Costa Cruzeiros anuncia novo itinerário com partida a 10 de outubro

Por a 6 de Outubro de 2020 as 12:05

O Costa Smeralda, navio da Costa Cruzeiros que foi batizado em fevereiro de 2020 e que é o primeiro movido a GNL da frota da companhia de cruzeiros, vai realizar um novo itinerário de uma semana para redescobrir o melhor de Itália, cuja primeira partida decorre em Savona, no próximo sábado, 10 de outubro.

“Para marcar o início das operações do navio estrela da companhia, o primeiro da frota movido a GNL, a Costa Cruzeiros definiu um novo itinerário de uma semana para a redescoberta do melhor de Itália, com elevados padrões de segurança”, revela a companhia de cruzeiros, num comunicado enviado à imprensa.

No total, informa a companhia, o Costa Smeralda vai realizar cinco cruzeiros entre 10 de outubro e 7 de novembro, todos com partida de Savona e escalas em La Spezia, Cagliari, Nápoles, Messina e Civitavecchia.

O Costa Smeralda é o terceiro navio da Costa Cruzeiros a retomar a operação, depois do Costa Deliziosa e do Costa Diadema, que têm vindo a realizar itinerários por Itália, ao abrigo do Protocolo de Segurança Costa, desenvolvido pela companhia de cruzeiros em conjunto com um painel de especialistas científicos e que inclui medidas operacionais adaptadas à COVID-19, em conformidade com as indicações definidas pelas autoridades italianas e europeias.

Depois deste novo itinerário, o Costa Smeralda vai retomar, a 14 de novembro, o itinerário de uma semana por Itália, França e Espanha, cuja partida vai igualmente acontecer em Savona e seguindo o Protocolo de Segurança Costa.

“A Costa Cruzeiros está a colaborar com as autoridades nacionais e locais dos países incluídos neste itinerário, com o objetivo de oferecer aos seus passageiros uma experiência de férias segura e agradável, através da implementação do Protocolo Costa Safety em todos os destinos incluídos no novo programa de 2021”, adianta a companhia de cruzeiros.

Recorde-se que o Costa Smeralda foi batizado em Savona a 22 de fevereiro de 2020 e faz uma homenagem a Itália, contando com o primeiro museu num navio de cruzeiro, além de 16 restaurantes e espaços gastronómicos, bares temáticos, Spa e várias áreas de animação.

O navio é também mais amigo do ambiente, uma vez que a utilização de GNL, permite eliminar quase completamente as emissões de óxidos de enxofre (emissões zero) e partículas (redução de 95-100%), além de reduzir também significativamente as emissões de gases de óxido de nitrogénio (redução direta de 85%) e CO2 (redução de até 20%).

O Costa Smeralda recorre ainda a um processo de dessalinização para transformar a água do mar e cumprir as necessidades diárias de água do navio, enquanto o consumo de energia é reduzido ao mínimo através de um sistema inteligente de eficiência energética, sendo ainda feita totalmente a bordo a separação de resíduos e a reciclagem de materiais como plástico, papel, vidro e alumínio.

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *