OMT e WTTC condenam ataque terrorista em Barcelona

Por a 18 de Agosto de 2017 as 11:27
Cathay Pacific

A Organização Mundial do Turismo condenou “o atentado hediondo” que ocorreu esta quinta-feira, dia 17 de Agosto, na cidade de Barcelona.

“Lamentamos profundamente este acto terrorista e a trágica perda de vidas inocentes. Nestes tempos difíceis, os nossos pensamentos estão com as famílias e amigos das vítimas”, disse Taleb Rifai, secretário-geral da OMT. “Este é mais um ataque cobarde sobre todos nós e um forte aviso que a comunidade internacional deve permanecer unida na luta contra estas forças do mal e contra todas as formas de actos terroristas”, acrescentou, reiterando a total solidariedade da OMT com a Espanha, a sede da OMT e seus cidadãos.

Também a presidente e CEO do World Travel & Tourism Council (WTTC), Gloria Guevara, já condenou os ataques em Barcelona e Cambrils. “Barcelona e Cambrils são dois importantes pontos turísticos. A indústria de Viagens e do Turismo oferece o seu total apoio aos afectados – aos dois destinos, a Espanha, e ao seu povo”.

Hoteleiros espanhóis condenam ataque

“Este ataque ao nosso modo de vida, não pode prejudicar a nossa confiança no futuro e aumenta a nossa confiança nas forças de segurança do Estado, polícias regionais e locais, que a cada dia demonstram grande profissionalismo e preparação”, pode ler-se no site da Confederação Espanhola de Hotéis e Alojamento Turístico (CEHAT).

Face ao ataque terrorista que aconteceu em Barcelona, a CEHAT manifesta “o seu repúdio absoluto contra este acto bárbaro que tenta danificar a coexistência pacífica dos cidadãos europeus. Este acto faz parte de uma sequência repetida de eventos previamente produzidos em Nice, Berlim, Londres, Paris e muitos outros”.

“A Espanha é um modelo de país de coexistência pacífica, de integração de todos os tipos de pessoas de diferentes crenças e costumes, aberto aos visitantes e mistura de culturas e crenças.  (…) O terrorismo é um flagelo global que tenta semear o caos e medo. Faremos o necessário para ser restaurado o mais rapidamente possível o clima de confiança e segurança que define nosso país”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *