diretor dos SMG, Tang Iu Man, em conferência de imprensa, citado pela Lusa.

A época dos tufões na região arrancou em junho e decorre até início de outubro, com os meteorologistas a preverem que “quatro a seis tempestades tropicais possam entrar a menos de 800 quilómetros” da região, no mar do sul da China.

Atualmente, o leste das Filipinas já está a ser afetado pelo ciclone tropical Danas, existindo mais de 60% de probabilidade da tempestade se movimentar para Taiwan e atingir a costa da província chinesa de Fujian”.

“De acordo com esta trajetória, a tempestade tropical não vai afetar muito Macau”, declarou o diretor dos SMG de Macau, ressalvando que, devido ao ciclone, as temperaturas no território vão manter-se muito altas nos próximos dez dias.

No ano passado, o pico da época de tufões ocorreu em agosto e setembro, tal como já tinha acontecido em 2017, ano que ficou marcado pelos danos causados pelo tufão Hato, que atingiu Macau a 23 de agosto, provocando 10 vítimas mortais e levando a cortes no abastecimento de água e eletricidade, além de prejuízos vários.

Em 2018, o tufão Mangkhut atingiu Macau em setembro, levando as autoridades macaenses a elevarem o nível de alerta para 10, o máximo na escala associada aos tufões, e os casinos da região fecharam, pela primeira vez, portas devido a fenómenos meteorológicos.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *