Acessibilidades

Por a 22 de Dezembro de 2017 as 12:53

Para o Turismo, as acessibilidades são como “pão para a boca” e, por isso, não é de admirar que muitos elejam a TAP como o principal parceiro comercial do Turismo. Foi nesse sentido que o Publituris promoveu um encontro entre operadores turísticos e o director de vendas para Portugal da companhia aérea. Entre outros temas, falou-se de qual a real importância que a companhia atribui ao canal de distribuição e como melhorar esta relação comercial. Numa altura em que um dos temas que mais preocupa o sector do Turismo em Portugal é a necessidade de aumentar a capacidade aeroportuária da Região de Lisboa, os operadores reconhecem que este é o maior desafio ao desenvolvimento do seu negócio. Muitas são as questões que se colocam, entre elas, como vai o aeroporto de Lisboa responder à crescente procura até 2022, altura em que se prevê que entre em operação o Aeroporto do Montijo. Em entrevista ao Publituris, por email, o presidente executivo da ANA, Carlos Lacerda, responde a algumas questões, mas não a todas as que lhe colocámos. Fica por responder quantos passageiros deixarão de vir devido à saturação da capacidade do aeroporto de Lisboa, se considera que a TAP devia criar um hub no Porto para aliviar o hub de Lisboa e ainda se a ANA está a negociar alguma operação nova para o aeroporto de Lisboa ou está condicionada pela falta de slots.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *