Caldas da Rainha vai lançar concurso para construção de hotel

Por a 9 de Fevereiro de 2017 as 13:03

A Câmara Municipal de Caldas da Rainha vai lançar até Março um concurso para a concessão dos pavilhões do parque do município  para a instalação de um hotel privado a construir até 2020.

“Vamos abrir o concurso no decorrer deste trimestre, com um prazo de 60 dias para apresentação das propostas, que esperamos receber até Maio ou Junho”, disse à Lusa o presidente da Câmara das Caldas da Rainha, Fernando Tinta Ferreira.

As normas do concurso de concessão do direito de exploração dos centenários Pavilhões do Parque D. Carlos I e do antigo casino (Céu de Vidro) estabelecem uma concessão por 48 anos, assumindo o investidor a recuperação dos edifícios que se encontram em avançado estado de degradação e o compromisso de submeter, num prazo de um ano após a celebração de contrato, um projecto de reabilitação e instalação de um hotel nos pavilhões.

O projecto poderá incluir uma ligação entre os pavilhões e o Céu de Vidro e a construção de estacionamento, arrumos e áreas técnicas no subsolo.

Após a aprovação do projecto, o investidor terá um prazo de 180 dias para iniciar a construção do hotel, que terá como prazo limite de abertura ao público o dia 2 de Dezembro de 2020.

O concurso estabelece ainda que, após um prazo de carência de cinco anos, o investidor pagará à autarquia uma renda de, no mínimo, 3.500 euros.
Estes imóveis integram a lista de edifícios do programa REVIVE do Governo.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *