BTL 2019 aposta em novos segmentos no programa de ‘hosted buyers’

Por a 18 de Setembro de 2018 as 12:41

A BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa 2019 vai dar “um salto quantitativo e qualitativo”. Pelo menos essa é a garantia dada por Fátima Vila Maior, directora da BTL, em conferência de imprensa, esta terça-feira.

“Para o ano, há um conjunto de alterações que estamos a fazer na BTL que não começaram este ano, mas que vão ter impacto agora nos próximos anos”.

Uma das novidades é a aposta na segmentação de produto do programa de ‘hosted buyers’. Além do segmento de Meeting Industry, o programa da edição do próximo ano vai apostar noutros produtos, seja o Turismo Cultural, Enoturismo, Fly&Drive, de forma a trazer “mais e diferentes buyers” para fazer negócio com as empresas portuguesas. O programa vai contar ainda com uma nova plataforma para agilizar as reuniões entre os ‘buyers’ e os ‘suppliers’.

A edição de 2019 volta a ocupar quatro pavilhões, estando estes divididos por destino nacional; câmaras municipais e gastronomia; hotelaria e BTL Lab; destinos internacionais e agências de viagens. Entre o pavilhão dois e três, decorrerá novamente a Feira de Empregabilidade.

A responsável adianta que a próxima edição da BTL contará com vários destinos internacionais novos, como é o caso das Seycheles, o que revela que estes começam a olhar novamente para o potencial do turista português. O destino internacional e nacional convidados vão ser anunciados em breve.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *