Portugal vai abrir primeira escola internacional de turismo da rede da OMT

Por a 12 de Março de 2019 as 15:22

A secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, revelou esta terça-feira, 12 de março, que Portugal vai abrir a primeira escola internacional de turismo da rede da Organização Mundial de Turismo (OMT), o que deve acontecer em breve.

“Vamos ser a primeira escola da rede a ser implementada”, afirmou a governante, durante o XI Fórum do Turismo “Portugal – América Latina”, promovido pelo Instituto para a Promoção da América Latina e Caraíbas (IPDAL), que decorreu esta terça-feira, no Deloitte Hub, em Lisboa.

Ana Mendes Godinho falou sobre a escola internacional de turismo durante a sua intervenção, na qual aproveitou para convidar os embaixadores dos países da América Latina presentes no evento a encontrarem um parceiro que se queira associar a este projecto nos seus países, uma vez que, acrescentou, já foi identificado um parceiro na Ásia.

“Deixo aqui o repto, vamos desenvolver uma escola internacional de turismo em Portugal e já temos, neste momento, um parceiro da Ásia e era muito interessante ter um parceiro da América Latina para arrancar este projecto”, afirmou a responsável.

Para a secretária de Estado do Turismo, o ideal seria contar também com um parceiro da América Latina, já que isso contribuiria para tornar Portugal num “hub intercontinental, a ligar continentes, também na área da formação”.

“Tenho a certeza que seria um bom pivot para nos associarmos e para Portugal ser esta porta de entrada para a Europa, mas também uma porta de entrada para a América Latina. Fica o repto, tem que ser rápida a resposta e têm um mês para, nos vossos países, identificarem um parceiro-chave e um irmão nesta ligação e nesta escola que estamos a lançar, em parceria com a OMT”, concluiu a governante.

Recorde-se que, em maio de 2018, Portugal assinou, através da secretária de Estado do Turismo e do presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, um memorando de entendimento com a OMT para a integração das Escolas do Turismo de Portugal na rede de “Centros Internacionais em colaboração com a Academia da OMT”, documento que, na altura, tornou Portugal no primeiro país a assinar um acordo deste tipo com a OMT.

O memorando previa que a OMT e as Escolas do Turismo de Portugal trabalhassem em conjunto em programas de formação e educação em turismo, organização de cursos e atividades relacionadas com formação de formadores, projetos conjuntos de investigação turística e na colocação de técnicos e disponibilização de estágios.

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *