Air France/KLM quer ultrapassar um milhão de passageiros em Portugal em 2019

Por a 4 de Dezembro de 2018 as 14:06

A Air France/KLM está satisfeita com o desempenho do mercado português e espera ultrapassar a marca de um milhão de passageiros em 2019, no conjunto das duas companhias aéreas, disse ao Publituris Boris Darceaux, director-geral da Air France/KLM para Espanha e Portugal.

“Nos próximos anos, esperamos que o mercado português cresça muito e que chegue a um milhão de passageiros já em 2019”, afirmou Boris Darceaux, revelando que o tráfego das duas companhias do grupo ficou, em 2018, muito perto da marca estabelecida para o próximo ano.

Apesar de esperar algum crescimento, ainda que numa “percentagem mais modesta”, Boris Darceaux diz que 2019 será um “ano de consolidação” da operação em Portugal, não sendo, por isso, de esperar grandes novidades.

“Se compararmos 2016 com 2018, há um crescimento de 30% ou 35% nos lugares oferecidos. Agora, é um momento em que precisamos de consolidar a operação. Por isso, não vamos ter o mesmo crescimento em 2019, esperamos crescer mas numa percentagem mais pequena, mais modesta do que costumava ser”, explicou o responsável.

2018 trouxe resultados animadores, com um load factor que se manteve acima dos 90% e um tráfego que, segundo o responsável, “seguiu o aumento de capacidade” no conjunto das duas companhias, daí que o balanço seja positivo.

“Pelo segundo ano consecutivo aumentámos massivamente a capacidade nas duas companhias e o tráfego seguiu o aumento de capacidade. Foi um ano muito bom, Portugal é um mercado dinâmico e estamos a beneficiar com isso”, acrescentou.

Balanço positivo merece também o primeiro ano de operação da Joon, companhia aérea que, no início de Dezembro de 2017 veio substituir a Air France nos voos para Portugal, e que, segundo Boris Darceaux, transportou já 530 mil passageiros entre Portugal e França.

“Estamos muito satisfeitos com a operação da Joon, temos 530 mil passageiros a voar com a Joon entre Portugal e França, à partida de Lisboa e Porto, o que é muito positivo para nós, mas também para o mercado português, porque a frota da Joon oferece maior capacidade no Inverno. Por isso, estamos satisfeitos”, referiu.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *