APAVT diz que inoperacionalidade no aeroporto da Madeira “é bizarra”

Por a 12 de Março de 2019 as 15:58

O presidente da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), Pedro Costa Ferreira, considerou esta terça-feira, 12 de março, que a questão da inoperacionalidade no aeroporto da Madeira “é bizarra”, defendendo que esta “questão que tem que ser resolvida, porque o destino pode ser carimbado como pouco credível”.

Pedro Costa Ferreira foi um dos intervenientes no XI Fórum do Turismo “Portugal – América Latina”, promovido pelo Instituto para a Promoção da América Latina e Caraíbas (IPDAL), que decorreu esta terça-feira, em Lisboa, e referiu-se aos “mais de 80 dias com uma continua inoperacionalidade” que o aeroporto da Madeira registou no ano passado devido às condições meteorológicas, o que levou ao cancelamento de diversos voos e provocou atrasos noutros tantos.

“Os ventos são os mesmos, a tecnologia nos aviões é melhor, a tecnologia no aeroporto também é melhor, mas a inoperacionalidade é maior”, constatou o presidente da APAVT, pedindo a rápida resolução desta questão que, segundo o responsável, pode trazer consequências negativas para o destino.

“Isto é uma questão que tem que ser resolvida, porque o destino pode ser carimbado como pouco credível, no sentido em que existem dificuldades de aproximação”, resumiu o responsável.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *