Barceló Hotel Group promove unidades da América Latina em Portugal

Por a 23 de Maio de 2018 as 17:55

O Barceló Hotel Group esteve esta terça e quarta-feira, em Lisboa e no Porto, respectivamente, através da divisão de viagens do Grupo Barceló – Ávoris – a promover as suas unidades hoteleiras nas Caraíbas junto do trade português.
Josep Brichs, comercial managing director do Barceló Hotel Group para a América Latina, disse ao Publituris que o objectivo desta iniciativa passa por atrair mais turistas portugueses aos seus hotéis, principalmente nos destinos onde o operador turístico Jolidey tem operação, como seja a República Dominicana, México, Cuba e Costa Rica.
No total, são 42 hotéis que a família Barceló tem em 10 destinos da América Latina – República Dominicana, México, Cuba, Aruba, Guatemala, Nicarágua, Costa Rica, El Salvador, Equador, Panamá – num total de 15500 quartos. Nestes destinos, o grupo hoteleiro está presente com as suas quatro marcas – Royal Hideaway Luxury Hotels & Resorts; Barceló Hotels & Resorts; Occidental Hotels & Resorts; Allegro Hotels.
Questionado acerca das razões porque os turistas portugueses devem escolher os hotéis da Barceló na América Latina, o responsável pergunta se os portugueses não gostam de “boas praias, comer bem e ir a restaurantes com uma vasta selecção gastronómica, de animação diurna e nocturna, mas que ao mesmo tempo tenha espaço para descansar, pois esses são alguns dos motivos porque os clientes portugueses podem estar interessados nos nossos hotéis”.
“O mercado português é pequeno e dependemos muito dos voos directos, felizmente com a entrada da divisão de viagens do grupo Barceló  e com a compra da Orbest, crescemos com os voos a Punta Cana, a Cancun e a Varadero no Verão”, refere, acrescentando que “a nossa ideia é reforçar o apoio no mercado português, ao nível de marketing sempre através da nossa divisão de viagens”.
Recentemente, o Barceló Hotel Group anunciou a abertura da sua primeira unidade hoteleira em  Portugal, concretamente no Funchal com a marca Allegro Hotels, que tem abertura prevista no dia 1 de Junho. O comercial managing director do Barceló Hotel Group para a América Latina, considera que o grupo está à procura e pretende ter mais unidades em Portugal, seja em cidade, como em destinos de praia. “A Barceló está no melhor momento da sua história em questões financeiras.  Em 2017 tivemos um ano recorde, onde obtivemos 500 milhões de euros de EBITDA. A empresa não tem quase dívida e tem muita capacidade de investimento, estando muito activa à procura de oportunidades de investimento”, conclui.

 

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *