Rosa do Céu desfaz polémica em relação ao Plano de Marketing

Por a 24 de Fevereiro de 2011 as 23:07

O presidente da Turismo de Lisboa e Vale do Tejo (T-LVT) desvalorizou esta quinta-feira, na BTL, as críticas que lhe foram apontadas pelos vice-presidentes em relação ao Plano de Marketing Estratégico e classificou a atitude como “incorrecta”. As afirmações foram feitas depois da apresentação pública do diagnóstico prospectivo do documento.

Ao Publituris, o responsável fez questão de desmistificar a polémica causada em torno do assunto. “O que aqui fizemos foi apresentar informação técnica, tal como já o fizemos várias vezes, tendo sido a última em Santarém, onde logo aí foi dito que ainda faríamos uma reunião final antes da apresentação do Plano, para que todos os contributos fossem recolhidos. Foi nesse sentido que convidámos todas as pessoas, autarcas e também a direcção a estarem presentes neste evento”, afirmou. Para provar isso, mostrou o ofício que foi enviado, o qual o Publituris pôde verificar, onde pode ler-se, logo na primeira linha, que “encontra-se em fase final de elaboração o Plano de Marketing Estratégico”. No penúltimo parágrafo do ofício lê-se que “esta oportunidade permitirá uma vez mais a recolha de todos os contributos e intervenções” e “iniciará a conclusão do Plano de Marketing”. Nesse sentido, concluiu o presidente da T-LVT, “dizer que com isto se vai passar à apresentação final do documento é incorrecto”.

A polémica começou na quarta-feira, quando, numa nota enviada às redacções, os vice-presidentes da entidade anunciaram que “o referido Plano de Marketing Estratégico não foi aprovado pela Direcção daquela entidade, nem o seu conteúdo é do conhecimento desse órgão ou dos seus membros”.

Os signatários alegaram ainda que “apenas tomaram conhecimento da realização da referida sessão pública através da carta-convite que lhe foi endereçada pelo Presidente da Direcção. Nem mesmo na última reunião da Direcção, realizada no passado dia 14, tinha sido dada qualquer informação sobre o assunto”.

A nota foi assinada por Fernando Seara, presidente da Câmara Municipal de Sintra, Vítor Costa, director geral da Associação Turismo de Lisboa, Duarte Nobre Guedes, presidente do Turismo do Estoril, Helder Sousa Silva, vereador da Câmara Municipal de Mafra, Armando Fernandes, vice-presidente da ARESP e Manuel Faria, vice-presidente executivo da T-LVT

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *