Algarve sensibiliza empresários para a sustentabilidade do património natural e cultural

Por a 12 de Novembro de 2020 as 12:04

A Região de Turismo do Algarve (RTA) tem em curso, até ao final do ano, um programa de ações de sensibilização e de capacitação dirigido a empresários e profissionais do setor, que visa promover a sustentabilidade do património natural e cultural do destino.

Segundo um comunicado da RTA, as iniciativas, que arrancaram no início de novembro e não têm quaisquer encargos para os participantes, contam com a adesão de 230 empresas e profissionais do setor turístico regional.

“O tiro de partida foi dado no início de novembro com a organização de uma ação de capacitação para qualificar as unidades de alojamento algarvias que operam no segmento de caminhada e/ou bicicleta. A ação consiste em consultorias personalizadas, realizadas em cada alojamento por uma equipa independente e especializada na implementação e adaptação de projetos bike & walk friendly.”, refere a RTA, na informação divulgada.

A elevada procura da primeira iniciativa, acrescenta a RTA, “esgotou as inscrições previstas e originou uma lista de espera, revelando o crescente interesse das unidades de alojamento no turismo de natureza”.

A ação de capacitação «Bike & Walk Friendly» para unidades de alojamento realiza-se no âmbito da candidatura «SustenTUR Algarve – preservação do património natural e cultural da região do Algarve» ao «Programa VALORIZAR – Linha de Apoio à Sustentabilidade», do Turismo de Portugal.

No âmbito da mesma candidatura «SustenTUR Algarve», a RTA convidou os profissionais de empresas de animação turística a participar na ação de sensibilização e capacitação «O nosso Património Cultural», que conta com a colaboração da Direção Regional de Cultura do Algarve e dos municípios de Faro, Tavira e Silves.

“A iniciativa promove a sustentabilidade do turismo através da valorização e preservação dos bens culturais da região, incentiva a uma correta comunicação e a uma melhor experiência turística e cultural do património edificado e estimula a adoção de boas práticas de visitação através da realização de visitas orientadas nos municípios que integram o programa”, aponta a RTA.

Estas ações sobre Património Natural são dirigidas aos operadores marítimo-turísticos da área do Parque Natural da Ria Formosa e do barlavento algarvio, e cuidam de promover a proteção do ambiente e a conservação e valorização do património natural da região e também resultam da candidatura «SustenTUR Algarve».

O programa de ações prevê ainda um ciclo sobre a «Rota Eurovelo 1 e Percursos Cicláveis no Algarve», destinado aos profissionais de informação turística da Região de Turismo e dos municípios do Algarve, fruto de uma dupla candidatura «Atlantic On Bike», projeto cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa INTERREG Espaço Atlântico, e «SustenTUR Algarve», respetivamente.

Tavira, Faro, Albufeira e Lagos recebem sessões de capacitação sobre a rota EuroVelo 1, enquanto São Brás de Alportel, Silves e Monchique acolhem sessões dedicadas aos percursos cicláveis no Algarve. As sessões são conduzidas por técnicos especializados em cycling e além de formação em sala incluem uma saída de campo para a realização de um troço ciclável com cerca de cinco quilómetros de extensão.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *