Grupo Air France/KLM transportou quase 10 milhões de passageiros em julho

Por a 8 de Agosto de 2019 as 11:54

As companhias do Grupo Air France/KLM transportaram mais de 9,9 milhões de passageiros no passado mês de julho, o que indica um aumento de 1,8% face a igual mês de 2018, com destaque para a Transavia, que viu o número de passageiros transportados subir 5,8%, ainda que a ocupação mais elevada tenha sido registada na KLM, com um load factor de 91,7%.

De acordo com um comunicado enviado à imprensa, em julho, os resultados operacionais do Grupo Air France/KLM – que inclui as companhias aéreas Air France, KLM e Transavia – pautaram-se também por aumentos no tráfego ou RPK (que se encontra pelo número de passageiros por quilómetro voado), que subiu 2,6%, para 27,909 milhões, enquanto a capacidade (ASK) cresceu 2,1%, para 30,775 milhões de lugares por quilómetro, e o load factor chegou aos 90,7%, mais 0,4 pontos percentuais que em igual mês de 2018.

Por companhias aéreas, o destaque vai para a Transavia, que apresentou os maiores crescimentos, registando um aumento de 5,8% no número de passageiros, que chegou aos 1,813 milhões, enquanto o RPK foi de 3,386 milhões, num aumento de 7,5%, e a capacidade chegou aos 3,699 milhões de lugares por quilómetro, o que traduz um crescimento de 7,4%. Já o load factor foi de 91,5%, crescendo apenas 0,1 pontos percentuais.

Já a Air France transportou 5,010 milhões de passageiros, subida de 0,1%, e registou um RPK de 14,689 milhões, num aumento de 2,2%, enquanto a capacidade foi de 16,350 milhões de lugares por quilómetro, o que indica uma subida de 1,5% face a julho do ano passado, com o load factor a situar-se nos 89,8%, numa subida de 0,6 pontos percentuais.

Na KLM o número de passageiros transportados foi de 3,176 milhões, subida de 2,2%, enquanto o RPK chegou aos 9,834 milhões, com um aumento de 1,6%, e a capacidade atingiu os 10,726 milhões de lugares por quilómetro, depois de crescer 1,2%. Já o load factor aumentou 0,3 pontos percentuais, para 91,7%, o mais alto entre as companhias do grupo.

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *