Novo navio da MSC Cruzeiros conta com primeiro bartender robótico humanoide no mar

Por a 12 de Fevereiro de 2021 as 15:08

O MSC Virtuosa, novo navio que foi entregue à MSC Cruzeiros a 1 de fevereiro, conta com o primeiro bartender robótico humanoide no mar, o Rob, que os passageiros vão poder encontrar no MSC Starship Club, espaço que, segundo comunicado da companhia de cruzeiros, mais do que um bar, oferece uma “experiência integrada de bar e entretenimento”.

“Esta experiência integrada de bar e entretenimento, inspirada pela visão da MSC Cruzeiros da nave espacial do futuro – MSC Starliner One – é capacitada por tecnologias de última geração desenvolvidas para criar uma atmosfera futurística”, explica a companhia.

O espaço conta com hologramas 3D, uma parede de arte digital imersiva e uma mesa interativa digital ‘infinita’ de 12 lugares, “proporcionando aos hóspedes a possibilidade de explorar o espaço no seu próprio passeio galáctico personalizado”.

A experiência é complementada pela presença de Rob que, segundo a MSC Cruzeiros, “irá misturar e servir os seus cocktails exclusivos, alcoólicos e não alcoólicos, e inúmeras bebidas personalizadas, assim como, um bartender humano o faria, enquanto interage com os convidados com voz, e com expressões humanas para uma experiência de bar totalmente envolvente”.

“As aptidões e a capacidade de resposta emocional de Rob juntamente com bartenders vestidos como se tivessem acabado de sair de um filme de ficção científica com o suporte do ambiente e da tecnologia envolvente, vão garantir que o MSC Starship Club seja uma atracção de visita obrigatória para todas as idades”, salienta a companhia de cruzeiros.

Além do vasto leque de cocktails que vai preparar, Rob vai também interagir com os clientes em oito idiomas, concretamente inglês, italiano, espanhol, francês, alemão, brasileiro, chinês e japonês, de acordo com o idioma escolhido no momento do pedido.

No final, os hóspedes podem ficar com uma recordação do MSC Starship Club, cujo acesso é livre e ilimitado durante o cruzeiro, já que é possível guardar os copos futuristas personalizados em que vão ser servidas as bebidas.

“O MSC Starship Club levou quase seis anos a ser construído, desde o primeiro conceito original, e a companhia realmente desafiou os limites com a engenharia necessária para torná-lo numa realidade. Durante este tempo, a MSC Cruzeiros colaborou com os principais especialistas de empresas especializadas em robótica e automação, design de interiores, assim como, com soluções de entretenimento e de experiência digital para criar um local de entretenimento sendo a principal estrela com um robot humanoide personalizado”, congratula-se ainda a companhia.

A MSC Cruzeiros recorda ainda que o MSC Virtuosa começa a navegar a 16 de abril e, numa fase inicial vai realizar itinerários de três, quatro e cinco noites no Mediterrâneo, ficando depois posicionado no Norte da Europa no verão de 2021, onde vai realizar itinerários nos fiordes noruegueses e capitais do Báltico, antes de chegar a Lisboa para os cruzeiros com embarque e desembarque na capital portuguesa, entre setembro e novembro deste ano.

 

 

 

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *