Ryanair reduz 250 postos de trabalho nos escritórios de Dublin, Stansted, Madrid e Wroclaw

Por a 15 de Maio de 2020 as 14:08

A Ryanair anunciou esta sexta-feira, dia 15 de maio, a redução de mais de 250 postos de trabalho nos seus escritórios de Dublin, Stansted, Madrid e Wroclaw, através de uma combinação de cessação de contratos de estágio/prazo determinado, demissões e despedimentos. Estes trabalhadores não regressarão ao trabalho no dia 1 de junho, data em que reabrem os escritórios da Ryanair. Estas reduções de postos de trabalho “devem-se à diminuição substancial de tráfego que o Grupo Ryanair enfrenta durante o ano de 2020”, explica a companhia.

“O grupo Ryanair operou menos de 1% da sua programação normal de voos durante os meses de abril, maio e junho, e esta semana anunciou que apenas retomará 40% dos seus voos regulares a partir do mês de julho. A Ryanair espera agora transportar menos de 100 milhões de passageiros, menos 35% do seu objectivo de transportar mais de 155 milhões de passageiros durante o ano fiscal da companhia que termina em março de 2021”, refere a nota de imprensa da transportadora.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *