Assine já
Edição Digital

Edição Digital: Sonae Capital, Marrocos e Especial 2020

A edição desta quinzena do Publituris e a última deste ano, faz capa com uma entrevista a Pedro Capitão, administrador da área de hotelaria da Sonae Capital. O responsável faz um balanço dos desafios da gestão hoteleira neste emblemático ano e aponta cenários do modelo de negócio que a empresa quer focar-se nos próximos tempos: a exploração hoteleira. Pedro Capitão realça que este é o momento de repensar a forma como se está no mercado hoteleiro, destacando a concentração do setor como um dos caminhos a trilhar. A Sonae Capital prepara ainda a abertura de dois cinco estrelas em 2021.

Sendo a última edição do ano do Publituris é também a edição que faz o balanço e uma compilação dos momentos mais marcantes que este ano deixou no Turismo.

Na seção de Destinos, Abdellatif Achachi, diretor-geral do turismo de Marrocos em Portugal, fala sobre a plataforma de e-learning que a entidade lançou para formar os agentes de viagens portugueses e torná-los especialistas no destino. O Turismo de Marrocos prepara outras novidades para que o país se mantenha como um dos principais destinos de férias dos turistas lusos.

Estreitar as relações com os profissionais de turismo portugueses é também o objetivo do Turismo de Bilbao Bizkaia, que vai dinamizar algumas viagens de familiarização no próximo ano, entre outras iniciativas. Juan Baliño Cangoiti, responsável pela Promoção Exterior do Turismo de Bilbao, explica as medidas que o destino tem adoptado para fazer face a esta pandemia.

Leia ainda as novidades que a Hertz Ride, empresa de mototurismo, prepara para lançar no próximo ano e o balanço da sua presença em vários países.

Os artigos de opinião desta edição são assinados por Pedro Machado (Turismo Centro de Portugal), Ricardo Barradas (ISCAL), Ana Lucas e António Palma dos Reis (ISEG) e Amaro Correia. Leia ainda mais uma edição do Observatório por António Paquete.

Raquel Relvas Neto
Edição Digital

Edição Digital: Sonae Capital, Marrocos e Especial 2020

A edição desta quinzena do Publituris e a última deste ano, faz capa com uma entrevista a Pedro Capitão, administrador da área de hotelaria da Sonae Capital. O responsável faz um balanço dos desafios da gestão hoteleira neste emblemático ano e aponta cenários do modelo de negócio que a empresa quer focar-se nos próximos tempos: a exploração hoteleira. Pedro Capitão realça que este é o momento de repensar a forma como se está no mercado hoteleiro, destacando a concentração do setor como um dos caminhos a trilhar. A Sonae Capital prepara ainda a abertura de dois cinco estrelas em 2021.

Sendo a última edição do ano do Publituris é também a edição que faz o balanço e uma compilação dos momentos mais marcantes que este ano deixou no Turismo.

Na seção de Destinos, Abdellatif Achachi, diretor-geral do turismo de Marrocos em Portugal, fala sobre a plataforma de e-learning que a entidade lançou para formar os agentes de viagens portugueses e torná-los especialistas no destino. O Turismo de Marrocos prepara outras novidades para que o país se mantenha como um dos principais destinos de férias dos turistas lusos.

Estreitar as relações com os profissionais de turismo portugueses é também o objetivo do Turismo de Bilbao Bizkaia, que vai dinamizar algumas viagens de familiarização no próximo ano, entre outras iniciativas. Juan Baliño Cangoiti, responsável pela Promoção Exterior do Turismo de Bilbao, explica as medidas que o destino tem adoptado para fazer face a esta pandemia.

Leia ainda as novidades que a Hertz Ride, empresa de mototurismo, prepara para lançar no próximo ano e o balanço da sua presença em vários países.

Os artigos de opinião desta edição são assinados por Pedro Machado (Turismo Centro de Portugal), Ricardo Barradas (ISCAL), Ana Lucas e António Palma dos Reis (ISEG) e Amaro Correia. Leia ainda mais uma edição do Observatório por António Paquete.

Sobre o autor
Raquel Relvas Neto
Artigos relacionados
Edição digital: Campanha de Portugal, Formação em Turismo e Gerês
Edição Digital
Hertz apresenta serviço Hertz Ride no BMW Motorrad Days
Homepage
Hertz participa na 36ª Concentração de Motos de Faro
Homepage
Conceito Hertz Ride vai ser aplicado em Itália
Homepage

A edição desta quinzena do Publituris e a última deste ano, faz capa com uma entrevista a Pedro Capitão, administrador da área de hotelaria da Sonae Capital. O responsável faz um balanço dos desafios da gestão hoteleira neste emblemático ano e aponta cenários do modelo de negócio que a empresa quer focar-se nos próximos tempos: a exploração hoteleira. Pedro Capitão realça que este é o momento de repensar a forma como se está no mercado hoteleiro, destacando a concentração do setor como um dos caminhos a trilhar. A Sonae Capital prepara ainda a abertura de dois cinco estrelas em 2021.

Sendo a última edição do ano do Publituris é também a edição que faz o balanço e uma compilação dos momentos mais marcantes que este ano deixou no Turismo.

Na seção de Destinos, Abdellatif Achachi, diretor-geral do turismo de Marrocos em Portugal, fala sobre a plataforma de e-learning que a entidade lançou para formar os agentes de viagens portugueses e torná-los especialistas no destino. O Turismo de Marrocos prepara outras novidades para que o país se mantenha como um dos principais destinos de férias dos turistas lusos.

Estreitar as relações com os profissionais de turismo portugueses é também o objetivo do Turismo de Bilbao Bizkaia, que vai dinamizar algumas viagens de familiarização no próximo ano, entre outras iniciativas. Juan Baliño Cangoiti, responsável pela Promoção Exterior do Turismo de Bilbao, explica as medidas que o destino tem adoptado para fazer face a esta pandemia.

Leia ainda as novidades que a Hertz Ride, empresa de mototurismo, prepara para lançar no próximo ano e o balanço da sua presença em vários países.

Os artigos de opinião desta edição são assinados por Pedro Machado (Turismo Centro de Portugal), Ricardo Barradas (ISCAL), Ana Lucas e António Palma dos Reis (ISEG) e Amaro Correia. Leia ainda mais uma edição do Observatório por António Paquete.

Leia a edição aqui.

Sobre o autorRaquel Relvas Neto

Raquel Relvas Neto

Mais artigos
Artigos relacionados
Edição Digital

Edição Digital: Os nomeados dos Publituris “Portugal Travel Awards” 2022

Nesta edição do Publituris, o destaque vai para os nomeados dos Publituris “Portugal Travel Awards” 2022. São 104 nomeados em 15 categorias. Mas há mais: conclusões do estudo da TLN, turismo rural, Gerês, airBaltic e Pulse Report.

Publituris

A primeira, e única edição, de agosto do Publituris faz capa com os “Portugal Travel Awards” 2022, prémios que irão distinguir o que de melhor se fez (e continua a fazer) em 2021.

Três anos depois da última edição, os vencedores dos Publituris “Portugal Travel Awards” 2022 serão desvendados no dia 18 de outubro de 2022, numa cerimónia a realizar na Quinta da Pimenteira, em Lisboa.

São 104 os nomeados divididos por 15 categorias, a que acresce o Prémio Carreira Belmiro Santos, entregue diretamente pela redação do Publituris.

As votações, a realizar num site dedicado exclusivamente aos Publituris “Portugal Travel Awards” 2022, decorrerão de 2 de setembro a 7 de outubro de 2022.

Para validar o voto é exigida a introdução do e-mail que terá de ser idêntico ao de registo na newsletter diário do publituris.pt.

Os vencedores resultam de uma média ponderada entre os votos do júri (45%), assinantes do jornal Publituris (45%) e subscritores da newsletter diária (10%).

Mas há mais para ler nesta edição. A começar pelas conclusões de um estudo encomendado pela principal rede de agências de comunicação especializadas no setor do turismo e viagens, Travel Lifestyle Network (TLN). O estudo revela que, depois de dois anos de pandemia e o início de uma guerra na Europa, o desejo de viajar não diminui.

Portugal, ou melhor, os portugueses aparecem bem posicionados no que diz respeito ao interesse e desejo de viajar, com os resultados a indicarem que estão acima da média global. Contudo, o estudo conclui que a relação custo-benefício constitui, atual e futuramente, o principal fator na escolha de um destino de férias, com a preocupação dos preços, devida à inflação e aumento dos preços a pesar numa futura opção.

O “dossier” desta edição é dedicado ao Turismo Rural. Durante a pandemia, e Portugal não foi exceção, a procura de turistas nacionais e internacionais esteve mais centrada no turismo rural e de natureza, em territórios de interior e de baixa densidade. Esta tendência mantém-se, hoje que o mundo quase todo reabriu para as mil e uma motivações de fazer turismo? É um pouco esta resposta que queremos dar, com a opinião de vários intervenientes diretamente ligados ao turismo rural e de natureza.

No “dossier” contamos, igualmente, com entrevistas ao presidente da Casas Açorianas – Associação de Turismo em Espaço Rural, Gilberto Vieira, bem como a Sara Duarte, presidente da Associação Portuguesa de Turismo em Espaços Rurais e Naturais (APTERN).

O Publituris visitou, também, o Parque Nacional da Peneda-Gerês. A conjugação do verde da floresta, do azul da água, das cores da gastronomia e do som da tranquilidade continuam lá, e são a poção mágica para retemperar as forças e desligar-se completamente do rebuliço das grandes cidades.

Nos “Transportes” damos a conhecer a estratégia da ariBaltic. Satisfeita com o desempenho da rota entre Riga e Lisboa, que existe desde 2018, a airBaltic decidiu manter, este verão, os voos que ligam Portugal e a Letónia duas vezes por semana cujo resultado, indica a companhia aérea ao Publituris, em sido positivo, uma vez que a capital portuguesa é um destino que agrada aos turistas dos Países Bálticos.

Além do Pulse Report, parceria entre o Publituris e a GuestCentric para divulgar dados quantitativos do mercado de hotelaria independente em Portugal, as opiniões da única edição de agosto do Publituris pertencem a Jaime Quesado (economista), Sílvia Dias (Savoy Signature), João Caldeira Heitor (ISG), Joaquim Robalo de Almeida (ARAC), e António Paquete (economista).

Boas leituras, votos de umas excelentes férias. Voltamos em setembro!

Leia a edição aqui.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: A (in)decisão do aeroporto, Cabo Verde, DP Tours Plus e BTL 2023

A indefinição quanto ao novo aeroporto de Lisboa e as perdas daí resultantes, dossier Cabo Verde, os planos da DP Tours Plus, lançamento da BTL 2023, Check-in e opiniões compõem a última edição do Publituris para o mês de julho.

Publituris

A última edição do mês de julho do Publituris, faz capa com a “velha” questão da localização do aeroporto para a região de Lisboa. A Confederação do Turismo de Portugal (CTP) apresentou, recentemente, um estudo realizado pela EY, que aponta não para a escolha de uma das localizações estudadas (e já lá vão 17), mas para as perdas que o setor do turismo e economia portuguesa sofrerão.

O cenário mais pessimista aponta para uma perda de receitas superior a 21 mil milhões de euros. Daí pedir-se urgência numa decisão.

Além disso, trazemos um dossier especial dedicado a Cabo Verde que, mais do que um destino, é o destino de férias dos portugueses. Sónia Regateiro, COO da Solférias fez uma viagem virtual por um destino onde existe uma oferta que vai para além do sol e praia.

Em entrevista, Jorge Spencer Lima, presidente da Câmara do Turismo de cabo Verde (CTCV), passa em revista os grandes desafios que se colocam aos empresários do país, admitindo que “a promoção no mercado português passa por uma maior agressividade e presença nos media como forma de se transmitir uma mensagem de um destino seguro e amigo do turista português”.

Marcos Rodrigues, presidente da Câmara do Comércio do Sotavento (CCS), por sua vez, admite-se “convicto” que Cabo Verde tem ainda um grande potencial por descobrir e que “é importante e há que fazer mais para atrair muitos mais portugueses na área do investimento”.

Para além dos produtos sol e mar, já sobejamente conhecidos em Cabo Verde, surge a necessidade de se divulgar outros locais com características que se enquadram nas novas tendências da procura turística. Neste contexto, Santo Antão tem forte potencial por causa das suas características singulares e tem dados passos com vista a tornar-se num grande destino de turismo de natureza e ambiental.

Finalmente, Carlos Salgueiral, administrador-delegado da Cabo Verde Airlines, admite que a companhia quer voltar a ser parceiro da operação turística em Portugal.

Nos “Transportes”, fomos conhecer a nova oferta da DP Tours Plus. Diamantino Pereira, fundador e diretor-geral da empresa, faz um balanço positivo do arranque e revelou alguns planos para o futuro que, apesar dos desafios, passam pelo crescimento.

No “Meeting Industry”, e após um regresso em 2022, a BTL do próximo ano pretende reforçar a aposta na internacionalização e deu a conhecer os melhores stands da última edição.

Além do “Check-in”, as opiniões pertencem a Carlos Torres (jurista e professor da ESHTE), Jaime Quesado (economista e gestor) e António Paquete (economista).

Boas Leituras!

Leia aqui a nova edição.

 

 

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: Os Meeting Forums, Turismo Religioso e os projetos da hotelaria em aberto

A primeira edição de julho do Publituris faz um balanço dos Meeting Forums e traz a fotoreportagem do evento. Também pode ler o que aconteceu nos X Workshops Internacionais de Turismo Religioso, os objetivos da Associação Ibérica de Turismo do Interior (AITI), bem como o dossier sobre os projetos na hotelaria e o balanço feito pela United Airlines.

Publituris

A primeira edição de julho do Publituris faz capa com um resumo dos Meeting Forums que juntaram, de 21 a 23 de junho, 17 buyers internacionais com 21 suppliers nacionais.

Além da fotoreportagem, ouvimos os participantes nacionais no evento que revelaram um grande otimismo para o presente ano. Certo é que o segmento MICE está em crescendo, com a procura a ser grande e a exigência por respostas rápidas a ser uma constante, mas para a qual a falta de recursos humanos constitui agora o grande desafio.

O Publituris também marcou presença nos X Workshops Internacionais de Turismo Religioso, em Fátima e na Guarda. Também aqui o otimismo reinou, mas todas as vozes enalteceram que a recuperação está a caminhar muito lentamente, até porque depende de turistas transcontinentais e de mercados que só agora estão a abrir às viagens internacionais.

Nasceu para unir os empresários, valorizar os recursos e aproximar os territórios da Raia no que ao turismo diz respeito, estruturar a oferta deste território comum, criando marcas fortes que coloquem essas regiões de fronteira no mapa turístico ibérico. Por isso, a Associação Ibérica de Turismo do Interior (AITI) tem por objetivos defender o turismo como setor criador de riqueza e sustentabilidade, com base nos seguintes princípios: unir, cooperar, colaborar, comercializar, ligar, sensibilizar, dar visibilidade, exigir, construir e tornar sustentável.

Esta edição traz, também, um “Check-in Especial” dedicado exclusivamente à temática do aeroporto para a região de Lisboa. Depois de anunciado não um, mas dois aeroportos pelo ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, o despacho foi revogado pelo primeiro-ministro, António Costa, pelo quisemos ouvir a opinião dos membros do Conselho Editorial do Publituris sobre esta matéria.

O “Pulse Report”, uma parceria entre o Publituris e a GuestCentric, mostra os dados relativos ao mês de junho, revelando que o “Pick-up” está a desacelerar, mantendo-se, contudo, acima de 2019. O “report” revela ainda dados relativos ao preço médio, procura por datas, cancelamentos, canais e mercados.

Os projetos da hotelaria são o tema do dossier desta edição. Portugal tem, até 2026, mais de 200 projetos de hotelaria em pipeline e, apesar da mudança de conjuntura internacional e do aumento da inflação e dos custos, a grande maioria dos projetos parece manter-se de pedra e cal. Apesar de alguns atrasos, as perspetivas são positivas e muitos dos novos hotéis previstos devem mesmo abrir portas nas datas anunciadas.

Nos “Transportes”, a United Airlines faz um balanço positivo das rotas portuguesas. Ao Publituris, a companhia aérea dos EUA destaca a aposta nos Açores e na rota entre Lisboa e Nova Iorque/Newark, que passou a contar com um avião maior desde março, reforçando a “importância desta rota e de Portugal como destino na rede” da companhia.

As opiniões desta edição pertencem a Jorge Catarino (ISCTE), Pedro Castro (SkyExpert) e António Paquete (economista).

Boas leituras!

Leia aqui a nova edição.

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: Turismo de Compras, Vê Portugal e Costa Cruzeiros

A nova edição do Publituris, a última dos mês de junho, faz capa com um dossier sobre Turismo de Compras, um tipo de turismo que, apesar dos poucos dados disponíveis, tem despertado o interesse das entidades que tutelam o turismo em Portugal.

Publituris

A nova edição do Publituris, a última dos mês de junho, faz capa com um dossier sobre Turismo de Compras, um tipo de turismo que, apesar dos poucos dados disponíveis, tem despertado o interesse das entidades que tutelam o turismo em Portugal.

Identificado pela Organização Mundial do Turismo (OMT) como um segmento estratégico e com forte potencial de crescimento nos próximos anos, o Turismo de Compras tem vindo a crescer, ainda que seja necessário posicionar o país neste segmento e promover o destino junto do público que procura este tipo de turismo.

Nesta edição, publicamos também a reportagem do Vê Portugal: Fórum de Turismo Interno, que voltou a ser promovido pela Turismo Centro de Portugal, entre 6 e 9 de junho. Tomar foi a cidade que recebeu o evento, onde se debateu o futuro do turismo, com foco no futuro, na inovação e digitalização, mas sem esquecer as pessoas.

Depois da 8.ª edição do Vê Portugal, a Turismo Centro de Portugal admite que, devido ao sucesso da iniciativa, este debate pode vir a extravasar as fronteiras da região e tornar-se um evento de âmbito nacional.

Conheça também como está o orçamento dos portugueses para as férias de verão. O mais recente Barómetro Anual de Férias de verão da Europ Assistance apurou que os portugueses estão entre os turistas que mais pretendem aumentar o orçamento para as férias deste verão e que, apesar do país se manter como o destino preferido dos turistas nacionais, há cada vez mais procura por férias no estrangeiro.

Na secção ‘Transportes’, saiba como está a TAAG – Linhas Aéreas de Angola a preparar a privatização parcial, que deverá acontecer nos próximos anos. Depois da COVID-19, que afetou profundamente a companhia aérea de bandeira angolana, a TAAG já retomou a sua operação para vários destinos e está agora focada na reestruturação da empresa, com vista à sua privatização parcial.

Nos ‘Transportes’ o destaque vai, no entanto, para a reportagem sobre o cruzeiro da Costa que o Publituris foi fazer entre 29 de maio e 5 de junho, num dos dois itinerários que a companhia de cruzeiros disponibiliza entre a ‘Turquia e Grécia’.

Além de oferecerem praia e cultura, estes novos itinerários da Costa Cruzeiros contam com a vantagem de permitirem voo direto até Istambul, porto de partida do Costa Venezia – navio que realiza os itinerários -, graças às ligações diárias e diretas da Turkish Airlines, desde Lisboa e Porto. A facilidade dos voos tem atraído muitos cruzeiristas lusos, até porque, a bordo, já tudo voltou praticamente ao normal, depois da COVID-19.

Leia a edição aqui.

Boas leituras!

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Turismo

Edição Digital: A sustentabilidade como tema de entrevista ao presidente do Turismo de Portugal

A primeira edição de junho do Publituris faz capa com a entrevista ao presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, com a sustentabilidade como tema. Além disso, trazemos as apostas da Viagens Tempo, o novo Museu de Lisboa, Países Bálticos e Nórdicos, Pulse Report, dossier sobre Parques Temáticos, APG Portugal e entrevista ao CEO da Consultia Business Travel, Carlos Martinez.

Publituris

A próxima edição do Publituris faz capa com a entrevista ao presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo. O tema foi a sustentabilidade e o Plano Turismo +Sustentável 20-23. Dois anos depois da sua apresentação, Luís Araújo faz um balanço positivo da iniciativa, que termina no próximo ano, mas que não encerra a ambição de tornar Portugal no destino mais sustentável do mundo.

Na “Distribuição”, falamos com Ricardo Gordo, diretor Comercial da Viagens Tempo, que revelou que o operador já oferece ao mercado mais de 57 destinos. Isto numa altura em que os Açores e a Madeira têm sido uma surpresa.

A cidade de Lisboa ganhou uma nova atração turístico-histórico-cultural ao trazer à luz do dia as joias da Coroa e um acervo da ouriversaria real portuguesa, numa coleção com mais de mil peças, no agora denominado Museu do Tesouro Real.

No workshop dos Países Bálticos e Nórdicos, foram seis as empresas que marcaram presença e que mostraram a oferta a cerca de 20 representantes de agências de viagens e operadores turísticos portugueses. Apesar de serem conhecidos pela nove, os Países Bálticos e Nórdicos contam com uma vasta oferta cultural e de natureza que os tornam destinos apetecíveis para visitar também no verão.

Nesta edição trazemos, também, o Pulse Report, uma parceria entre o Publituris e a Guest Centric para divulgar dados quantitativos ao mercado de hotelaria independente em Portugal.

Pelos dados é percetível que o “pick-up” em maio está em alta, com +27% face a 2019.

O “Dossier” desta edição é dedicado aos Parques Temáticos. Seja em Portugal ou no estrangeiro, cada ano que passa são acrescentadas novas atrações com vista a atrair mais visitantes, tentando aliar a diversão com o conhecimento, e colocando acento tónico na preservação ambiental.

A APG Portugal está com olhos postos em 2023 e acredita na retoma e até na integração de novas companhias aéreas no seu seio, conforme revelaram ao Publituris a diretora do GSA, Rute Rapaz, e a diretora de operações, Rita Cascada.

Na “Tecnologia”, estivemos à conversa com o CEO da Consultia Business Travel, Carlos Martinez, que veio a Lisboa apresentar Destinux, solução que pretende tornar as viagens de negócios mais eficientes. Certo é que para o executivo, “a digitalização é um processo inevitável para as empresas”.

As opiniões desta edição pertencem a Ana Jacinto (AHRESP), Jorge Mangorrinha (investigador), Pedro Castro (SkyExpert) e António Paquete (economista).

Leia a edição aqui.

Boas leituras!

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: Sustentabilidade, Go4Travel, Visit Valencia e SAP Concur

A nova edição do Publituris faz capa com a sustentabilidade. Apesar de não se tratar de um tema novo, a verdade é, que com a pandemia da COVID-19 e as novas tendências, passou-se a ouvir falar cada vez mais de sustentabilidade no setor do turismo. Além disso, há a reportagem sobre a Convenção da Go4Travel, a aposta de Valência em Portugal e as novidades da SAP Concur para as viagens.

Publituris

A nova edição do Publituris faz capa com um tema que não é propriamente novidade, mas que, com a pandemia da COVID-19 e as novas tendências passou a ouvir falar-se cada vez mais de sustentabilidade no setor do turismo.

Além de ficar a saber o que várias áreas do setor estão a fazer para se tornarem mais sustentáveis, o Publituris entrevistou Naut Kusters, diretor da ECEAT, a propósito do projeto SUSTOUR, que admitiu que “a tendência é muito clara no sentido da sustentabilidade.

Também Pedro Costa Ferreira, presidente da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), salienta que “as agências e os operadores turísticos têm um papel preponderante na promoção da sustentabilidade no setor do turismo”.

O Publituris viajou até à Madeira para marcar presença na Convenção da Go4Travel. Na sessão de abertura da “Summit4Travel 2022”, João Matias, presidente do Conselho de Administração da Go4Travel, apontou que o agrupamento de agências de viagens está com uma agenda “bem carregada”.

Capital Mundial do Design e Capital Europeia do Turismo Inteligente, em 2022, Valência acredita no potencial do mercado português, motivos pela qual o Visit Valência tem prevista uma série de atividades de promoção em Portugal.

Admitindo que o mercado português “não é muito relevante”, Ángel Pérez, Brand & Markets Director do Visit Valencia, disse ao Publituris “acreditar que existe um grande potencial com a excelente conectividade aérea que existe no momento”.

Na “Tecnologia”, João Carvalho dá a conhecer as mais-valias da nova solução SAP Concur. O responsável revela que “as empresas estão cada vez mais interessadas em soluções que ajudem os gestores de viagens e os responsáveis de recursos humanos a avaliar e gerir o risco das viagens”, sendo essencial “desburocratizar cada vez mais os processos empresariais, tendo em conta o impacto ambiental das deslocações”.

Além do “Check-in”, as opiniões são de Carlos Torres (ESHTE), Sílvia Dias (Savoy Signature), Pedro Castro (SkyExpert), António Abrantes (ISCE) e Amaro Correia (Atlântico Business School).

Leia a edição aqui.

Boas leituras”!

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: Turismo do Luxemburgo, “ACT” da Air France, MICE, Air Transat e DouroAzul

A nova edição do Publituris, a primeira do mês de maio, faz capa com uma entrevista a Sebastian, Reddecker, CEO do Luxembourg for Tourism. Além disso, há um dossier dedicado ao segmento MICE, uma entrevista ao diretor de Desenvolvimento Sustentável e Novas Mobilidades da Air France, Vincent Etchebehere, e trazemos as novidades da Air Transat e DouroAzul.

Publituris

A nova edição do Publituris faz capa com uma entrevista com o CEO do Luxembourg for Tourism, Sebastian Reddecker, que destaca a importância da comunidade portuguesa no Grão-Ducado, admitindo que “podem desempenhar um papel importante como embaixadores do destino”.

Também nesta edição, fazemos um balanço do que foi a 18.ª Convenção da Airmet, na qual a apresentação de melhores ferramentas tecnológicas e um novo modelo de contratação mereceram destaque.

O “Pulse Report” da GuestCentric está de regresso ao Publituris. Com o mês de abril de 2022 fechado, a consultora dá conta de como se está a comportar o mercado turístico em termos de preço médio, procura por datas, cancelamentos, canais e mercados.

O “dossier” desta edição é dedicado ao MICE, segmento que foi fortemente impactado pela pandemia nos anos 2020 e 2021. Do lado das empresas que produzem e fornecem equipamentos, a criatividade é, neste momento, o maior desafio.

Falámos, também, com Jorge Vinha da Silva, administrador-executivo da Altice Arena, que confirmou que o espaço está já bastante preenchido até ao verão e muito mais ainda de setembro a dezembro.

Na Boost, versatilidade e flexibilidade foram e continuarão a ser as palavras-chave, admitindo Tiago Monteiro, general manager da empresa, que, em 2022, será “possível chegar aos valores anuais de 2019”.

Do lado das agências de viagens, os responsáveis da Travelstore e da Globalis, Frédéric Frère e Fátima Silva, respetivamente, explicam o comportamento atual da indústria, numa altura em que os eventos corporativos estão em crescendo.

No Algarve, o presidente da Região do Turismo, João Fernandes, admite que a relevância do MICE é hoje inquestionável para a região, salientando que o objetivo é “captar, pelo menos, um evento B2B por ano direcionado ao segmento MICE.

Veio a Lisboa a bordo do A220 da companhia francesa que incorporou 30% de SAF contra o 1% atualmente obrigatórios, sob regulamentação francesa, nos voos com partida de França. O Publituris falou com Vincent Etchebehere, diretor de Desenvolvimento Sustentável e Novas Mobilidades da Air France, que explicou a estratégia da companhia para a trajetória da descarbonização.

Já a Air Transat decidiu manter no verão a rota para Faro, operação que é um dos principais destaques da companhia aérea canadiana para esta temporada alta, durante a qual conta vir a operar, no pico do verão, até 16 voos por semana entre Portugal e o Canadá.

Ainda nos “Transportes”, depois dos cruzeiros fluviais, a DouroAzul lançou-se nos cruzeiros de mar, apresentando, recentemente, a programação especialmente destinada ao mercado nacional.

As opiniões desta edição pertencem a Vítor Neto (empresário e ex-Secretário de Estado do Turismo) e a António Paquete (economista).

Leia a edição aqui.

Boas leituras!

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: Turismo da Suíça, Centenário do Turismo e dossier de Turismo Religioso

A nova edição do Publituris, a última do mês de abril, faz capa com uma entrevista a Martin Nydegger, CEO do Switzerland Tourism, que destaca os diversos argumentos do destino que se quer “livrar” da sazonalidade do inverno.

Publituris

A nova edição do Publituris, a última do mês de abril, faz capa com uma entrevista a Martin Nydegger, CEO do Switzerland Tourism, que destaca os diversos argumentos do destino que se quer “livrar” da sazonalidade do inverno.

“Para a Suíça, é essencial que exista uma mistura equilibrada de visitantes”, diz o responsável, que veio a Portugal para estabelecer uma parceria com o Turismo de Portugal e mostrar que o país não é “apenas” neve.

Nesta edição, destacamos ainda o Centenário do Turismo em Portugal quando passa uma década das comemorações, que aconteceram em 2011 e 2012. Em entrevista, Jorge Mangorrinha, que foi o presidente da Comissão Nacional do Centenário do Turismo em Portugal, fala sobre o estado atual do setor e sobre a evolução que conheceu nos últimos anos.

O Turismo da Jamaica, que nomeou Nuno Costa para representante em Portugal, é outro dos destaques. Com o fim dos charters para esta ilha das Caraíbas, Nuno Costa explica que a sua principal missão é voltar a atrair os portugueses e colocar de novo a Jamaica no imaginário dos turistas lusos.

Já o dossier desta edição é dedicado ao Turismo Religioso, um segmento que é uma das apostas do Turismo de Portugal e cuja oferta a nível nacional inclui diversas temáticas, desde o Culto Mariano (Caminhos de Fátima Altares Marianos), Caminhos de Santiago, Herança Judaica e Legado Islâmico.

Além das novidades e do atual estado da procura por programas de Turismo Religioso, este dossier inclui também uma entrevista a Luís Miguel Albuquerque, presidente do Município de Ourém, onde se localiza o Santuário de Fátima.

Nos ‘Transportes’, temos ainda um artigo sobre a Veltagus, uma das mais antigas empresas de animação marítimo-turística de Lisboa e que está já em plena recuperação, depois do impacto da pandemia. A procura voltou em força, principalmente pelos cruzeiros no Tejo, de tal forma que a empresa está já a pensar no aumento da sua frota.

Na secção da ‘Distribuição’, há ainda uma entrevista a Miguel Jesus, diretor-geral da Image Tours, operador turístico que garante que, apesar do efeito da pandemia, não vai mudar o seu posicionamento no mercado português, com programação para destinos do Médio Oriente e asiáticos.

Nesta edição, as opiniões são assinadas por Francisco Jaime Quesado (Economista, gestor  e especialista em Inovação e Competitividade), Susana Mesquita (docente do ISAG – European Business School) e Edgar Bernardo (professor Adjunto do ISCE).

Leia a edição aqui.

Boas leituras!

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: O RoadShow das Viagens, Bestravel, Guiné-Bissau, rent-a-car e Silver Dawn

A 7.ª edição do RoadShow das Viagens é o destaque de capa da edição do Publituris que traz ainda a reportagem sobre a XVII Convenção da Bestravel, uma entrevista ao ministro do Turismo da Guiné-Bissau, dossier sobre o mercado rent-a-car e a inauguração do Silver Dawn em Lisboa e BIT Milão.

Publituris

A nova edição do Publituris, faz capa com a 7.ª edição do RoadShow das Viagens do Publituris. Para além da fotoreportagem, onde poderá (re)ver os melhores momentos do evento, também ouvimos os expositores que marcaram presença no Porto, Coimbra e Lisboa.

Rede, marca e produtos foram os destaques na XVII Convenção da Bestravel. Carlos Baptista, administrador da rede de franchising de agências de viagem admitiu que, “hoje acreditamos ainda mais no projeto Bestravel, do que acreditávamos antes da pandemia”.

O ministro do Turismo da Guiné-Bissau, Fernando Vaz, esteve presente na BTL e ao Publituris falou sobre a estratégia de desenvolvimento turístico do país, que passa pela promoção do arquipélago dos Bijagós como a marca “umbrela” do turismo da Guiné-Bissau.

No dossier desta edição, destaque para o setor rent-a-car. Com a procura a retomar o seu percurso normal, as empresas de rent-a-car que operam em Portugal mostram-se confiantes numa retoma já este verão, apesar da guerra na Ucrânia, que parece ter vindo agravar alguns dos desafios com que o rent-a-car já se deparava, como a falta de viaturas disponíveis no mercado.

Na entrevista, incluída no dossier, Joaquim Robalo de Almeida, secretário-geral da Associação dos Industriais de Aluguer de Automóveis sem Condutor (ARAC), destaca a parceria com o Turismo de Portugal que, finalmente, possibilitará cursos específicos para o rent-a-car.

Depois do cancelamento, em 2021, e do adiamento, em 2022, a BIT Milão realizou-se com as baterias apontadas à tecnologia e sustentabilidade. Num ambiente de retoma, a guerra é a grande preocupação dos players do turismo italiano. A feira, em si, foi mesmo para italiano ver.

O Silver Dawn, 10.º navio da Silversea Cruises, foi batizado em Lisboa, numa cerimónia que trouxe até à capital portuguesa alguns dos principais responsáveis do grupo Royal Caribbean.

Além da participação do Conselho Editorial no Check-in, as opiniões pertencem a Luís Borges Gouveia (Universidade Fernando Pessoa) e Jorge Sobrado (ISAG – European Business School).

Leia a edição aqui.

Boas leituras!

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos
Edição Digital

Edição Digital: A conferência sobre o novo viajante, Portugal Trade Awards, programação W2M, retoma da promoção turística do Brasil e a aposta tailandesa em Portugal

A conferência sobre “O Novo Viajante” é o tema de capa da edição do Publituris que traz ainda a reportagem sobre a entrega dos “Portugal Trade Awards”, fotoreportagem da BTL 2022, W2M, promoção turística do Brasil, a aposta da Tailândia em Portugal e as opiniões sobre a nova orgânica do XXIII Governo.

Publituris

A nova edição do Publituris, faz capa com a conferência que o Publituris organizou em conjunto com a Fundação AIP, na BTL 2022, dedicada ao/à “Novo/Nova Viajante”. Os quatro oradores – Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, Margarida Almeida, CEO da Amazing Evolution, Sílvia Dias, diretora de Marketing da Savoy Signature, e José Lopes, diretor-geral da easyJet para Portugal – da conferência promovida pelo Publituris, na BTL, foram unânimes em constatar que o viajante de hoje é mais exigente, mais informado, quer a verdade e responsabilidade por parte de quem o recebe.

O operador turístico Icárion, pertencente ao grupo World2Meet (W2M) já está operacional no mercado português. Começou com mais de 400 programas de Grandes Viagens para mais de 70 destinos em todo o mundo, mas com possibilidade de alargar as propostas, dependendo da procura e da apetência dos clientes em Portugal.

Para além de apresentar o seu novo operador turístico para as “Grandes Viagens” – Icárion, que acaba de iniciar atividade em Portugal, o grupo de turismo World2Meet (W2M), sediado em Palma de Maiorca, deu a conhecer, em Lisboa, a sua programação no nosso país para este ano.

Destaque para a entrega dos “Portugal Trade Awards by Publituris @BTL 2022”, evento realizado durante o primeiro dia da Bolsa de Turismo de Lisboa e que entregou 14 prémios.

Recordamos os vencedores: Melhor Companhia de Cruzeiros – MSC Cruzeiros; Melhor GSA Aviação – APG Portugal; Melhor Agência Corporate – Travelstore; Melhor Venue para Eventos e Congressos – Altice Arena; Melhor Parque Temático – Oceanário; Melhor Animação Turística; Picos de Aventura; Melhor Eco Resort – Areias do Seixo; Melhor Wine Hotel – The Yeatman; Melhor Exclusive Hotel – Six Senses Douro Valley; Melhor Luxury Hotel – Vila Vita Parc Resort & SPA; Melhor Alojamento Rural – Herdade da Malhadinha Nova; Melhor Startup – Hijiffy; Melhor Marina – Marina de Vilamoura.

O prémio de “Personalidade do Ano” foi entregue, diretamente e por unanimidade, pela redação do Publituris, a Rita Marques, secretária de Estado do Turismo.

Os cinco dias da BTL merecem, igualmente, destaque nesta edição do Publituris com a respetiva fotoreportagem do evento que se realizou na FIL de 16 a 20 de março.

Com a pandemia a entrar numa fase mais calma, o Brasil regressou à BTL para mostrar que é um país seguro e com o objetivo de voltar a atrair os turistas portugueses. A entrevista foi realizada a Carlos Brito, na altura, presidente da Embratur e que, entretanto, foi nomeado ministro do Turismo do Brasil.

Do Brasil viajámos até à Tailândia, permanecendo no mesmo local: BTL. Malinee Nitikasetsunthorn, diretora da TAT para Itália, Espanha, Portugal, Israel, Turquia, Grécia e Chipre, salientou que a Tailândia já reabriu ao turismo e, apesar de ainda existirem algumas restrições relacionadas com a COVID-19, o destino está, progressivamente, a levantar os últimos obstáculos para voltar a atrair os turistas internacionais. Em Portugal, o objetivo é tornar a Tailândia no primeiro destino de longo curso para os turistas nacionais.

Destaque final para os artigos de opinião relativamente à nova orgânica do XXIII Governo que viu a Secretaria de Estado do Turismo ser partilhada com o Comércio e Serviços. As opiniões são de Pedro Machado (Turismo do Centro), Luís Pedro Martins (Turismo do Porto e Norte), Vítor Silva (Turismo do Alentejo e Ribatejo), João Fernandes (Turismo do Algarve) e Pedro Costa Ferreira (APAVT).

As outras opiniões pertencem a Carlos Torres (ESHTE) e Joaquim Fernandes (ISCE).

Leia a edição aqui.

Boas leituras!

Sobre o autorPublituris

Publituris

Mais artigos

Navegue

Sobre nós

Grupo Workmedia

Mantenha-se conectado

©2021 PUBLITURIS. Todos os direitos reservados.