Câmara de Sintra vai adquirir Hotel Netto à Tivoli Hotels

Por a 26 de Novembro de 2013 as 18:10

O executivo da Câmara de Sintra aprovou exercer o direito de preferência na aquisição das ruínas do centenário Hotel Netto, impedindo a intenção de aquisição da Parques de Sintra Monte da Lua, da qual é accionista.

O edifício do século XIX, adjacente ao Palácio Nacional no centro histórico da vila, que se encontra em ruínas e que é conhecido por ter sido o local onde o escritor romancista Ferreira de Castro morou e escreveu parte da sua obra, será adquirido por 600 mil euros à cadeia dos Hotéis Tivoli S.A, avança a Lusa.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara de Sintra, Basílio Horta (PS), disse que o objetivo é instalar um “hostel para a juventude” no hotel centenário, “um símbolo que está no coração do centro histórico” da vila e que servirá como um exemplo para outros investidores.

Ao exercer o direito de preferência, a câmara impediu a aquisição por parte da Parques de Sintra Monte da Lua (PSML), que gere parte do património de Sintra, como o Palácio da Pena e o Palácio da Vila, e da qual o município é accionista minoritário.

Contactado pela agência Lusa, o presidente da PSML, António Lamas, afirmou que a empresa tinha um projecto já aprovado com fundos comunitários para a reconversão do hotel Netto num hostel. O presidente do conselho de administração da empresa adiantou que o exercício do direito de preferência tanto podia ser exercido pela Câmara de Sintra ou pela Secretaria de Estado da Cultura.

Já Basílio Horta adiantou que é provável que, após as obras de recuperação, não seja o município a explorar o projeto e que até possa ser a Parques de Sintra Monte da Lua a concessionar o futuro hostel.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *