AHRESP declara-se “imensamente orgulhosa” com prémios arrecadados nos WTA

Por a 29 de Novembro de 2019 as 14:41

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) veio esta sexta-feira, 29 de novembro, declarar-se “imensamente orgulhosa” pelos prémios arrecadados por Portugal na mais recente edição dos World Travel Awards (WTA), que decorreu esta quinta-feira, em Omã.

“A AHRESP está imensamente orgulhosa por Portugal e as suas entidades e empresas turísticas terem sido premiados, mais uma vez, a nível internacional”, afirma Ana Jacinto, secretária geral da AHRESP, citada num comunicado enviado à imprensa.

“Conhecemos bem a qualidade do nosso país e a qualidade dos serviços que prestamos, mas vê-los reconhecidos por outros é uma satisfação imensurável”, acrescenta a responsável, congratulando-se com os 12 galardões arrecadados na cerimónia.

Recorde-se que Portugal recebeu, este ano, 12 distinções nos WTA, prémios que são considerados os Óscares do Turismo a nível mundial e que distinguida Portugal como melhor destino turístico; Lisboa como melhor destino de city-break e a Madeira como melhor destino turístico insular.

Além destes prémios, também o Turismo de Portugal foi galardoado como melhor organismo nacional de turismo; os Passadiços do Paiva como melhor atração turística de aventura; a Parques de Sintra – Monte da Lua como melhor empresa e conservação; a TAP como melhor companhia aérea para África, e a revista UP, da TAP, como melhor revista de bordo.

Ao nível da hotelaria, o Olissipo Lapa Palace Hotel, em Lisboa, recebeu o prémio de melhor hotel clássico, o Dunas Douradas Beach Club, em Almancil, Algarve, o de melhor resort golf & villas e a Amazing Evolution Managementelh foi distinguida como melhor empresa gestora de boutique hotéis.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *