Marques Mendes nega excesso de turismo e aponta crescimento como desafio

Por a 23 de Maio de 2019 as 15:42

O comentador político Luís Marques Mendes defendeu esta quarta-feira, 22 de maio, que o país não tem excesso de turismo e louvou o contributo do setor para a economia e emprego nacionais, considerando que o principal desafio para o futuro continua a ser o crescimento.

“Antes turismo a mais do que a menos, o esforço que foi feito nos últimos anos é muito importante, é muito positivo”, disse o social-democrata, durante uma palestra dedicada ao tema “Binómio: Portugal para Viver, Portugal Destino Turístico”, no 6.º Fórum de Turismo Interno Vê Portugal, em Castelo Branco.

Marques Mendes acredita que “o turismo é um dos ativos mais importantes para desenvolver o país” e lembrou o caminho ascendente que o país tem feito neste setor, defendendo, por isso, que Portugal deve estar orgulhoso da mudança que conseguiu alcançar.

“Só nos podemos orgulhar desta mudança e dos resultados. Não é efeito da sorte”, considerou, apontando quatro razões que, em sua opinião, explicam o sucesso turístico português: o reforço da boa imagem do país além-fronteiras, a identificação de ativos estratégicos, a aposta na iniciativa privada, bem como na imprensa internacional e marketing digital.

Para o futuro, o principal desafio vai continuar a ser o crescimento, até porque existem riscos que podem afetar a atividade turística, como as guerras comerciais, o terrorismo e a insegurança, os populismos ou as alterações climáticas.

“Não vivemos numa ilha e o mundo está incerto, instável e perigoso”, acrescentou Luís Marques Mendes, manifestando-se, no entanto, otimista quanto ao futuro do setor.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *