Governo encerra todos os aeroportos ao tráfego de passageiros no período da Páscoa

Por a 2 de Abril de 2020 as 19:28

Portugal vai encerrar ao tráfego de passageiros todos os aeroportos no período da Páscoa, entre os dias 9 e 13 deste mês, com exceção dos voos de Estado, de carga ou humanitários. Esta é uma das principais medidas que consta do decreto de Estado de Emergência prolongado por mais quinze dias.

“É uma medida de caráter extraordinário, tendo em vista evitar que também haja circulações do exterior para Portugal, ou de Portugal para o exterior”, disse o primeiro-ministro, António Costa, em conferência de imprensa, a meio da reunião do Conselho de Ministros que vai aprovar o diploma de execução do decreto presidencial que prorrogará por 15 dias o estado de emergência no país, até 17 de abril.

Esta medida, segundo o primeiro-ministro, não abrangerá “os voos de carga ou de natureza humanitária, assim como voos necessários para repatriamento de portugueses deslocados no estrangeiro, ou, ainda, voos de Estado ou de natureza militar”.

Para o transporte aéreo foi ainda aprovada uma nova medida que limita a lotação a um terço, já em vigor noutros meios de transporte público e que visa o distanciamento social.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *