Miradouro das Amoreiras comemora dois anos de sucesso

Por a 18 de Maio de 2018 as 17:34

Inaugurado há dois anos, o Amoreiras 360º Panoramic View já recebeu mais de 66 mil visitantes e, neste último ano, a maioria das visitas foi realizada por estrangeiros, que não querem perder uma das melhores vistas da cidade de Lisboa.

No dia 29 de Abril de 2016, o Amoreiras Shopping Center, um dos mais conhecidos centros comerciais portugueses, abriu um miradouro no topo do edifício, o Amoreiras 360º Panoramic View, projecto que, segundo Fernando Oliveira, administrador da Mundicenter, que detém a gestão do centro comercial, visava criar “mais um factor de visita e permanência no centro comercial”. Para dar corpo ao projecto, a Mundicenter contratou o arquitecto Frederico Valsassina e investiu perto de um milhão de euros para criar “um lugar extremamente simples e muito bonito, mas onde o que sobressai é a vista”, considera o responsável. “Não foi um miradouro feito de qualquer forma, queríamos fazer algo com qualidade, até porque está ligado às Amoreiras e este é um centro comercial que se diferencia, e quisemos que isso também se reflectisse no miradouro”, explicou. E o resultado parece agradar aos turistas, visto que, em dois anos de funcionamento, o Amoreiras 360º Panoramic View já recebeu mais de 66 mil visitantes e, neste último ano, a maioria das visitas foi realizada por estrangeiros, como explicou o responsável ao Publituris. “O total de visitantes já é superior a 66 mil e, quando comparamos o primeiro trimestre deste ano com o primeiro trimestre do ano passado, assistimos à duplicação do número de visitantes e ao aumento da percentagem dos turistas estrangeiros. No ano passado, tínhamos cerca de 40% de visitantes estrangeiros e 60% de portugueses, este ano inverteu-se e já temos perto de 60% de estrangeiros”, revelou Fernando Oliveira, explicando que o espaço é procurado por turistas de diversas nacionalidades, “desde brasileiros, ingleses, espanhóis, franceses e alemães”. O segredo do sucesso está essencialmente na vista única sobre a capital portuguesa que o espaço proporciona, já que é o miradouro lisboeta localizado no ponto mais alto da cidade, a 174 metros de altura. “Queríamos partilhar com os nossos visitantes aquilo que é uma visão única da cidade, de 360 graus, com vistas diferentes ao longo do dia e das épocas do ano”, explicou o responsável, considerando que o espaço “é, de facto, algo único na cidade de Lisboa, que tem muitos miradouros e lindíssimos, mas com enquadramentos não tão abrangentes. Este é o único miradouro de Lisboa que proporciona uma visão de 360 graus, não só de Lisboa, mas também da margem sul do Tejo”, destacou o responsável em conversa com o Publituris.

Infraestrutura de apoio em estudo

Apesar de estar localizado num centro comercial, que conta com uma vasta área de restauração, Fernando Oliveira revelou que está em estudo a criação, no piso imediatamente abaixo do miradouro, de “um espaço de apoio aos eventos e que funcione também como um factor de atracção e repetição de visitantes”. A criação desta infraestrutura de apoio deverá ser decidida durante este ano, mas a ideia passa por criar um “bar com vista para a cidade, não de 360 graus, mas para as zonas mais bonitas de Lisboa”. Fernando Oliveira defende que a nova infraestrutura vai permitir ao Amoreiras 360º Panoramic View “dar um salto maior”, uma vez que vai permitir outra utilização do espaço, nomeadamente ao nível dos eventos, que o espaço já recebe, ainda que com algumas limitações. “O miradouro tem alguma procura para eventos de todo o tipo, desde pedidos de casamento, fotografias de moda, lançamento de produtos, lançamentos de discos, mas tem também algumas limitações”, explicou o responsável, considerando que “este miradouro não é só um espaço turístico, é também um espaço comercial e para eventos”. Por enquanto, a promoção do espaço tem passado essencialmente pela sua introdução nos roteiros turísticos de Lisboa, mas também por parcerias estabelecidas com a hotelaria e com operadores de animação turística, a exemplo dos tuk-tuks, num trabalho que Fernando Oliveira diz não estar terminado, até porque o Amoreiras 360 Panoramic View é ainda um espaço relativamente novo. “É preciso ver que este miradouro ainda é uma novidade e que, por isso, este trabalho vai em crescendo. É por isso que temos apostado nos roteiros, criando mais um ponto de interesse nos roteiros dos turistas que visitam Lisboa. É um trabalho que tem vindo a correr bem e o fluxo de turistas tem vindo a aumentar”, considerou. Para 2018, as expectativas mantêm-se positivas, com o responsável a afirmar que o objectivo passa por “continuar a aumentar o número de visitantes”. “Neste momento, estamos a ter um número de visitantes superior ao que estava previsto e, por isso, vamos certamente ultrapassar os números que tínhamos e vamos continuar a trabalhar para continuarmos a crescer e a bater as nossas previsões pela positiva”, concluiu.¶

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *