Passos aconselha uma melhor gestão com vista às férias

Por a 3 de Março de 2012 as 12:42

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, aconselhou esta sexta-feira os portugueses a fazerem uma boa gestão para conseguirem ir de férias, independentemente dos cortes nos subsídios de férias. Como? “Fazendo uma boa aplicação dos recursos que têm, como é evidente. Quando há menos, tem de se gastar menos, quando há mais tem de se pensar em ficar com algum de lado para os tempos em que há menos. É isso que eu espero que os portugueses também possam fazer”, afirmou, durante um périplo pela BTL, quando questionado pela comunicação social.

No dia em que a feira abriu as suas portas ao grande público, o primeiro-ministro começou por visitar os stands das Entidades Regionais de Turismo, juntamente com a secretária de Estado do Turismo, Cecília Meireles. Nos casos dos Pólos de Desenvolvimento Turístico, como o Douro, Oeste e Serra da Estrela, os pedidos foram os mesmos. Os representantes desses destinos pediram a Passos Coelho para “não deixar que marcas importantes morressem”, numa alusão à reorganização regional do turismo, que o Governo está a implementar. Pelo meio, o governante provou produtos típicos como um vinho do Douro, morcela, presunto e outras iguarias.

Passos passou pelos quatro pavilhões da BTL e a sua visita terminou no espaço do Brasil, Destino Internacional Convidado deste ano. Antes disso, lembrou que Portugal tem de se “abrir mais ao exterior” e que “o grande contributo para o turismo deve vir de fora”.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *