Portugal é o 15.º país com mais tráfego aéreo no Mundial da Rússia

Por a 16 de Julho de 2018 as 17:41

Portugal é o décimo quinto país com maior taxa de tráfego aéreo entre os 32 países participantes no Campeonato do Mundo 2018, que decorreu na Rússia e terminou este domingo, 15 de Julho, com um crescimento de 5% na oferta de lugares face a igual período de 2017, de acordo com a análise da consultora Oliver Wyman, realizada através da ferramenta PlanetStats.com.

“No que diz respeito ao número de voos com origem em cada país, Inglaterra surge na liderança, com um total de 3.037 voos, seguida do Japão (3.037) e da Alemanha (2.967). Portugal situa-se na décima quinta posição, com um total de 659 partidas dos seus aeroportos por dia”, refere a consultora numa nota enviada à imprensa.

Por dia, foram disponibilizados 99.067 lugares em Portugal, número que posiciona o país no 13.º lugar em oferta de lugares, categoria que é liderada pelo Japão (545.311 lugares), seguindo-se a Inglaterra (499.647) e a Alemanha (476.099).

Em termos de lugares, Portugal foi o décimo oitavo país com maior crescimento, num ranking comandado por Tunísia (47,6%), Marrocos (22,1%), Perú (20,6%), Argentina (20,1%) e Brasil (17,6%).

Os 32 países participantes no Mundial somam 29,9% do tráfego aéreo mundial, com um total de 32.482 partidas diárias, mais 5,8% do que no mesmo período do ano passado. Em conjunto, dispõem de cinco milhões de lugares e 32,1% da oferta global, mais 6,4% do que em 2017.

O PlaneStats.com é uma plataforma criada pela Oliver Wyman que reúne dados do sector da aviação a nível mundial e possui um conjunto de ferramentas analíticas que facilitam o desenvolvimento de insights. Permite aceder e analisar facilmente os horários das companhias aéreas em todo o mundo, assim como a composição da sua frota.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *