Eixo Central de Lisboa com nova sinalética para residentes e turistas

Por a 20 de Novembro de 2018 as 12:37

A Câmara Municipal de Lisboa juntou-se à Associação de Turismo de Lisboa (ATL) para colocar uma nova sinalética no Eixo Central de Lisboa, que vai permitir “orientar os residentes e turistas em relação ao nome das ruas e ao tempo das deslocações a pé até locais de interesse ou pontos turísticos existentes nas proximidades”.

Numa nota enviada à imprensa pela Câmara Municipal de Lisboa, é revelado que a nova sinalética começou a ser colocada na segunda-feira, 19 de Novembro, prevendo-se que esteja concluída dentro de 10 dias, abrangendo o eixo formado pela Avenida da República, Praça Duque de Saldanha e Avenida Fontes Pereira de Melo.

“O objectivo é permitir às pessoas uma percepção mais fácil e intuitiva do espaço, através da utilização de placas que usam duas cores distintas em função do tipo de informação”, explica a Câmara Municipal de Lisboa na informação enviada à imprensa.

A azul passam a estar os nomes da ruas e a respectiva numeração da polícia, enquanto o vermelho passa a indicar os tempos de deslocação a pé até locais de interesse ou pontos turísticos existentes nas proximidades, como são exemplo a Estação Ferroviária de Entrecampos, o Hospital Curry Cabral, a Fundação Calouste Gulbenkian, o Pavilhão Carlos Lopes ou o Jardim do Arco do Cego.

A nova sinalética surge no seguimento da recente requalificação e ampliação da zona pedonal desta área da cidade e teve por referência o sistema já existente na Alta de Lisboa e no Parque das Nações, sendo financiada pelo Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *