Leixões: Terminal de cruzeiros cresceu 38% em passageiros no 1.º semestre

Por a 23 de Julho de 2018 as 12:08

Nos primeiros seis meses do ano, o Terminal de Cruzeiros de Leixões recebeu um total de 56.423 passageiros, número que traduz um crescimento de 38% face a igual período de 2017, segundo uma nota informativa publicada no site da APDL – Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo.

“Representando 81% do movimento de passageiros, o Terminal de Cruzeiros de Leixões continua a ser a principal porta de entrada de turistas na região Porto e Norte de Portugal”, congratula-se a APDL, estimando que, até ao final do ano, passe por aquela “infraestrutura um total de 110 mil passageiros, renovando o recorde que ano após ano vem alcançando”.

Já a Estação de Passageiros de Leça da Palmeira deverá fechar 2018 com um total de 45.757 turistas em trânsito, o que representa 19% do total do movimento de passageiros em Leixões previsto para todo o ano.

A APDL especifica também que, no primeiro semestre, a maioria dos passageiros que passaram por Leixões eram ingleses, nacionalidade que representou 27% do total, seguindo-se os alemães, com uma representatividade de 14%, e os americanos, que corresponderam a 9% do total.

O crescimento foi também comum às escalas de navios de cruzeiros, que, tal como refere a APDL, também cresceram “a dois dígitos entre Janeiro e Junho deste ano”, tendo a infraestrutura “recebido mais de meia centena de navios, o que representa um incremento de 16% face ao mesmo período do ano anterior”.

“Em 2018, o Porto de Leixões prevê o melhor resultado de sempre na atividade de cruzeiros, estimando fechar o ano com 105 escalas registadas e cerca de 110 mil passageiros. Estes números representam um aumento, face ao ano anterior, de 5% em navios e de 15% em passageiros, e representarão um gasto estimado de cerca de oito milhões de euros na oferta turística da região”, acrescenta a APDL.

Recorde-se que o Terminal de Cruzeiros de Leixões foi inaugurado a 23 de Julho de 2015, há precisamente três anos, e, ao longo deste período recebeu já 302.849 passageiros e 426 navios, num crescimento de 39% e 23%, respectivamente.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *