Assine já
Meeting Industry

Há otimismo, mas “Fátima ainda não recuperou”, alertou a Turismo Centro de Portugal

O otimismo em relação à retoma do fluxo de turistas para Fátima, é generalizado, mas Alexandre Marto Pereira, que discursou na sessão solene de abertura dos X Workshops Internacionais do Turismo Religioso, na qualidade de representantes doa Turismo Centro de Portugal, alertou que o destino Fátima não recuperará tão depressa para os resultados antes da pandemia.

Carolina Morgado
Meeting Industry

Há otimismo, mas “Fátima ainda não recuperou”, alertou a Turismo Centro de Portugal

O otimismo em relação à retoma do fluxo de turistas para Fátima, é generalizado, mas Alexandre Marto Pereira, que discursou na sessão solene de abertura dos X Workshops Internacionais do Turismo Religioso, na qualidade de representantes doa Turismo Centro de Portugal, alertou que o destino Fátima não recuperará tão depressa para os resultados antes da pandemia.

Sobre o autor
Carolina Morgado
Artigos relacionados
Fátima: Inscrições para os Workshops de Turismo Religioso arrancam em novembro
Homepage
IX Workshops Internacionais de Turismo Religioso adiados para junho
Homepage
Workshop Internacional de Turismo Religioso regressa a Fátima a 10 e 11 de março de 2022
Destinos
Turismo religioso volta, presencialmente, a Fátima em março
Destinos

O também vice-presidente da AHP, e representante desta Associação no Centro de Portugal, grande conhecedor do destino Fátima, realçou que o turismo está a recuperar em força, em Portugal, e até abril, a região Centro teve um aumento de 2% em relação ao mesmo período de 2019, mas a recuperação não é homogênea, e Fátima ainda não recuperou”, estando com 19% do número de noites abaixo dos verificados antes da pandemia. Lembrou que existe ou polo importante na região Centro – Coimbra com o número de noites 8% abaixo do 2019.

Alexandre Marto destacou que o turismo religioso, para Fátima, tem as suas especificidades, baseando-se muito em grupos, pessoas de maior idade, e mercados intercontinentais. O Brasil, disse, em abril estava ainda 20% abaixo da pré-pandemia, vários mercados asiáticos ainda estão por abrir, para lembrar que só a Coreia do Sul era responsável por quais de 100 mil noites em Fátima, e “está parado”. O que está a crescer, na opinião de Alexandre Marto, é o mercado polaco, tendo atingido em abril, um aumento de 16% face a 2019.

Por sua vez, o padre Carlos Cabecinhas, Reitor do Santuário de Fátima, deixou também alguns números que têm a ver com o de peregrinos àquele que é considerado o “Altar do Mundo”.

O reitor realçou que, em 2017 o Santuário acolheu 9,5 milhões de peregrinos, passando a 7 milhõs em 2018, 6,5 milhões em 2019. No primeiro ano da Pandemia, Fátima recebeu 1,4 milhões de pessoas em peregrinação, 2,5 milhões em 2021, e este ano, até maio “superou já os números do total 2020. “Estamos a sentir o regresso de peregrinos”, disse, para sublinhar a presença do mercado espanhol.

Na sua intervenção, o padre Carlos Cabecinhas reconheceu que “a retoma do Turismo Religioso será mais lenta, dada a sua especificidade”.

Os dois intervenientes têm, no entanto, esperança que as Jornadas Mundiais da Juventude, no próximo ano, em Lisboa, vão catapultar Fátima e o Turismo Religioso em Portugal.

A sessão solene de abertura, que decorreu esta quinta-feira no Centro Pastoral Paulo VI, em Fátima, contou ainda com intervenções de Purificação Reis, presidente da Direção da ACISO, entidade que promove o evento, Francisco Calheiros, presidente da Confederação do Turismo de Portugal (CTP),Jorge Brandão, vogal Executivo do Centro 2020, Sérgio Costa, presidente do Município da Guarda, Natálio Reis, vice-presidente da Câmara Municipal de Ourém, e Rita Marques, secretária de Estado do Turismo, Comércio e Serviços. Sobre as restantes intervenções e as restantes palestras que incluíram a conferência durante toda a manhã de quinta-feira. daremos conta em pormenor na próxima edição do Publituris.

Participam nestes X Workshops Internacionais do Turismo Religioso, que termina esta sexta-feira, em Fátima, com reuniões B2B, 122 hosted buyers de 47 países, 123 suppliers e 41 expositores. Só a conferência inaugural contou com a presença de aproximadamente 500 pessoas.

 

Sobre o autorCarolina Morgado

Carolina Morgado

Mais artigos
Artigos relacionados
Meeting Industry

47º Congresso da APAVT já tem data: 08/11 de dezembro de 2022

O 47º Congresso da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT) vai acontecer de 08 a 11 de dezembro deste ano. O local da sua realização é que ainda não foi anunciado.

A Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT) comunicou ao trade turístico, na noite de quinta-feira, que a realização do seu 47º Congresso, já tem data marcada: será de 08 a 11 de dezembro de 2022.

O local da realização deste, que é considerado o maior congresso do Turismo nacional, e que abrange a discussão de todas as áreas do setor, e não só da distribuição, é que continua no segredo dos deuses.

A nota da APAVT que nos chegou diz apenas ao trade para “salvar” esta data na sua agenda, remetendo para breve novas informações.

Refira-se que, para além de uma realização em Macau, todos os congressos da APAVT, com a liderança de Pedro Costa Ferreira, tiveram como palco o território português. A última edição decorreu em Aveiro, no início de dezembro de 2021.

 

 

Sobre o autorCarolina Morgado

Carolina Morgado

Mais artigos
Meeting Industry

Encontro Nacional da Formação Turística a 4 e 5 de julho em Fátima

A Academia de Formadores, evento organizado pelo Fórum Turismo, tem com o objetivo juntar os formadores nacionais deste setor na mesma sala de aula para o Encontro Nacional da Formação Turística.

Publituris

Este ano o evento irá decorrer entre 4 e 5 de julho no SDivine Fátima Hotel – Congress & Spirituality. A inscrição poderá ser feita através do link: https://academiadeformadores.pt.

Neste evento é possível assistir a debates sobre as inovações e estratégias que impactam atualmente o setor e a formação turística, conhecer estudos de casos práticos bem como ouvir oradores, professores e formadores de referência nas áreas do turismo e da educação.

Refira-se que o hotel garante uma tarifa especial para participantes da Academia de Formadores ’22.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Eventos Publituris

Meeting Forums do Publituris já tem programa

A 7.ª edição dos Meeting Forums do jornal Publituris, que decorre de 21 a 23 de junho, no Vila Galé Sintra Resort Hotel Conference & Spa, em Sintra, já tem programa.

Publituris

O programa da 7.ª edição dos Meeting Forums do Publituris está fechado. O evento, que decorre 21 a 23 de junho de 2022, em Sintra, no Vila Galé Sintra Resort Hotel Conference & Spa, conta já com a confirmação de 19 buyers internacionais e 20 suppliers nacionais.

Programa

21 junho
Chegada dos Buyers e Suppliers ao Vila Galé Sintra seguido das formalidades de check-in
18:45 – Transfer do Vila Galé Sintra para o Palácio da Vila de Sintra
19:00 – Visita guiada pelo grandioso e magnífico Palácio onde bate o coração de Sintra, seguido de um Welcome drink
20:30 – Jantar servido no Palácio da Vila em Sintra
22:30 – Regresso ao Hotel Vila Galé

22 junho
07:00 – 08:30 – Pequeno-almoço no Hotel
08:30 – 10:30 – One-to-One meetings
10:30 – 10:45 – Coffee break
10-45 – 13:00 – One to One meetings
13:00 – Almoço no Restaurante do Vila Galé Sintra
15:00 – 18:00 – Tour em autocarro acompanhado de guia intérprete pelo Concelho de Sintra
19:00 – Transfer do Vila Galé Sintra para o Hotel Mundial em Lisboa – Um Hotel do Grupo PHC Hotels
19:30 – 23:00 – Jantar servido no Rooftop do Hotel Mundial com DJ e muita animação
23:00 – Regresso ao Vila Galé Sintra

23 junho
08:00 – 08:45 – Pequeno-almoço no Hotel
08:45 – 10:45 – One to one meetings
10:45 – 11:00 – Coffee break
11:00 – 12:45 – One to one meetings
12:45 – 13:00 – Check-out e transfer do Vila Galé Sintra para o Hotel Tivoli Oriente Lisboa
14:00 – 16:00 – Almoço servido no Sky Bar do Tivoli Oriente Lisboa – Um Hotel do Grupo Minor Hotels
Transfer do Hotel para o Aeroporto de acordo com o horário de partida de voos dos Buyers

Fim do evento

Esta edição dos Meeting Forums tem o apoio do Turismo de Portugal e conta com a TAP como companhia aérea oficial, e a PHC Hotels, YVU Produções, Tivoli Oriente, Associação Turismo de Sintra e Hotéis Vila Galé como parceiros.

No evento marcarão presença buyers dos mercados identificados como estrategicamente importantes para o mercado português.

Os buyers internacionais confirmados são:

  • CCMG – Congress Consulting Management Group – Dinamarca
  • Immens-Events – Munique (Alemanha)
  • Corporate Travel Agency s.r.o. – Praga (Rep. Checa)
  • Venue Find Group – Reino Unido
  • Voyages Vision Travel – Virtuoso Member – Montreal (Canadá)
  • Goway Travel – Toronto (Canadá)
  • New Wave Travel – Toronto (Canadá)
  • The Travel Agent Next Door – Toronto (Canadá)
  • Exotik Journeys Travelbrands – Montreal (Canadá)
  • Windrose – Berlim (Alemanha)
  • Zitango Travel – Miami (EUA)
  • CVC Viagens – Brasil
  • Davington Events – Reino Unido
  • Mapa Mundo – Espanha
  • Special Tours (Grupo Avoris) – Espanha
  • Grupo CDV – Espanha
  • Voyzant – Montreal (Canadá)
  • Lumuna Associates International – Reino Unido
  • Panoptic Events – Glasgow (Escócia)

Os suppliers nacionais confirmados são:

  • Hotel Cascais Miragem
  • Hotel Palácio Estoril
  • Grupo Nau
  • Hotéis Olissippo
  • Pestana Hotels & Resorts
  • Go Health Portugal
  • EcorkHotel Évora
  • PHC Hotels
  • Domitur DMC
  • Bensaude Hotels Collection
  • Around Portugal DMC
  • Azoris Hotels & Leisure
  • Vila Galé Hotéis
  • Liberty International DMC
  • Voqin
  • Minor Hotels
  • TAP Air Portugal
  • Associação Turismo de Sintra
  • AlgarExperience
  • Gr8 Events

Para mais informações contactar Lídia Luís: [email protected] / Telm.: +351 913 256 261

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Meeting Industry

Inovação e sustentabilidade no turismo em análise na Católica de Braga

A Universidade Católica Braga recebe, no próximo dia 08 de junho, a partir das 09h00, a Conferência Internacional “Minho, INovação e Sustentabilidade no Turismo”.

Publituris

A Aula Magna da Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Católica de Braga abre as portas para receber oradores, especialistas em Sustentabilidade e Turismo, nacionais e internacionais, no âmbito da Conferência Internacional “Minho, INovação e Sustentabilidade no Turismo”.

O evento, que contará com a apresentação dos resultados de um estudo conduzido junto das empresas do setor turístico, entidades e residentes da região, proporcionará a oportunidade de refletir sobre o modo como o setor pode contribuir para o desenvolvimento sustentável da região do Minho.

A abertura da sessão será conduzida pelo professor João Duque, Pró-reitor do Centro Regional, que introduzirá a conferência, seguindo-se as intervenções de Manoel Batista, presidente da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, Domingos Bragança, presidente da Comunidade Intermunicipal do Ave, e Ricardo Rio, presidente da Comunidade Intermunicipal do Cávado.

Seguem-se temáticas como “Inovação para a Sustentabilidade do Turismo no Minho: tendências e ações inovadoras”, “Governança & Políticas Públicas para a sustentabilidade dos destinos”, e “Turismo, Natureza e Biodiversidade no contexto da agenda 2030”, com intervenções de especialistas nacionais e internacionais nestas áreas.

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Publituris Hotelaria

Recorde a 6.ª edição do “Hotels&Suppliers” em vídeo

Durante um dia, a revista Publituris Hotelaria juntou 38 empresas fornecedoras e hotéis em reuniões one-to-one, na 6.ª edição do “Hotels&Suppliers”.

Publituris

Durante um dia, a revista Publituris Hotelaria juntou 38 empresas fornecedoras e hotéis em reuniões one-to-one, na 6.ª edição do “Hotels&Suppliers”.

Nesta edição, foram vários os fornecedores que participaram pela primeira vez no evento “num veículo para se aproximarem do setor hoteleiro”.

Foi o caso da Andros, representada no evento por Joana Ferreira, Company Manager da empresa, que frisou que, “com o regresso à normalidade, a marca aproveitou a abertura “para estar mais próxima do setor hoteleiro”, pelo que o evento serviu para apresentarem não só os conhecidos doces “Bonne Maman” e os sumos da “Andros”, como também novas soluções para piqueniques, dirigidas às unidades hoteleiras que fornecem este tipo de refeições.

No caso da La Redoute, a empresa participou pela primeira vez no evento. Com o surgimento de vários pedidos por parte de profissionais de hotelaria, a marca criou um canal específico para dar “uma resposta mais adequadas às exigências do setor”, tal como explicou João Sousa, New Business Manager da La Redoute. Desta forma, a marca apresentou os dois conceitos que tem disponíveis para as unidades hoteleiras na área do mobiliário.

Por outro lado, este evento serviu para reencontrar fornecedores que estão presentes desde a primeira edição, como é o caso da Groupe GM. Para além da linha portuguesa Real Saboaria, lançada por altura da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), a marca aproveitou para apresentar “uma nova linha de nicho”, a Campos de Ibiza, mas também “fortalecer relações e alargar a carteira de clientes”, tal como explicou António Albuquerque, diretor comercial do grupo.

Do lado dos hotéis, a curiosidade residiu, acima de tudo, para conhecer as novidades e estabelecer contactos para negócios futuros.

A 6.ª edição do “Hotels&Suppliers” contou com a presença das empresas: Alaire; Andros; Dauti; Decorhotel; Decorweb; Ezpeleta; Gergran/Delifrance; GROHE Portugal; Groupe GM; ISEG; YVU; Jacobs Douwe Egberts; La Redoute; Legrand; Life Fitness Iberia; NSContract; Proquimia; Revestech; Roca e Televés.

Do lado dos grupos hoteleiros participaram: Grupo Oásis Atlântico; Hoti Hotéis; Editory Hotels; Neya Hotels; Bom Porto Hotels; Casas Vivas Resort; My Story Hotels; Olissippo Hotels; Amazing Evolution; HF Hotels; Unlock Boutique Hotels; PHC Hotels; Nau Hotels & Resorts; Vila Galé Hotéis; Jupiter Hotel Groupe e Hotel Shop.

Recorde o evento em vídeo. da 6.ª edição do “Hotels&Suppliers” da Publituris Hotelaria.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Meeting Industry

ITB Berlim regressa em março de 2023 focada exclusivamente no B2B

A ITB Berlim passa a ter a duração de apenas três dias (em vez dos cinco habituais) e focar-se-á, em exclusivo, na vertente B2B.

Publituris

A ITB Berlim anunciou as datas para a realização da feira que, segundo a organização, terá como foco os clientes B2B, reduzindo os dias do evento de cinco para três. Em vez de se iniciar a uma quarta-feira e ir até domingo, a organização optou por dar início à feira a uma terça-feira, dia 7 de março, terminando na quinta-feira, dia 9 de março.

Esta é a primeira vez que a ITB Berlim se realiza de forma presencial desde o início da pandemia, reconhecendo a organização “os desafios que as feiras globais enfrentaram, tendo mudado consideravelmente nos últimos anos”. Assim, os responsáveis da feira, que terá a Georgia como destino convidado, salientam que o evento estará “concentrado nas empresas expositoras, bem como exclusivamente em visitantes do trade, compradores e a media”.

“Ao posicionar a ITB Berlin exclusivamente como um produto B2B, queremos virar o formato para o futuro e melhorar ainda mais a marca como um catalisador global da indústria do turismo”, refere David Ruetz, diretor da ITB Berlim.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Eventos Publituris

Meeting Forums do Publituris contam já com 19 ’buyers’ internacionais

A 7.ª edição dos Meeting Forums do jornal Publituris, que decorre de 21 a 23 de junho, no Vila Galé Sintra Resort Hotel Conference & Spa, em Sintra, conta já com a confirmação de 22 ‘buyers’ internacionais e 18 ‘suppliers’ nacionais.

Publituris

O jornal Publituris vai realizar a 7.ª edição dos Meeting Forums, de 21 a 23 de junho de 2022, em Sintra, no Vila Galé Sintra Resort Hotel Conference & Spa, contando já com a confirmação de 19 buyers internacionais e 20 suppliers nacionais.

Esta edição dos Meeting Forums, com apoio do Turismo de Portugal, conta com a TAP como companhia aérea oficial, e a PHC Hotels, YVU Produções, Tivoli Oriente, Associação Turismo de Sintra e Hotéis Vila Galé como parceiros.

No evento marcarão presença buyers dos mercados identificados como estrategicamente importantes para o mercado português.

Os buyers internacionais confirmados são:

  • CCMG – Congress Consulting Management Group – Dinamarca
  • Immens-Events – Munique (Alemanha)
  • Corporate Travel Agency s.r.o. – Praga (Rep. Checa)
  • Venue Find Group – Reino Unido
  • Voyages Vision Travel – Virtuoso Member – Montreal (Canadá)
  • Goway Travel – Toronto (Canadá)
  • New Wave Travel – Toronto (Canadá)
  • The Travel Agent Next Door – Toronto (Canadá)
  • Exotik Journeys Travelbrands – Montreal (Canadá)
  • Windrose – Berlim (Alemanha)
  • Zitango Travel – Miami (EUA)
  • CVC Viagens – Brasil
  • Davington Events – Reino Unido
  • Mapa Mundo – Espanha
  • Special Tours (Grupo Avoris) – Espanha
  • Grupo CDV – Espanha
  • Voyzant – Montreal (Canadá)
  • Lumuna Associates International – Reino Unido
  • Panoptic Events – Glasgow (Escócia)

Os suppliers nacionais confirmados são:

  • Hotel Cascais Miragem
  • Hotel Palácio Estoril
  • Grupo Nau
  • Hotéis Olissippo
  • Pestana Hotels & Resorts
  • Go Health Portugal
  • EcorkHotel Évora
  • PHC Hotels
  • Domitur DMC
  • Bensaude Hotels Collection
  • Around Portugal DMC
  • Azoris Hotels & Leisure
  • Vila Galé Hotéis
  • Liberty International DMC
  • Voqin
  • Minor Hotels
  • TAP Air Portugal
  • Associação Turismo de Sintra
  • AlgarExperience
  • Gr8 Events

Para além do programa de reuniões, haverá também um programa social que inclui cocktail, almoços, jantares exclusivos, animação e um programa de atividades que promovem o networking entre os diversos participantes.

Para mais informações contactar Lídia Luís: [email protected] / Telm.: +351 913 256 261

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Meeting Industry

Lisboa vai acolher a Cruise Europe Conference em 2023

A candidatura apresentada pelo Porto de Lisboa saiu vencedora e vai trazer, pela primeira vez, à capital portuguesa a conferência internacional da Cruise Europe, no primeiro trimestre de 2023.

Publituris

Este evento internacional de três dias, vai reunir os principais stakeholders do setor e envolve mais de 150 participantes de 20 países.

Segundo nota de imprensa do Porto de Lisboa, a  notícia chega numa altura em que o mercado de cruzeiros passa por profundas alterações qualitativas e em que esta instituição lisboeta, alinhado com as melhores práticas do setor, “se encontra a implementar um conjunto de soluções de qualificação ambiental das operações portuárias e de reforço da relação com os núcleos urbanos vizinhos”, isto enquanto, progressivamente, a indústria dos cruzeiros retoma a sua atividade normal um pouco por todo o mundo.

Segundo Ricardo Medeiros, vogal da Administração Porto de Lisboa (APL), este evento “faz parte da estratégia de valorização e qualificação da indústria de cruzeiros na cidade de Lisboa que a APL, em conjunto com vários parceiros, tem em curso: as campanhas de monitorização da qualidade do ar e da água na área de influência do terminal de cruzeiros, a implementação de soluções de Onshore Power Suply aos navios que escalam o Porto de Lisboa e o estudo, em curso, de avaliação dos impactes ambientais da atividade são outros tantos passos neste caminho”.

Refira-se que a Cruise Europe, criada em Copenhaga, em dezembro de 1991, é a associação que reúne os portos e destinos de cruzeiro da costa atlântica europeia, e que tem como principal objetivo promover o desenvolvimento e a qualificação da atividade de cruzeiros na região. Reúne atualmente cerca de 140 membros, que representam mais de 20 países.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Meeting Industry

International Boat Show de regresso a Vilamoura

A 25.ª edição do International Boat Show realiza-se de 11 a 19 de junho, na Marina de Vilamoura.

Victor Jorge

O International Boat Show está de volta à Marina de Vilamoura, de 11 a 19 de junho. A 25.ª edição, co-organizada pela Marina de Vilamoura e FIL – Feira Internacional de Lisboa, reunirá todas as tipologias de embarcações – novas e seminovas (brokerage) -, bem como marcas de acessórios, equipamentos e serviços integrados, a mostra, em terra e no mar, permitindo ao público contactar na primeira pessoa com mais de 50 marcas da indústria náutica.

“O Boat Show é um polo de atração no verão do Algarve. Não apenas pela dinamização que opera na economia regional e no setor da náutica, mas também pelo estilo de vida que reflete. É um evento de uma enorme generosidade, que partilha este universo de glamour e oferece uma receção personalizada a qualquer entusiasta da náutica. É também uma oportunidade imperdível de desfrutar de Vilamoura numa altura única, em que a Marina ganha uma nova vida e toda a atmosfera envolvente adquire uma energia incomparável”, refere Paulo Jorge, da organização do Marina de Vilamoura International Boat Show.

De referir que a náutica de recreio tem vindo a assumir, em Portugal, uma importância económica cada vez maior. Em articulação com o setor do turismo, e tirando proveito da extensão da costa nacional, esta indústria tem afirmado as suas inúmeras potencialidades no contexto da economia do mar – e desempenhado um importante papel na afirmação da cultura marítima nacional.

De acordo com a Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, o turismo náutico representa 1,2% da indústria turística portuguesa. Mas a valia económica da náutica de recreio não se cinge ao turismo, tendo um lugar relevante também no suporte da indústria da construção, reparação e manutenção de embarcações, bem como do design e investigação associados aos produtos náuticos.

Sobre o autorVictor Jorge

Victor Jorge

Mais artigos
Meeting Industry

Viagens corporate pressionadas pela sustentabilidade

Após dois anos de pandemia, antecipava-se uma evolução nas viagens de negócios. A preocupação com a sustentabilidade e redução das emissões, contudo, poderão servir de travão a essa retoma.

Publituris

Depois de quase dois anos quase totalmente adormecido, o segmento de viagens de negócios está recuperar. Contudo, isso pode ser um efeito temporário, após a necessidade reprimida de reconectar pessoalmente a parceiros que estavam disponíveis apenas por meio de videochamadas, já que à medida que as grandes corporações procuram reduzir as emissões, as viagens de negócios podem vir a ser prejudicadas.

Antes da pandemia, as viagens corporativas eram uma indústria que valia 1,4 biliões de dólares (cerca de 1,31 biliões de euros). Na recente edição do Business Travel do Airline Sustainability Benchmarking Report 2021, elaborado pelo CAPA – Center for Aviation, e da Envest Global, sugere-se que este pode ser um aumento temporário, revelando que a recuperação geral das viagens de negócios será diluída, à medida que as empresas são cada vez mais pressionadas a cumprir as metas na redução nas emissões de carbono.

A necessidade de viagens de longa distância, responsável por 40% das emissões do setor da aviação, e principalmente viagens em cabine premium, será cada vez mais escrutinada. Isto sem falar nas análises feitas pelos CFO (Chief Executive Officer) no dinheiro que pode ser economizado ao reduzir o número de funcionários a viajar pelo mundo.

No relatório, a Envest Global identificou um padrão emergente consistente. Das mais de 100 corporações que estão entre os viajantes corporate mais proeminentes em todo o mundo, um terço estabeleceu metas de redução de emissões.

Os objetivos traçados devem ser atingidos entre 2025 e 2030, muito tempo antes de o combustível de aviação sustentável (SAF) se tornar suficientemente disponível ou as tecnologias de propulsão de emissão zero se tornem uma realidade comercial.

Os analistas admitem que as empresas estão a ser cada vez mais responsabilizadas por investidores preocupados com relatórios ESG, de modo a garantir que as metas de sustentabilidade sejam alcançadas. Isso significa que o setor aéreo enfrentará um desafio real à medida que essas pressões aumentam.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos

Navegue

Sobre nós

Grupo Workmedia

Mantenha-se conectado

©2021 PUBLITURIS. Todos os direitos reservados.