Delta Air Lines aumenta oferta de voos sem quarentena

Por a 19 de Março de 2021 as 11:00

A Delta Air Lines vai passar a disponibilizar voos sem quarentena também nas rotas entre Nova Iorque-JFK, nos EUA, e os aeroportos de Milão-Malpensa e Roma-Fiumicino, em Itália, a partir do início de abril, informou a companhia aérea norte-americana em comunicado.

Nestes voos, explica a Delta Air Lines na informação divulgada, os passageiros e tripulantes realizam um teste à COVID-19 antes do embarque, o que garante que todos  a bordo  estão negativos para o novo coronavírus e permite “aos clientes elegíveis para viajar para Itália evitar a quarentena obrigatória de 14 dias à chegada, seguindo um protocolo rigoroso de teste antes e depois da viagem”.

“Os voos pioneiros COVID-testados da Delta tiveram início em dezembro com a introdução dos serviços de Atlanta para Roma e Amesterdão, em conjunto com os nossos respetivos parceiros locais Alitalia e KLM. O programa oferece aos clientes a garantia de voar com mais segurança e é um caminho claro para apoiar a recuperação económica global, à medida que os esforços de vacinação contra a COVID-19 vão sendo implementados em todo o mundo”, explica a Delta Air Lines.

Os voos sem quarentena para Milão arrancam a 2 de abril e vão, numa fase inicial, decorrer quatro vezes por semana, passando a ligações diárias a partir de 2 de maio, enquanto os voos para Roma, que começam no dia anterior, 1 de abril, vão ser operados três vezes por semana, aumentando para quatro em maio e para ligações diárias em junho.

Recorde-se que os voos da Delta Air Lines com testes à COVID-19 a todos os passageiros e tripulantes antes do embarque tiveram início a 15 de dezembro, entre o aeroporto de Atlanta, EUA, e Amesterdão, na Holanda, à qual se seguiu a rota entre Atlanta e Roma, a 19 de dezembro.

Com este programa de testes antes da partida, a Delta Air Lines tornou-se na primeira companhia aérea a oferecer voos livres de COVID-19 e sem necessidade de quarentena à chegada, entre os EUA e a Europa.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *