easyJet transportou 2,99 milhões de passageiros em Portugal no primeiro semestre

Por a 17 de Maio de 2019 as 17:00

A easyJet transportou 2,99 milhões de passageiros nas rotas de e para Portugal durante o primeiro semestre de 2019, que para a low cost britânica terminou a 31 de março, o que representa um aumento de 8% face a igual período do ano passado, com José Lopes, diretor da easyJet em Portugal, a destacar a aposta da companhia no aeroporto de Faro.

“Um destaque especial para a aposta que a easyJet continua a fazer no esbatimento da sazonalidade no Algarve, pois aumentámos em 21% a nossa oferta para Faro este inverno, um crescimento em cima dos 15% que já tínhamos crescido no inverno anterior, ou seja, nos últimos dois invernos, o crescimento da easyJet neste período de baixa sazonal foi de perto de 40% no Algarve”, sublinhou o responsável em conversa com o Publituris.

O aumento de capacidade em Faro permitiu à companhia aérea transportar 625 mil passageiros, ultrapassando, “pela primeira vez, os 600 mil passageiros na temporada de inverno no Algarve”, acrescentou José Lopes.

Em Lisboa, e “apesar das fortes restrições existentes” no aeroporto Humberto Delgado, a easyJet aumentou a capacidade em 6%, principalmente devido à mudança para aviões de maior dimensão, o que permitiu à companhia transportar 1,2 milhões de passageiros, número que a companhia alcançou também pela primeira vez na capital portuguesa.

No Porto, a companhia aérea registou um aumento de 12% na capacidade e no número de passageiros transportados, que chegaram aos 831 mil passageiros, enquanto no Funchal houve um aumento de 4% na oferta e de 2% nos passageiros, num total de 307 mil.

Ao Publituris, José Lopes garante que a companhia aérea tem boas perspectivas para o segundo semestre do ano também em Portugal, prevendo um aumento tanto na capacidade oferecida, como nos passageiros transportados.

“A nível operacional também estamos confiantes que vamos manter o nosso crescimento em Portugal e, tal como tínhamos previsto, mantemos as expetativas de crescer 10% na capacidade e 9% em passageiros. Estamos confiantes que iremos conseguir atingir os nossos objetivos”, sublinhou.

 

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *