TAP precisa de 385,3 milhões de euros

Por a 16 de Agosto de 2012 as 11:39

O Grupo TAP SGPS fechou as contas em 2011 com 343,2 milhões de euros negativos em capital próprio. Em ano de privatização, o conselho de administração propôs ao accionista a injecção de 385,3 milhões de euros.

A notícia é avançada pela edição desta quinta-feira do Jornal de Negócios, segundo o qual fonte da companhia aérea terá explicado que esta proposta não tem ligação ao processo de privatização, afirmando que “administração precisa pedir que o accionista resolva a situação. Isto é feito todos os anos.”

Ainda de acordo com a publicação diária, o grupo não tem consigo parar – ou abrandar – a descapitalização nos últimos anos e as propostas para injecção de capital têm vindo a crescer.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *