“Cabo Verde continua a ser o nosso destino número um”

Por a 22 de Abril de 2015 as 2:41

Nuno MateusA Solférias organiza, esta quarta-feira, em Lisboa, no Sana Lisboa, o roadshow que promove o destino Cabo Verde junto dos agentes de viagens.

Depois de ter passado pelo Porto e por Coimbra, é a vez da capital portuguesa receber o evento, que segue amanhã, quinta-feira, para Albufeira, em parceria com os TACV, TAP, Iberostar, RIU Hotels & Resorts, Oásis Atlântico, Terra Sab e Câmara do Comércio de Cabo Verde.

Ao Publituris, Nuno Mateus, director-geral da Solférias, destaca que o arquipélago africano “continua a ser o nosso destino número um”, apesar de no operador turístico “termos muitos mais destinos com níveis de facturação mais elevados”. Só em 2014, a Solférias levou para Cabo Verde cerca de 22 mil passageiros.

“Há muita capacidade para Cabo Verde, que é um destino que continua, felizmente, a ter muita procura, por variadíssimas razões. As famílias portuguesas estão muito identificadas com Cabo Verde, é um destino próximo, em que a qualidade da hotelaria tem melhorado muito ao longo destes últimos anos e as pessoas ficam satisfeitas”, realça o responsável.

A Solférias disponibiliza, este ano, um voo charter com partida do Porto para o Sal, aos sábados, com início a 6 de Junho até 12 de Setembro (última partida), ao qual se junta ainda um outro voo com partida para a Boavista.

De Lisboa, vai existir um charter com saída para a Boavista, que será reforçado em meados de Julho até Setembro com um voo extra. À saída da capital portuguesa vai estar ainda disponível um voo charter com partida directa para a ilha do Sal. Os voos charter semanais são também partilhados com o operador turístico Soltrópico.

Às operações especiais, acresce ainda a oferta em voos regulares da TAP e dos TACV. O responsável refere que “há muita capacidade e se não for suficiente, mais aviões serão colocados”. “Neste momento estão a vender bem, mas ainda é muito cedo [para avaliar a colocação de voos extra]”, conclui.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *