Cabo Verde atrai turismo brasileiro, canadiano e americano com isenção de vistos

Por a 13 de Janeiro de 2020 as 11:52

A partir de fevereiro, os turistas brasileiros, canadianos e norte-americanos passam a estar isentos de visto para entrar em Cabo Verde, avança a Lusa, que cita uma resolução do Conselho de Ministros de Cabo Verde, data de 8 de janeiro.

Com esta resolução, os turistas do Brasil, Canadá e EUA passam a não necessitar de visto, em visitas a Cabo Verde com um máximo de 30 dias, numa medida que visa estimular o turismo proveniente destes países e aproveitar os voos da Cabo Verde Airlines, que voa para o Brasil e para o EUA e que, este ano, vai abrir também voos para o Canadá.

“Os brasileiros são os passageiros que mais utilizam o “hub” aéreo como ponto de trânsito para a Europa, sendo bastante expectável que, com a abertura de voos diretos para Washington DC [em dezembro] e para Toronto [que devem abrir este ano], além dos já existentes para Boston, o mesmo venha a acontecer com os cidadãos oriundos do Canadá e dos Estados Unidos da América”, lê-se na resolução que alarga as isenções de visto.

Apesar do número de passageiros em trânsito no Sal estar a aumentar, poucos são os turistas destas nacionalidades que ficam em Cabo Verde, realidade que o governo do país quer inverter, motivo pelo qual o programa de stopover da Cabo Verde Airlines é visto como um “importante instrumento” para manter estes turistas no país.

“O Ministério do Turismo e Transportes, em colaboração com a Cabo Verde Airlines, tem realizado missões de promoção de Cabo Verde nos mercados turísticos brasileiro e da América do Norte, tendo registado o forte potencial destes mercados”, lê-se ainda no texto da resolução governamental.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *