Banguecoque é a 13.ª cidade mais saudável do mundo

Por a 15 de Fevereiro de 2021 as 14:38

A capital tailandesa foi eleita a 13ª cidade mais saudável do mundo, de acordo com o “Healthy Lifestyles Cities Report”, elaborado pelas autoridades de saúde do Reino Unido, informou o Turismo da Tailândia, em comunicado.

O ranking tem por base um estudo que analisou 44 cidades em todo o mundo segundo 11 critérios distintos e que incluem aspetos como a luz solar, felicidade, tempo médio de trabalho, atividades ao ar livre, preço da água potável, níveis de obesidade, esperança média de vida, qualidade do ar e da água, e ainda o número de restaurantes.

“O elevado número diário de horas de sol e a abundância de 1.796 opções gastronómicas foram dois dos fatores que catapultaram a capital tailandesa para um dos lugares cimeiros no ranking. Com um nível de felicidade de 5,99/10 e 377 atividades disponíveis ao ar livre, os “Bangkokians” têm uma esperança média de vida de 74,10 anos, apresentando uma baixa percentagem de obesidade (10%)”, resume o Turismo da Tailândia.

Além destes critérios, o Turismo da Tailândia destaca uma série de outras iniciativas que têm vindo a ser implementadas para melhorar a qualidade de vida em Banguecoque, nomeadamente ao nível dos transportes públicos, da gestão de resíduos e do uso de energias renováveis e eficientes, além das propostas para expandir significativamente os espaços verdes na cidade.

“O “Healthy Lifestyles Cities Report” reflete o perfil de um turista que valoriza cada vez mais as varáveis da saúde e do bem-estar, obrigando a que os destinos turísticos tenham em consideração as suas necessidades e respetivos estilos de vida. Com efeito, a Autoridade de Turismo da Tailândia (TAT) lançou recentemente o programa “SEXY”, um novo conceito turístico que assenta em quatro eixos fundamentais: S- Safety and Hygiene / Segurança e Higiene; E- Environmental Sustainability/ Sustentabilidade Ambiental; X – X-Extra experiences/ Experiências Extra; Y – Yield/ Rendimento”, lembra ainda o Turismo da Tailândia.

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *