Hoteleiros disponibilizam apoios para equipar hospital de campanha

Por a 28 de Março de 2020 as 16:43

Em 48 horas, hotéis ligados ao Programa HOSPES,da Associação de Hotelaria de Portugal,  responderam a pedidos de atoalhados, lençóis, almofadas, cobertores, edredons, luvas e produtos de higiene e cuidado  pessoal, entre outros, com a doação de mais de 36 mil bens  para equipar o Hospital de Campanha no Estádio Universitário de Lisboa, que abre este sábado.
A associação tem registado pedidos de ajuda de vários setores de atividade, no sentido de poder doar bens e produtos de primeira necessidade a diversas entidades públicas e privadas em situação de carência, como pedidos da Câmara de Lisboa para apoiar as populações mais vulneráveis da cidade, ou do Hospital de Santa Maria e do Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central.
Além dos bens referidos acima, a AHP já disponibilizou, entre outros, 11 mil doses individuais de shampoo, mais de 8 mil kits escovas e pastas de dentes, 7 mil sabonetes, mais de 4 mil luvas e mais de 300 cobertores, edredons e mantas.

Também a Ageas Portugal, empresa parceira da AHP, arrancou com uma iniciativa particular: envolver os seus colaboradores na elaboração de máscaras para os profissionais que têm de trabalhar protegidos, e pediu a colaboração da Associação  para que fossem disponibilizados lençóis, pelo que também para esta iniciativa foram doados mais de mil lençóis.

Para garantir a entrega dos bens e produtos, a AHP contactou a Mub Cargo, startup de Braga, que generosamente coordenará toda a logística de entrega e transporte.

Este sábado,  o Hotel My Story Tejo, na Praça da Figueira, o Hotel Turim Ibéria, na Avenida 5 de Outubro, e o Hotel Vip Berna, na Av. António Serpa, “abriram generosamente as portas para acolher 80 profissionais de saúde”, informa ainda a associação.

Para Cristina Siza Vieira, CEO da AHP, “este é um momento de união e de entreajuda. Por todo o país, muitos e muitos hotéis, dos mais modestos aos de luxo, têm anonimamente oferecido a sua ajuda, acolhendo profissionais e doando muitos bens, equipamento e produtos. Havemos de lhes agradecer a todos, a cada um individualmente. Hoje, porém, queremos sublinhar a pronta disponibilidade destes três hotéis nossos associados, que estando já fechados, vão reabrir a suas custas e acolher gratuitamente estes profissionais que precisam de acolhimento. Os empresários hoteleiros, apesar da séria situação em que se encontram, estão sempre disponíveis para servir o País.”

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *