“BTL é uma excelente oportunidade para a Madeira reafirmar a sua qualidade”

Por a 14 de Março de 2017 as 17:30
Madeira

A Madeira é, em 2017, o destino convidado da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), que se realiza nos dias 15 a 19 de Março, na FIL.  Nesse sentido, entrevistámos o secretário Regional da Economia, Turismo e Cultura do governo madeirense, Eduardo Jesus, para perceber o que a sua equipa traz na bagagem para apresentar naquela que é a maior feira nacional do sector turístico. A autenticidade e a aproximação ao público são dois dos caminhos a percorrer durante os cinco dias de certame.

Como destino convidado da BTL, o que está a preparar a Madeira para apresentar naquela que é a maior feira de turismo do País?

 Depois do sucesso alcançado e premiado na edição de 2016, estamos a trabalhar para que a Região garanta, na edição da BTL 2017, uma presença fortemente baseada na sua identidade e nos elementos diferenciadores que fazem, deste destino, uma experiência ímpar, de qualidade e possível de concretizar, nos 365 dias do ano. São várias as novidades que se reservam para esta participação, ainda que o projecto siga a linha que foi assumida, com grande projecção, no ano passado. A natureza, tal como no ano passado, continuará a ser a base de toda a cenografia montada no stand da Madeira. Flores, frutas, separadores de vime e bananeiras reforçarão a decoração e a proximidade ao mais autêntico que a nossa região tem para oferecer. A gastronomia regional assumirá também grande destaque em mostras que desafiarão os visitantes a fazer uma viagem desde os sabores mais tradicionais aos mais sofisticados, estes últimos naturalmente marcados pela versatilidade dos grandes chefs madeirenses. No que concerne à animação, teremos, este ano e paralelamente a uma forte presença de tecnologia, associada às actividades interactivas com o público, uma distribuição alargada a todo o espaço do stand e não apenas central, onde a presença de um aroma relacionado com a natureza será uma das grandes novidades. A ideia passa por transformar esta presença numa realidade em que cada visitante se sinta mais próximo e, naturalmente, motivado a viver as várias experiências que aqui estarão em evidência na sua envolvência real.

De que forma pretendem captar mais turistas para visitarem o destino durante os vários dias do evento? Há alguma estratégia para chegar mais perto dos visitantes da BTL?

 A estratégia passa, fundamentalmente, pela dinâmica que decorre do programa previsto, com actividades que serão desenvolvidas ao longo do dia, precisamente para despertar as atenções e o interesse dos visitantes na feira. A interacção com o público é, nestes certames, fundamental, pelo que asseguramos, paralelamente às provas relacionadas com os nossos produtos regionais e característicos, uma forte componente de simulação virtual que, certamente, não deixará ninguém indiferente.

Leia a entrevista completa na edição impressa do Publituris – edição especial BTL 2017.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *