Princess Cruises suspende operações por 60 dias

Por a 13 de Março de 2020 as 10:30

A Princess Cruises decidiu suspender todas as suas operações por um período de 60 dias, medida que se deve ao surto de Covid-19, o novo coronavírus que já fez mais de quatro mil vítimas mortais em todo o mundo.

“Ao tomar esta ação audaz de parar voluntariamente as operações dos nossos navios, a nossa intenção é tranquilizar os nossos leais hóspedes, membros da equipa e partes interessadas a nível global sobre o nosso compromisso com a saúde, segurança e bem-estar de todos os que navegam connosco”, explica Jan Swartz, presidente da Princess Cruises, citado num comunicado publicado esta quinta-feira, 12 de março, no website da companhia de cruzeiros.

A Princess Cruises cancelou todas as suas operações entre 12 de março e 10 de maio, uma “difícil decisão comercial” mas que, segundo o comunicado, vai ao encontro dos valor da companhia de cruzeiros.

“A Princess Cruises é uma companhia global que atende a mais de 50 mil hospedes de 70 países diariamente e, é de conhecimento público que estamos gerenciando as implicações do Covid-19 em dois continentes”, acrescenta Jan Swartz, garantindo que os profissionais da companhia vão fazer “o melhor uso deste tempo para preparar a frota da Princess Cruises para um regresso de sucesso”.

Recorde-se que a Princess Cruises viu o navio Princess Diamond retido no Japão por várias semanas devido a vários casos de passageiros infetados com o novo coronavírus, incluindo um português, que era tripulante da companhia de cruzeiros.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *