Conímbriga vai alargar área visitável

Por a 24 de Janeiro de 2018 as 11:45

A Direcção-Geral do Património Cultural (DGPC) e a Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova formalizaram na manhã desta quarta-feira, 24 de Janeiro, um protocolo de cooperação que tem por objectivo o alargamento da área visitável do complexo arqueológico de Conímbriga.

Segundo uma nota informativa da DGPC, “o alargamento da área visitável corresponde a um antigo desiderato, cuja concretização vai trazer valorização acrescida a este conjunto monumental”, uma vez que, actualmente, apenas um sexto da área do complexo está a descoberto e é visitável.

No âmbito do protocolo de cooperação agora estabelecido, a DGPC “compromete-se a elaborar os projectos para intervenção no complexo arqueológico, inseridos na área classificada como Património Nacional”, assumindo também a respectiva contrapartida nacional, enquanto a autarquia será responsável pela apresentação de uma candidatura a fundos comunitários do programa Centro 2020.

A formalização do protocolo decorreu na manhã desta quarta-feira, pelas 11h30, em Conímbriga, e contou com a presença da directora-geral do Património Cultural, Paula Silva, e do presidente da Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova, Nuno Moita.

A sessão contou ainda com a participação do novo director do Museu Monográfico de Conímbriga, José Ruivo, cujo acto de tomada de posse, na sequência de procedimento concursal, antecedeu a assinatura do documento.

 

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *