Cabo Verde Airlines suspende todas as operações por 30 dias

Por a 17 de Março de 2020 as 16:13

A Cabo Verde Airlines decidiu suspender todas as suas operações de forma temporária a partir desta quarta-feira, 18 de março, por 30 dias, medida que, explica a companhia aérea em comunicado, se deve ao “alastramento progressivo da pandemia do Coronavírus Covid-19 a mais de 150 países” e às restrições de viagens adotadas por muitos desses países

“Em consequência do alastramento progressivo da pandemia do Coronavírus Covid-19 a mais de 150 países, a maioria destes países já impuseram proibições temporárias de viagens, obrigando as companhias aéreas a suspenderem as suas atividades”, refere a Cabo Verde Airlines em comunicado.

No mesmo comunicado, a Cabo Verde Airlines explica ainda que a decisão foi tomada depois do Governo de Cabo Verde ter decidido interditar, a partir desta quarta-feira, as ligações com Portugal e com “todos os países europeus assinalados com Covid-19, bem como para os Estados Unidos da América, Brasil, Senegal e Nigéria”, países que se seguem a Itália, para onde o executivo cabo-verdiano já tinha interditado os voos no final de fevereiro, o que levou a companhia aérea a suspender as ligações a Roma e Milão.

“Recentemente, a Cabo Verde Airlines já tinha suspendido voos para Washington, D. C. (EUA), Porto Alegre (Brasil) e Lagos (Nigéria), cancelando agora as rotas de Boston (EUA), Lisboa (Portugal), Paris (França), Dakar (Senegal), Fortaleza e Recife (Brasil)”, refere ainda o comunicado da companhia aérea.

A Cabo Verde Airlines lamenta os inconvenientes causados aos seus passageiros, diz que “está a registar um número elevado de pedidos de informação dos seus clientes” e assegura que está a fazer tudo para dar resposta a todos os passageiros.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *