Europcar aposta em jovens da Casa do Gaiato

Por a 15 de Outubro de 2010 as 17:04

Reforçar o espírito da equipa ao mesmo tempo que se constrói algo e se ajuda alguém. Foi este o mote que este ano deu origem à acção de responsabilidade social da Europcar Portugal, que funcionou igualmente como uma acção de team building. A instituição escolhida foi a Casa do Gaiato e o desafio remodelar uma camarata em apenas um dia… uma surpresa para os jovens que nela habitam.

Tudo aconteceu na quinta-feira, 14 de Outubro, quando os jovens da Casa do Gaiato foram para a escola e a ‘team’ Europcar, composta por cerca de 60 pessoas de todos os departamentos e oriundas de vários pontos do país, entrou em acção, dando um ‘novo’ lar a cerca de 15 rapazes, com idades entre os 16 e os 18 anos.

O Publituris esteve no local e falou com alguns dos responsáveis da Europcar, visivelmente satisfeitos com o trabalho e o ambiente que conseguiram criar durante este dia.

João Figueiroa, director de Recursos Humanos, explicou o porquê da escolha ter recaído sobre a Casa do Gaiato e anunciou que, em princípio, será um relação a manter nos próximos anos e que poderá ser alargada a outros âmbitos, como oferecer estágios a alguns jovens da instituição e, quem sabe, a sua integração na empresa.

“Visitámos várias instituições e quando fizemos a visita à Casa do Gaiato achámos que era a que mais precisava e que tinha algo exactamente à nossa medida: uma camarata com dois pisos na qual conseguíamos intervir”, contou o responsável, adiantando que o objectivo este ano “foi não gastar dinheiro numa acção com mais aspectos lúdicos do que outra coisa qualquer, mas sim fazermos uma coisa gira, que sirva alguém e também para nós mostrarmos um bocadinho a nossa responsabilidade social e contribuir para uma obra que tenha algum significado”.

O responsável adiantou ainda que, “eventualmente, vamos manter esta relação com a Casa do Gaiato” justificando “que é uma instituição que tem muito a ver connosco, que forma pessoas no sentido de trabalharem, aprenderem uma profissão e dedicarem-se a ela”.

A Europcar está ainda a ponderar alargar o seu projecto: “Estamos a pensar em depois dar-lhes a possibilidade de fazer estágios na Europcar, um ou dois por ano, e , eventualmente, se virmos que se estão a adaptar bem e a gostar da profissão, integrá-los na empresa”.

Uma ideia também apoiada por Fernando Fagulha, director de Vendas e de Marketing, pois vai ao encontro da filosofia da rent-a-car. “A Europcar tem tentado sempre fazer as coisas de uma maneira consistente, não é fazermos num ano e depois não se faz mais. Somos sempre coerentes e se pudermos alargar isto de uma outra maneira, é sempre agradável”.

Para Fernando Fagulha foi “óptimo” fazer parte desta experiência. “Acho bem que façamos algo que dá proveito e tenho a certeza absoluta que os jovens quando chegarem e virem o que aconteceu vão adorar”.

Também Paulo Moura, director-geral da Europcar Portugal, pôs as ‘mãos à obra’ e, visivelmente satisfeito, ajudou a remodelar a camarata. “É um privilégio poder ajudar esta instituição que ao longo de tantas as décadas tem ajudado e apoiado rapazes que têm grandes carências”, disse o responsável ao Publituris, acrescentando: “Este trabalho que fazemos aqui, que não passa de umas horas, é um pequeno contributo mas muito gratificante, é uma grande satisfação para mim e acho que para toda a gente da Europcar”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *