IATA aponta descida de 2,3% nos lucros da aviação em 2017

Por a 5 de Dezembro de 2017 as 17:04

Os lucros do sector da aviação devem rondar, este ano, os 34,5 mil milhões de dólares (cerca de 29 mil milhões de euros), montante que representa uma descida de 2,3%, segundo as previsões da Associação Internacional do Transporte Aéreo (IATA).

No relatório divulgado esta terça-feira, 5 de Dezembro, a IATA revê em alta os números avançados em Junho, que previam uma quebra superior, e estima que os resultados voltem a subir em 2018, atingindo os 38,4 mil milhões de dólares (32 mil milhões de euros), em resultado de uma forte procura, da eficiência da indústria aérea e de juros mais reduzidos.

Quanto a passageiros transportados, as previsões da IATA apontam para que, este ano, o total se situe nos 4,1 mil milhões, comparativamente aos 3,8 mil milhões transportados em 2016. No próximo ano, as previsões da associação indicam que o número deverá rondar os 4,3 mil milhões, o que vai representar uma subida de 6%.

A IATA aponta ainda que o resultado líquido médio por passageiro transportado deverá ser de 8,90 dólares (7,5 euros) no próximo ano, enquanto em 2017 foi de 8,45 dólares (7,1 euros) e em 2016 tinha sido de 9,26 (7,8 euros).

Alexandre de Juniac, director-geral da IATA, diz que estes são “bons tempos” para a indústria aérea global, uma vez que a segurança “é sólida e há mais pessoas do que nunca” a viajar com as companhias aéreas, que abrem mais rotas e registam lucros sustentáveis.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *